Quando cita-se um dos melhores jogadores brasileiros em atividade na Europa, é inevitável não mencionar o nome do meia-atacante Philippe Coutinho que atualmente joga pelo Bayern de Munique da Alemanha e também pela Seleção Brasileira.

Philippe Coutinho Correia nasceu em 12/06/1992 no Rio de Janeiro. Coutinho era o filho mais novo – o caçula – dentre os seus irmãos e desde os 6 anos de idade ele já sonhava em ser um jogador de futebol, porém o que mais se sabe sobre Philippe Coutinho? Por quais clubes ele jogou? Quais feitos ele atingiu ao longo de sua carreira?

Juvenil

Os primeiros passos> a primeira pessoa que viu potencial no garoto de 6 anos de idade foi a avó de um amigo de Coutinho, conhecida como “Dona Didi” e ela alertou os pais de Philippe Coutinho naquela época e assim sendo em junho de 1998, Zé Carlos – pai de Coutinho – o matriculou na escolinha de Futsal do Clube dos Sargentos do Rio de Janeiro e em pouco tempo, menos de um ano, Philipinho – como ele era conhecido – foi convidado para fazer testes no time da Mangueira. Em março do ano de 1999, Coutinho foi federado para disputar a Liga de Futsal do Estado do Rio de Janeiro e novamente o garoto mostrou talento “das peladas” e ajudou a equipe das Fraldinhas a conquistar o título e como senão bastasse, ele foi o artilheiro da competição. No mesmo ano Philipinho foi convidado para trocar de clube e jogar no Vasco da Gama.

Observação: trecho retirado do site www.biografiaresumida.com.br

A Carreira de Philippe Coutinho em Números

 

Vasco da Gama

Categorias de Base

Com passagem de destaque pela equipe de Futsal do clube, os dirigentes do Clube de Regatas Vasco da Gama passaram a olhar para o menino com outros olhos e o sucesso nas quadras o levou aos gramados e esta transição fez bem a Coutinho, pois logo no primeiro campeonato que ele disputou – um torneio organizado pelo Jornal dos Sports, em 2003 -, Philippe Coutinho foi artilheiro e também o melhor jogador da competição. Nos anos seguintes, uma sucessão de títulos: campeão carioca 2004 (sub-12), 2005 (sub-13) e 2006 (sub-14). Além da conquista da 1ª Copa do Brasil sub-17, realizada no ano de 2008.

Até o ano de 2006, Coutinho atuava como homem de frente, em outras palavras, ele era um atacante nato. Contudo, a comissão técnica do clube cruzmaltino – Vasco – optou por recua-lo para o meio-campo e assim sendo, ele foi presenteado com a camisa 10. Jogando mais recuado, passou a ser o armador da equipe e se destacar ainda mais e em pouco tempo, o agora camisa 10 e armador das jogadas se transformou no maior destaque das categorias de base do Vasco.

2009

Antes mesmo de jogar pela equipe principal do Vasco, mais precisamente em 22 de julho de 2008, Philippe Coutinho já era jogador da Internazionale, pois o clube italiano pagou 3,8 milhões de euros (equivalente a pouco mais de 16 milhões de reais) para ter o jogador em definitivo e ele ainda não havia jogado pela equipe principal do clube cruzmaltino e outro fator a ser mencionado aqui é que por conta das regras da FIFA, ele permaneceu no Vasco até julho de 2010, quando ele havia acabado de completar 18 anos de idade.

Philippe Coutinho atuando pelo Vasco em partida válida pela série B do Campeonato Brasileiro.

Philippe Coutinho foi promovido ao time principal do Vasco da Gama no primeiro semestre de 2009 e em 19 de junho do mesmo ano, Coutinho enfim estreou pela equipe principal do clube cruzmaltino em partida válida pela 7ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro diante da equipe do Duque de Caxias, porém mesmo com a presença de Coutinho em campo, os 2 times não movimentaram o placar e assim sendo, o resultado foi um empate em 0-0. Além deste jogo, Philippe Coutinho atuou em mais 11 jogos e ele ajudou o clube cruzmaltino no seu retorno para a primeira divisão do Campeonato Brasileiro.

