Com o fim das férias coletivas de jogadores, funcionários e comissão técnica nesta quinta-feira (30), o Flamengo começou a tomar novas medidas para diminuir o impacto da pandemia de Coronavírus e da paralisação do futebol em território nacional. O clube carioca iniciou uma série de demissões, com destaque para as categorias de base. Durante o período da manhã na gávea, 10 profissionais foram desligados oficialmente. Ao todo, são 62 demissões que ajudarão a enxugar a folha de pagamento, informação apurada pelo Globoesporte.com.

Seguindo uma programação pré-estabelecida, o Flamengo pretende notificar todos os funcionários entre quinta e sexta-feira (01). Além dos desligamentos, outras medidas estão previstas para a semana que vem, como corte em parte dos salários e a liberação de outros empregados até que as atividades voltem a normalidade, o que já vem acontecendo em outros times da 1ª divisão. O Clube reconhece que a medida é drástica, mas garante que as demissões não chegarão a 10% dos cerca de 1000 funcionários que o time conta atualmente.

Veja Também!  4 Things to Consider While Choosing a Web Host Company

Com os desligamentos, o Flamengo tenta se antecipar aos problemas financeiros previstos por conta da Covid-19 e a paralisação forçada das competições esportivas desde março. Entre os profissionais desligados pelo clube estão funcionários dos alojamentos da base, motorista, roupeiros e fisiologistas, o técnico do time sub-12, analistas de mercado e diversos nomes do time de futsal rubro-negro.

Aqui no Futebol Stats você acompanha tudo sobre os campeonatos nacionais e os internacionais. Portanto, acesse nossa página para saber onde assistir os jogos de Futebol Ao Vivo, e saiba onde assistir todos os jogos de hoje. Assim também, não deixe de acessar a nossa página do Torcedômetro veja o ranking e vote em qual time tem a maior torcida do Brasil.

Veja Também!  Vagner Love não é mais jogador do Corinthians destino será a Rússia
 
Siga o Futebol Stats também no Google Notícias, CLIQUE AQUI e em seguida aperte em "Seguir"  
 

Deixe uma resposta