Mais um dos clubes brasileiros afetados pela paralisação das competições esportivas por conta do Coronavírus, o Cruzeiro irá reduzir em 25% o salário de atletas e funcionários do clube caso os campeonatos continuem suspensos e sem data programada para retorno após 20 de abril. A raposa colocou todos os seus jogadores de férias a partir desta quarta-feira (01), seguindo a medida adotada também por outros clubes do futebol nacional.

O Atlético-MG, principal rival do Cruzeiro, já havia optado por reduzir o rendimento de atletas e funcionários do clube e outros times devem adotar o mesmo método para diminuir o impacto financeiro da pandemia dentro do futebol. Seguindo a medida provisória 927 e CLT (Consolidação das Leis do Trabalho), o clube pode optar por uma redução de 25% nos salários alegando uma situação de força maior, como é o caso da crise causada pelo Covid-19.

Em relação aos funcionários e membros remunerados da diretoria do Cruzeiro e que não entraram em férias a partir desta quarta-feira, os vencimentos serão reduzidos no percentual definido pelo clube e não divulgado oficialmente. A raposa disputa atualmente o Campeonato Mineiro e a Copa do Brasil.

CONFIRA TODAS AS MEDIDAS DO CRUZEIRO DURANTE A PANDEMIA

Aqui no Futebol Stats você acompanha tudo sobre os campeonatos nacionais e os internacionais. Portanto, acesse nossa página para saber onde assistir os jogos de Futebol Ao Vivo, e saiba onde assistir todos os jogos de hoje. Assim também, não deixe de acessar a nossa página do Torcedômetro veja o ranking e vote em qual time tem a maior torcida do Brasil.

 
Siga o Futebol Stats também no Google Notícias, CLIQUE AQUI e em seguida aperte em "Seguir"  
 

Deixe uma resposta