  • Números de Philippe Coutinho na sua 1ª Temporada no Vasco
Pd Gm A CA CV Mj no ano de 2009
12  0 2 1 414

Pd – Partidas disputadas; Gm – Gols marcados; A – Assistências; CA – Cartões amarelos; CV – Cartões vermelhos e Mj – Minutos jogados

2010

Philippe Coutinho celebrando um de seus gols pelo Campeonato Carioca.

No seu último semestre com a camisa do Vasco, Philippe Coutinho fez dupla de ataque ao lado do experiente Dodô, também conhecido como o artilheiro dos gols bonitos. Em 24/01/2010 em jogo válido pela 3ª rodada do Campeonato Carioca, Coutinho marcou o seu primeiro e também o segundo gol como profissional na goleada por 6-0 sobre o Botafogo em pleno Nilton Santos, estádio do rival. Em 27 de maio do mesmo ano, Philippe Coutinho marcou o seu primeiro e único gol no Brasileirão na vitória por 3-2 sobre o Inter de Porto Alegre em partida válida pela 4ª rodada. Somando-se os jogos da temporada anterior, em 43 jogos pelo clube cruzmaltino, Coutinho marcou 5 gols e proveu 4 assistências em jogos de Campeonato Carioca, Brasileirão e Copa do Brasil.

  • Números de Philippe Coutinho na sua 2ª e última temporada no Vasco
Pd Gm A CA CV Mj no ano de 2010
31 *5 4 5 **594

* 5 gols dos quais 3 foram pelo Campeonato Carioca, 1 pela Copa do Brasil e 1 pelo Brasileirão

** conta-se os minutos jogados no Campeonato Brasileiro

Títulos que conquistou pelo Vasco

  • Campeonato Brasileiro – Serie B: 2009
  • O vídeo abaixo mostra todos os gols de Philippe Coutinho com a camisa do Vasco da Gama
  • Este vídeo foi publicado no YouTube em 30 de junho de 2018 por “Aqui é Vasco

Internazionale

2010-11

Apresentação de Philippe Coutinho na Internazionale.

Foi apresentado oficialmente como jogador da Internazionale em 19 de julho de 2010, no entanto, como já foi dito anteriormente Philippe Coutinho era jogador da Inter de Milão desde 22/07/2008, e assim que chegou ao seu novo clube, Rafa Benítez – técnico da Internazionale naquela época – o integrou ao elenco principal para a temporada 2010-11.

Em 27 de agosto de 2010, Philippe Coutinho fez a sua estreia pelo seu mais novo clube ao substituir o meia holandês Wesley Sneijder aos 34 minutos do segundo tempo e não foi uma estreia dos sonhos; a Internazionale perdeu a decisão da Supercopa da UEFA por 2-0 para o Atlético de Madrid.

Em 20/10/2010, em partida válida pela 3ª rodada da fase de grupos da UEFA Champions League, Coutinho proveu uma assistência para Samuel Eto’o marcar o quarto tento dos “Neurazzurri” – Internazionale – na vitória por 4-3 sobre o Tottenham e 4 dias depois Philippe Coutinho e Eto’o reeditaram essa dobradinha, gol do camaronês com assistência do brasileiro, para evitar uma derrota da Inter de Milão diante da Sampdoria em jogo válido pela 8ª rodada da Serie A – Campeonato Italiano – e assim sendo a partida terminou empatada em 1-1.

Philippe Coutinho celebrando um de seus gols com a camisa da Internazionale

Em 19/11/2010, Coutinho abandonou o treino sentindo dores musculares e devido a esta lesão ele ficou de fora de 5 rodadas do campeonato italiano e também das duas últimas rodadas da fase de grupos da Liga dos Campeões 2010-11.

Assim que se recuperou da lesão, Coutinho passou a atuar regularmente em partidas do campeonato italiano sob o comando de Rafa Benítez. Após a demissão deste, e a chegada de Leonardo, Philippe passou a ter ainda mais chances na equipe titular e o jovem de 19 anos retribuiu a confiança do novo técnico ao se destacar na partida contra o Bayern de Munique da Alemanha pelas oitavas de final da UEFA Champions League, onde a equipe italiana reverteu a derrota por 1-0 no jogo de ida e avançou às quartas de final com uma vitória por 3-2. Em 8 de maio de 2011, Philippe marcou o seu primeiro gol com a camisa da Internazionale na vitória por 3-1 sobre a Fiorentina, em partida válida pela 36ª rodada da Serie A.

