Mais um dia de jogos pela Copa São Paulo de Futebol Júnior. Durante a quinta-feira (11), foram realizadas 16 partidas válidas para segunda fase da competição, onde foi possível conhecer os primeiros classificados para a terceira fase da Copinha. E não faltou emoção nas partidas.

Confira abaixo os placares e os resumos dos jogos:

 Guarani 2 (3 x 4) 2 Atlético-PR 

Em Fernandópolis, o Atlético-PR buscou o empate por 2 a 2 com o Guarani no estádio Cláudio Rodante e levou a decisão para os pênaltis. Gabriel Mesquita, debaixo das traves, defendeu duas cobranças e decidiu a vaga por 4 a 3.

 Votuporanguense 0 x 3 Criciúma Criciúma Logo

Após um primeiro tempo muito disputado na arena, o Criciúma conseguiu abrir o placar com Claudinho, aos 23 da segunda etapa. Atrás no placar, o CAV se jogou todo ao ataque, e o Tigre se aproveitou, ampliando com Julimar, aos 40 minutos. Ainda deu tempo de Mateus marcar o terceiro e sacramentar a classificação da equipe catarinense à próxima fase.

Figueirense 1 x 0 Novorizontino 

O Figueirense foi heroico e conseguiu vencer o Novorizontino por 1 a 0, em duelo disputado na noite desta quinta-feira, no estádio Jorjão, em Novo Horizonte. A equipe catarinense contou com um pênalti desperdiçado pelo Tigre do Vale no primeiro tempo e marcou no início da segunda etapa para se garantir na próxima fase da Copa São Paulo de Futebol Júnior.

Santos 1 (5 x 4) 1 Mirassol 

O Santos precisou da disputa de pênaltis para confirmar classificação à terceira fase da Copinha. Depois do empate por 1 a 1 no tempo normal, o Peixe contou com uma defesa de Renan Pastre para vencer por 5 a 4 nas penalidades e avançar no torneio. Walison Madalena abriu o placar para o Peixe, enquanto Lucas empatou no segundo tempo. Kaio Jorge, de 15 anos, bateu o pênalti decisivo para classificar a equipe da Baixada.

 Atlético-GO 1 (2 x 4) 1 Boavista 

Com um início promissor, o Boavista saiu na frente logo aos 21 minutos, com Storck. Sávio, aos 33 do segundo tempo, empatou para o Dragão. O resultado levou a disputa para os pênaltis. Mesmo desperdiçando uma penalidade, o Verdão se classificou com o resultado de 4 a 2.

 Internacional 1 (4 x 3) 1 XV de Jaú 

O goleiro Carlos Miguel foi, literalmente, gigante na tarde desta quinta-feira, no duelo entre Inter e XV de Jaú pela segunda fase da Copa São Paulo de Futebol Júnior, em Osvaldo Cruz. Com 2,02m, o arqueiro colorado defendeu dois pênaltis após empate em 1 a 1 no tempo normal e tornou-se o herói do clube gaúcho, que segue em frente na competição. Os gols nos 90 minutos foram marcados por Brenner, para o Inter, e Gustavo, para o XV.

 Penapolense 0 (4 x 1) 0 Mogi Mirim 

O Penapolense precisou dos pênaltis para eliminar o Mogi Mirim na Copa São Paulo de Futebol Júnior. Após um 0 a 0 no tempo normal, o CAP fez 4 a 1 nas penalidades sobre o Sapão e está garantido entre os 32 melhores times da Copinha. O duelo foi disputado na tarde desta quinta-feira, no estádio Tenentão, em Penápolis.

Marília 2 (3 x 4) 2 Desportiva Paraense

A Desportiva Paraense segue fazendo história na Copa São Paulo de Futebol Júnior. Mesmo jogando no estádio Abreuzão lotado nesta quinta-feira, a equipe do Norte do Brasil eliminou o Marília por 4 a 3 nos pênaltis após empatar o jogo no tempo normal em 2 a 2. O MAC saiu na frente com dois gols de vantagem, mas a SDP conseguiu empatar com gols relâmpago.

