O começo de jogo pode ter empolgado os torcedores do Vasco. A equipe comandada pelo técnico Jorginho até tocava a bola no campo de ataque, não era ameaçada… Mas foi só ilusão. Duas falhas individuais comprometeram completamente os planos vascaínos: Bruno Cosendey errou passe no meio e originou a jogada do primeiro gol, e Ricardo falhou feio antes do segundo. Depois, os visitantes seguiram tocando, tocando e tocando, mas sem efetividade. Foi pouco.

Precisando buscar ao menos um gol para aliviar sua missão em São Januário, o Vasco foi para o ataque – como já estava antes do intervalo. As jogadas de velocidade passaram a surtir efeito, ao contrário do primeiro tempo. Em uma delas, Kelvin, pelo meio, sofreu pênalti, convertido por Thiago Galhardo.

Veja Também!  Assista aos lances e Melhores Momentos de Sheffield United 3 x 0 Chelsea - Campeonato Inglês 2020

O Cruz-Maltino parecia ter se animado com o gol, mas não criou mais chances claras de gol e até recuou em pouco tempo. Os passes passaram a ser mais perto do meio de campo, sem profundidade, e as jogadas perderam velocidade. A postura custou caro: mais um gol de bola aérea e 3 a 1 para ser revertido em São Januário.

 
Siga o Futebol Stats também no Google Notícias, CLIQUE AQUI e em seguida aperte em "Seguir"  
 

Deixe uma resposta