  • Números de Philippe Coutinho na 1ª Temporada na Internazionale
Pd Gm A CA CV Mj na temporada 2010-11
20 *1 2 1 1072

* Gol marcado em partida válida pela Serie A – Campeonato Italiano

2011-12

Com a saída de Leonardo do comando da Internazionale e a chegada de Gian Piero Gasperini, Philippe Coutinho passou a ter menos espaço, mas ainda assim em 19/11/2011, o brasileiro marcou um dos gols na vitória por 2-1 sobre o Cagliari em partida válida pela 12ª rodada da Serie A. No entanto, ele ainda não estava sendo aproveitado e por conseguinte, Coutinho foi emprestado para o Espanyol de Barcelona da Espanha.

  • Números de Philippe Coutinho na sua 2ª Temporada na Internazionale
Pd Gm A CA CV Mj na temporada 2011-12
8 *1 1 1 327

* Gol marcado em partida válida pela Serie A – Campeonato Italiano

Espanyol

2011-12

Em 30 de janeiro de 2012, foi anunciado o empréstimo de Philippe Coutinho ao Espanyol, da Espanha até o final da temporada 2011-12. Cinco dias após a chegada ao clube espanhol, mais precisamente em 04/02/2012, fez a sua estreia pelo clube catalão em um empate por 3-3 contra o Athletic Bilbao em jogo válido pela 22ª rodada da La Liga (campeonato espanhol).

Em 11 de março de 2012, Philippe marcou os seus primeiros gols com a camisa do Espanyol aos 10 e aos 22 minutos do primeiro tempo na goleada por 5-1 sobre o Rayo Vallecano em partida válida pela 27ª rodada da La Liga. Oito dias depois, em jogo válido pela 28ª rodada do campeonato espanhol, o brasileiro voltou a se destacar na vitória por 3-1 sobre o Racing ao marcar um gol e prover uma assistência para o gol de Héctor Moreno. Em 25/03/2012, em partida válida pela 30ª rodada da La Liga, Coutinho voltou a marcar um gol – o seu quarto tento em 9 jogos com a camisa do Espanyol -, porém mesmo assim, os “Blanquiblaus” – Espanyol – perdeu a partida pelo placar de 2-1 para o Málaga.

Em 13 de maio de 2012, em jogo válido pela última rodada do Campeonato Espanhol, Coutinho fez o gol que evitou a derrota do Espanyol ante o Sevilla e assim sendo, esta partida ficou apenas no empate em 1-1. Este foi o último tento de Philippe Coutinho com a camisa do Espanyol.

Nos 6 meses em que vestiu a camisa dos Blanquiblaus, Philippe Coutinho mostrou grande forma e passou a ser cobiçado pelos grandes clubes da Espanha e ainda também é importante mencionar que ele foi eleito a revelação da La Liga 2011-12. Marcou 5 tentos e proveu uma assistência em 16 jogos com a camisa do Espanyol.

  • Números de Philippe Coutinho na sua 1ª e única Temporada no Espanyol
Pd Gm A CA CV Mj na temporada 2011-12
16 *5 1 2 1 1178

* Gols válidos pela La Liga

  • O vídeo abaixo mostra os melhores momentos de Philippe Coutinho com a camisa do Espanyol
  • Este vídeo foi publicado no YouTube em 13 de novembro de 2017 por Edlir Televizion

Internazionale

2012-13

Com o fim do empréstimo, em julho de 2012, o “pequeno mágico” – Philippe Coutinho – retornou ao clube italiano, agora recebendo a camisa de número 7. Em 2 de agosto de 2012, em jogo válido pela fase qualificatória da Liga Europa, Coutinho entrou aos 20 minutos do segundo tempo no lugar de Wesley Sneijder e depois de 8 minutos, ele marcou o gol que decretou o resultado da partida: vitória da Internazionale sobre o Hajduk Split da Croácia por 3-0.

Em 26/08/2012, na estreia dos Neurazzurri na Serie A 2012-13, Andrea Stramaccioni voltou a utilizá-lo no segundo tempo de uma partida e assim sendo, Coutinho entrou em campo aos 23 minutos do segundo tempo no lugar de Antonio Cassano e novamente o brasileiro marcou o último tento de uma vitória da Internazionale por 3-0, desta vez sobre o Pescara.