Ponte Preta 0 x 1 Botafogo-SP

De nada adiantou o aproveitamento de 100% na primeira fase da Copa São Paulo. A Ponte Preta de futebol envolvente sucumbiu logo no primeiro duelo eliminatório. Após suportar uma forte pressão no começo, o Botafogo-SP não se intimidou com a campanha adversária e venceu por 1 a 0 nesta quinta-feira à noite, em Franca. O gol foi do atacante Micael.

 São Paulo 2 x 0 Chapecoense 

Sob chuva intensa em Ribeirão Preto, o São Paulo contou com dois gols de Toró para bater a Chapecoense por 2 a 0, nesta quinta-feira, e avançar à terceira fase da Copinha. Depois de um primeiro tempo equilibrado, o atacante fez a diferença e classificou o Tricolor. O próximo adversário será o Botafogo-SP, que já duelou com o São Paulo na fase de grupos – a equipe da capital paulista venceu por 4 a 0. O reencontro está marcado para sábado, às 21h (de Brasília), em Ribeirão.

 Paraná 3 x 2 Batatais

O Tricolor saiu atrás no placar depois que Lucas Gaspar, aos 39 minutos da primeira etapa, aproveitou lançamento e desviou para a rede. O empate veio na etapa final, aos seis minutos, com Silva. Rodrigo Carioca decretou a virada. Quando a vitória parecia decidida, Victor marcou de falta, aos 41 minutos. Mas, Silva novamente, aos 43 minutos, garantiu o triunfo paranista, 3 a 2.

 Cruzeiro 1 (3 x 1) 1 Rio Branco-SP 

Mais uma vez, o Cruzeiro teve dificuldades na Copa São Paulo. Porém, conseguiu se superar e, com Brazão inspirado, venceu o Rio Branco nas penalidades máximas. No tempo normal, Vitinho marcou para o time celeste, ainda no primeiro tempo, enquanto Thiago Junior empatou para a equipe paulista na etapa final. Agora, a Raposa vai enfrentar o Paraná, pela terceira fase da competição.

 Botafogo 0 x 2 Desportivo Brasil 

O Desportivo Brasil não teve muitas dificuldades para neutralizar o Botafogo, nesta quinta-feira, em partida válida pela segunda fase da Copa São Paulo de Futebol Júnior. A equipe paulista venceu o duelo por 2 a 0, eliminou o Alvinegro da competição e garantiu uma vaga na próxima fase da Copinha. O time vai enfrentar o vencedor da partida entre Londrina e Capivariano

 Londrina 2 (4 x 3) 2 Capivariano 

Foi com emoção. O Londrina garantiu vaga na terceira fase da Copa São Paulo de Futebol Júnior ao eliminar o Capivariano por 4 a 3 nos pênaltis, depois de um empate em 2 a 2 no tempo normal. Invicto na competição e com 100% de aproveitamento na primeira fase, o Tubarãozinho esteve na frente do placar por duas oportunidades, cedeu o empate, liderou toda a disputa de pênaltis até perder a última cobrança, mas com a defesa do goleiro Biagi no último pênalti cobrado pelo time paulista, assegurou a vaga na próxima fase da competição.

 Vitória 4 x 1 Ituano 

O Vitória contou com uma noite extremamente inspirada do atacante Eron para garantir vaga na terceira fase da Copa São Paulo de Futebol Júnior. O atacante fez três gols da equipe baiana na vitória por 4 a 1 sobre o Ituano, em jogo disputado na noite desta quinta-feira, no estádio Novelli Júnior, em Itu, debaixo de muita chuva.

 Vila Nova 0 (4 x 5) 0 Primavera-SP 

Primavera-SP e Vila Nova fizeram um jogo acirrado e que terminou empatado por 0 a 0 no estádio Ítalo Mário Limongi, em Indaiatuda. Nos pênaltis, o time da casa levou a melhor e venceu por 5 a 4 para avançar à terceira fase da Copa São Paulo de Futebol Júnior.

 
Siga o Futebol Stats também no Google Notícias, CLIQUE AQUI e em seguida aperte em "Seguir"   

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Por favor, digite seu nome aqui

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.