A CBF (Confederação Brasileira de Futebol) se reuniu nesta quinta-feira (26) com representantes dos clubes da séries A, B, C e D do campeonato nacional para debater e anunciar novas medidas visando o prejuízo mínimo do calendário do futebol brasileiro por conta da pandemia de Coronavírus que atinge o país.

Embora uma nova conversa entre os representantes e a entidade já tenha sido marcada para a semana que vem para debater a evolução dos casos de Coronavírus em todo o Brasil, a expectativa é que as medidas sejam cumpridas por todas as equipes.

A intenção da CBF é que os campeonatos estaduais sejam concluídos e que as duas competições nacionais iniciem com atraso e sejam finalizadas apenas em dezembro. Ao todo, um total de 5 medidas foram debatidas pela CBF e serão adotadas pelos clubes a partir de abril.

Veja Também!  Clubes grandes do futebol paulista devem tomar medidas em conjunto

CONFIRA AS 5 MEDIDAS ESTABELECIDAS PELA CBF

1 – Férias de 20 dias, prorrogáveis por mais 10 dias, a todos os atletas profissionais, membros de comissões técnicas e funcionários a partir de 1º de abril de 2020. Uma possível prorrogação desse período será decidida na próxima reunião da entidade, no dia 15 de abril.

2 –  Os clubes não medirão esforços e realizarão os pagamentos dos salários do mês de março/2020 integralmente. Porém, em se mantendo este cenário de paralisação após o período de férias coletivas, poderá ser necessário aplicar a redução de 25%** (vinte e cinco por cento) na remuneração de todos os atletas profissionais, membros de Comissões Técnicas e funcionários durante o período que durar a paralisação.

**O valor de 25% foi o recomendado pela CBF, mas cada time terá autonomia para definir a forma como irá tratar a questão com seus atletas.

Veja Também!  HAT-TRICK DE RONALDO! Assista os Melhores Momentos de Corinthians 4 x 2 Fluminense - Campeonato Brasileiro 2009 - Jogos Históricos

3 – Serão suspensos, pelo período de paralisação, todos os Contratos de Direito de Imagem, cabendo a cada clube individualmente analisar e observar as características próprias dos respectivos contratos para as consequentes suspensões.

4 – Solicitar às Federações, Confederações e a todas as entidades que organizam campeonatos um período mínimo para condicionamento físico dos atletas de 20 (vinte) dias entre o término da paralisação e a realização de partidas oficiais.

5 – Colocar as dependências esportivas de todos os clubes à disposição das autoridades sanitárias e de saúde para a instalação de leitos, coleta de sangue, realização de exames e outras atividades que se façam necessárias para o auxílio no combate à pandemia e suas consequências.

Veja Também!  Coronavírus - Confira os jogadores que testaram positivo para o Covid-19

VEJA MAIS!! – CBF anuncia a suspensão de competições nacionais

Questionada se iria também ajudar os clubes financeiramente, a CBF confirmou que não tem a intenção de realizar este tipo de apoio no momento. Os campeonatos promovidos pela entidade estão paralisados em todo o país por tempo indeterminado.

Aqui no Futebol Stats você acompanha tudo sobre os campeonatos nacionais e os internacionais. Portanto, acesse nossa página para saber onde assistir os jogos de Futebol Ao Vivo, e saiba onde assistir todos os jogos de hoje. Assim também, não deixe de acessar a nossa página do Torcedômetro veja o ranking e vote em qual time tem a maior torcida do Brasil.

 
Siga o Futebol Stats também no Google Notícias, CLIQUE AQUI e em seguida aperte em "Seguir"  
 

Deixe uma resposta