Em 4 de outubro de 2012, Philippe Coutinho marcou o seu último gol com a camisa da Inter de Milão, na vitória por 3-1 sobre o Netftiçi Baku do Azerbaijão em jogo válido pela fase de grupos da Europa League 2012-13. Em Suma, em 47 partidas com a camisa da Internazionale, Philippe Coutinho fez 5 gols e proveu 4 assistências.

  • Números de Philippe Coutinho na sua 3ª e última Temporada na Internazionale
Pd Gm A CA CV Mj na temporada 2012-13
19 *3 1 2 905

* 3 gols dos quais 2 foram pela UEFA Europa League e 1 pela Serie A

Títulos que conquistou pela Internazionale

  • Supercopa da Itália de 2010
  • Copa da Itália 2010-11
  • O Vídeo abaixo mostra 4 dos 5 gols que Coutinho marcou com a camisa da Internazionale
  • Este vídeo foi publicado no YouTube em 6 de janeiro de 2018 por IPLAY FIFA

 

Liverpool

2012-13

A imagem acima mostra Philippe Coutinho sendo apresentado no Liverpool.

Em 26 de janeiro de 2013, Philippe Coutinho foi anunciado como novo reforço do Liverpool da Inglaterra, a contratação do brasileiro custou 8,5 milhões de libras (cerca de 37 milhões de reais naquela época) aos cofres do clube da “Terra da Rainha”. Ainda convém lembrar que o Southampton, cujo treinador naquela época era o argentino Mauricio Pochettino, também havia demonstrado interesse na contratação do brasileiro, pois o treinador já trabalhou com Coutinho no Espanyol, porém o “pequeno mágico” optou por assinar com o Liverpool. Em 30 de janeiro, os Reds – Liverpool – confirmaram a contratação do meia brasileiro e além disso, Philippe Coutinho recebeu a camisa 10.

A primeira vez que o “pequeno mágico” entrou em campo como jogador do Liverpool foi em 11 de fevereiro de 2013, em partida válida pela 26ª rodada da Premier LeagueCampeonato Inglês -, substituindo Stewart Downing aos 35 minutos do segundo tempo, porém ele não estreou “com o pé direito”, pois os Reds foram derrotados por 2-0 pelo West Bromwich em pleno Anfield Road, estádio do Liverpool.

Em 17/02/2013, em jogo da 27ª rodada da Premier League, no seu segundo jogo com a camisa dos Reds, Philippe Coutinho marcou o seu primeiro gol pelo seu novo clube na goleada por 5-0 sobre o Swansea e após o fim desta partida, Brendan Rogers – técnico do Liverpool na temporada 2012-13 – se “derreteu” em elogios ao “pequeno mágico”.

Veja Também!  Como assistir Marreco x Carlos Barbosa Futsal AO VIVO – LNF 2020

Philippe Coutinho voltou a ter uma boa atuação na goleada por 4-0 sobre o Wigan na 28ª rodada do Campeonato Inglês, porém desta vez ele não marcou tentos, no entanto deu passes para os gols de Stewart Downing e de Luis Suárez.

Em 16/03/2013, o brasileiro marcou o seu segundo gol com a camisa do Liverpool em partida válida pela 30ª rodada da Premier League, no entanto, mesmo com o gol de Coutinho, os Reds perderam por 3-1 para o Southampton. Philippe Coutinho ganhou o prêmio de melhor jogador do Liverpool do mês de março, superando inclusive o artilheiro dos Reds na temporada 2012-13, Luis Suárez atual ganhador do prêmio.

Em 12/05/2013, o brasileiro deu dois passes para os 2 gols de Daniel Sturridge na vitória por 3-1 sobre o Fulham em partida válida pela penúltima rodada da Premier League. Em 19/05/2013, em jogo válido pela última rodada do Campeonato Inglês, Coutinho marcou o único gol da vitória dos Reds sobre o Queens Park Rangers. Em suma, Philippe Coutinho terminou a sua primeira temporada pelo Liverpool com 3 gols e 5 assistências em 13 partidas.

