Após a rodada 38 do Campeonato Brasileiro, foi decretado o rebaixamento de mais dois clubes para a Série B em 2018. Já os outros dois clubes rebaixados, Atlético-GO e Ponte Preta, já entraram na rodada sem chances matemáticas de escapar do rebaixamento.

O Atlético-GO chegou a dois rebaixamentos na história, enquanto a Ponte Preta chegou ao seu terceiro rebaixamento. Coritiba chegou ao seu quinto rebaixamento, igualando a marca de América-MG e Santa Cruz, uma liderança não desejada por nenhum torcedor.

Somente após o ano de 1988 o Campeonato Brasileiro passou a ter times rebaixados, por isso são contabilizados os rebaixamentos a partir dessa data.

Rebaixamentos na Série A do Brasileirão (desde 1988)*:

5 vezes – América-MG, Coritiba e Santa Cruz;
4 vezes –Criciúma, Goiás, Náutico, Sport e Vitória;
3 vezes – Atlético-PR, Avaí, Bahia, Figueirense, Fortaleza, Guarani, Paysandu, Ponte Preta Portuguesa e Vasco;
2 vezes – América-RN, Atlético-GO, Botafogo, Ceará,Grêmio, Palmeiras e União São João;
1 vez – Atlético-MG, Botafogo-SP, Bragantino, Corinthians, Desportiva-ES, Fluminense, Gama, Internacional, Internacional-SP, Ipatinga, Joinville, Juventude, Prudente, Remo, Santo André, São Caetano e São José-SP.

* Em 1996, Fluminense e Bragantino foram rebaixados, mas houve virada de mesa e os dois clubes jogaram na primeira divisão em 1997. Já em 1999, Gama, Paraná, Juventude e Botafogo-SP também foram rebaixados, mas acabaram jogando também na Copa João Havelange em 2000.

Já na era dos pontos corridos, desde 2003, os clubes que mais caíram até aqui foram: Avaí, Coritiba, Figueirense, Ponte Preta, Vasco e Vitória, cada um com três rebaixamentos. São poucas as equipes que já disputaram a Série A e não foram rebaixadas, apenas seis: São Paulo, Cruzeiro, Santos, Fluminense e Flamengo (que jogaram todas as 14 edições) e a Chapecoense (que disputou sua quarta edição seguida).

Desde 1971, Cruzeiro Flamengo são os únicos a jogarem todas as edições do Brasileiro. São Paulo e Santos, que não disputaram a edição de 1979 (por desentendimento pela falta de datas), entram no seleto grupo dos grandes que nunca foram rebaixados.

Rebaixamentos na Série A do Brasileirão na era dos pontos corridos (desde 2003)*:

3 vezes – AvaíCoritiba, Figueirense, Ponte Preta, Vasco e Vitória
2 vezes – América-MG, Atlético-GO, Bahia, Criciúma, Fortaleza, Goiás, Guarani, Náutico, , Portuguesa, Santa Cruz e Sport
1 vez – América-RN, Atlético-MG, Atlético-PR, Botafogo, Brasiliense, Ceará, Corinthians, Grêmio, Ipatinga, Internacional, Joinville, Juventude, Palmeiras, Paraná, Paysandu, Prudente, Santo André e São Caetano

Inscreva-se no nosso canal

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here