Nesta quinta feira, às 20h, o São Paulo irá reencontrar o Vasco pelo Campeonato Brasileiro. No primeiro turno, a vitória do Tricolor rendeu a liderança do campeonato e alimentou o sonho da torcida para o título.

Mas a situação agora é diferente. No segundo turno, o São Paulo teve um desempenho nada bom e, embora já tenha garantido participação para no próximo ano, briga pra entrar novamente no G4, grupo que dá acesso direto à Libertadores.

Sob o comando de André Jardine, após a demissão de Diego Aguirre, o São Paulo terá Tréllez no comando de ataque. No primeiro turno, o colombiano marcou o gol da vitória sobre o Vasco, dando a liderança ao Tricolor. No entanto, não balança as redes há nove partidas.

A partida contra o Vasco também foi marcante por ser a despedida do lateral-direito Éder Militão. O jovem revelado em Cotia acordou a transferência ao Porto após recusar renovação de contrato com o clube paulista.

No gol do São Paulo também houve mudanças. Sidão, muito criticado pela torcida, foi substituído por Jean, à partir da partida contra o Internacional. Com contrato até o fim de 2019, o goleiro veterano têm futuro incerto no Tricolor.

Na ocasião, mais de 53 mil torcedores estiveram no Morumbi. Após oito partidas com mais de 40 mil pagantes, o torcedor desanimou após a derrota para o Palmeiras.

 

 
Siga o Futebol Stats também no Google Notícias, CLIQUE AQUI e em seguida aperte em "Seguir"  
 

Deixe uma resposta