  • Números de Philippe Coutinho na sua 1ª Temporada no Liverpool
Pd Gm A CA CV Mj na temporada 2012-13
13 *3 7 930

* Gols válidos pela Premier League

2013-14

Philippe Coutinho fez a sua primeira partida da temporada 2013-14 como titular e diferentemente da sua estreia com a camisa do Liverpool, desta vez os Reds começaram com o pé direito e venceram o Stoke City por 1-0 em 17 de agosto de 2013. Em 16/09/2013, em partida válida pela 4ª rodada da Premier League contra o Swansea, o brasileiro sofreu uma lesão no ombro após um choque com Ashley Williams. Após um período no Departamento médico, ele voltou a jogar em 2 de novembro do mesmo ano, mas no seu retorno aos gramados, o Liverpool perdeu por 2-0 para o Arsenal.

Em 23/11/2013, Philippe Coutinho marcou o seu primeiro gol nesta temporada em partida válida pela 12ª rodada da Premier League e ele marcou esse tento no “Merseyside derby” – clássico local da cidade de Liverpool na Inglaterra que envolve as equipes do Everton e do Liverpool -, a partida foi tão parelha que este duelo terminou em um empate em 3-3.

Em 26/12/2013, em jogo válido pela 18ª rodada do Campeonato Inglês, o brasileiro marcou o único gol dos Reds na derrota por 2-1 diante do Manchester City.

Uma dupla que deu muito certo no Liverpool: Philippe Coutinho e Luis Suárez

Em 12 de fevereiro de 2014, Philippe Coutinho marcou o seu primeiro gol no ano de 2014 em partida válida pela 26ª rodada da Premier League na vitória por 3-2 sobre o Fulham.

Em 22/03/2014, o brasileiro voltou a ser destaque em mais uma vitória dos Reds, porém desta vez ele não se destacou com gols e sim com duas assistências para os 2 gols de Martin Skrtel na goleada por 6-3 sobre o Cardiff. Pouco mais de uma semana após este jogo, mais precisamente em 30/03/2014, Philippe Coutinho marcou um dos gols na goleada por 4-0 sobre o Tottenham.

Em 13 de abril de 2014, em jogo válido pela 34ª rodada da Premier League, Coutinho se destacou na vitória por 3-2 sobre o Manchester City porque ele foi o responsável pelo gol de desempate e também porque este resultado colocou os Reds sete pontos à frente dos Citizens – Manchester City -, na liderança do campeonato inglês, porém ainda restavam 4 rodadas para os Reds. Contudo, ainda restavam 6 rodadas para os Citizens e por conseguinte, o Manchester City conseguiu tirar a diferença e conquistou o título da Premier League 2013-14, com o Liverpool terminando em segundo lugar.

  • Números de Philippe Coutinho na sua 2ª Temporada no Liverpool
Pd Gm A CA CV Mj na temporada 2013-14
37 *5 8 2 2599

* Gols válidos pela Premier League

2014-15

Assim como ocorreu na temporada anterior, os Reds do Philippe Coutinho começaram a temporada 2014-15 com o pé direito, vencendo o Southampton por 2-1 no Anfield Road em 17 de agosto de 2014, mas por outro lado, o Liverpool perdeu um de seus principais jogadores para esta temporada, o atacante uruguaio Luis Suárez. O “pequeno mágico” marcou o seu primeiro gol nesta temporada em 19/10/2014 na vitória por 3-2 sobre o Queens Park Rangers, vale ressaltar que dos 5 gols desta partida 4 deles foram marcados nos últimos 9 minutos de jogo.

Em 28 de outubro do mesmo ano, Philippe Coutinho deu a sua primeira assistência da temporada na vitória por 2-1 sobre o Swansea pela quarta rodada da Copa da Liga Inglesa, o autor do gol foi o zagueiro Dejan Lovren.

Em 21/12/2014, em partida válida pela 17ª rodada da Premier League, o brasileiro marcou o seu segundo gol nesta temporada no empate em 2-2 com o Arsenal.

Ano novo e Philippe Coutinho seguia se destacando no Liverpool e desta vez em jogo da 23ª rodada do Campeonato Inglês, mais precisamente em 31 de janeiro de 2015, foi um dos destaques do jogo com passes para os gols de Raheem Sterling e Daniel Sturridge na vitória dos Reds por 2-0 sobre o West Ham.

Em 03/02/2015, Coutinho assinou um novo contrato com os Reds, com duração até o ano de 2020. Um dia depois de estender o seu contrato com o Liverpool, o brasileiro marcou o gol da vitória por 2-1 sobre o Bolton Wanderers pela quarta rodada da Copa da Inglaterra e assim sendo, os Reds se classificaram para as quartas-de-final desta competição.

Em 22/02/2015, em jogo válido pela 26ª rodada da Premier League, Coutinho foi o responsável por abrir o placar na vitória por 2-0 sobre o Southampton em pleno St Mary’s Stadium, estádio dos Saints (Southampton). Na rodada seguinte do Campeonato Inglês, mais precisamente em 1 de março, o brasileiro foi decisivo no triunfo por 2-1 sobre o Manchester City ao marcar o gol que selou a vitória dos Reds. O empenho de Philippe Coutinho no Liverpool foi reconhecido e não foi por acaso que ele ganhou o prêmio de jogador do mês PFA Fans’ POTM do mês de fevereiro.

Em 08/04/2015, no segundo jogo das quartas de final da Copa da Inglaterra, Coutinho marcou o único gol da vitória dos Reds sobre o Blackburn Rovers em pleno Ewood Park e assim sendo, o Liverpool estava classificado para disputar a semifinal da Copa da Inglaterra. Onze dias após este confronto, o Liverpool teria de passar pelo Aston Villa para chegar a final da FA Cup – Copa da Inglaterra -, no entanto, mesmo com Philippe Coutinho marcando um gol nesta partida, os Reds perderam de 2-1 e com isso estavam eliminados da Copa da Inglaterra. Em 26 de abril, o brasileiro foi o único jogador do Liverpool a ser nomeado para a “Equipe do ano da Premier League”.

Em 02/05/2015, em partida válida pela 35ª rodada da Premier League, além do brasileiro marcar um dos gols nesta partida ele também proveu uma assistência para o gol de Steven Gerrard e com isso, vitória do Liverpool por 2-1 sobre o Queens Park Rangers. Dezessete dias depois, Philippe Coutinho foi eleito o melhor jogador do Liverpool na temporada 2014-15, mas mesmo com o brasileiro tendo feito uma boa temporada, os Reds não conseguiram se classificar para a UEFA Champions League 2015-16.

  • Números de Philippe Coutinho na sua 3ª Temporada no Liverpool
Pd Gm A CA CV Mj na temporada 2014-15
52 *8 6 4 4093

* 8 gols dos quais 5 foram pela Premier League e 3 pela Copa da Inglaterra

2015-16

Diferentemente das temporadas anteriores, na temporada 2015-16 o Liverpool também estreou com uma vitória na Premier League assim como estreou vencendo nas temporadas 2013-14 e na temporada 2014-15, mas desta vez o autor do gol da vitória dos Reds por 1-0 sobre o Stoke City na primeira rodada da Premier League 2015-16 em 9 de agosto de 2015 foi Philippe Coutinho.

Em 29/08/2015, em partida válida pela 4ª rodada do Campeonato Inglês, pela primeira e única vez até aqui em toda a sua carreira, Coutinho levou 2 cartões amarelos no mesmo jogo e com isso ele foi expulso na derrota por 3-0 diante do West Ham em pleno Anfield Road.

Em 26/09/2015, em jogo válido pela 7ª rodada da Premier League, o brasileiro voltou a se destacar, mas desta vez não com gols e sim com dois passes para os gols de James Milner e Daniel Sturridge na vitória dos Reds por 3-2 sobre o Aston Villa.

Em 31/10/2015, o “pequeno mágico” voltou a ser destaque em um clássico, desta vez ele marcou 2 gols na vitória por 3-1 sobre o Chelsea em pleno Stamford Bridge. Nos 2 jogos seguintes pela Premier League, Coutinho marcou o único gol na derrota por 2-1 diante do Crystal Palace e marcou mais um gol na goleada por 4-1 sobre o Manchester City em pleno Etihad Stadium, vale ressaltar que além de marcar um tento no último jogo, ele também deu o passe para o gol do também brasileiro Roberto Firmino, porém ele teve de deixar o campo mais cedo devido à uma tensão muscular na coxa e por este motivo ele não pôde jogar as partidas contra o Swansea e Newcastle.

Em 5 de janeiro de 2016, o brasileiro sofreu uma lesão no tendão no jogo de ida das semifinais da Copa da Liga Inglesa, mas mesmo com a saída de Coutinho o Liverpool derrotou o Stoke City pelo placar de 1-0 em pleno Britannia Stadium. Esta lesão fez com que Philippe Coutinho ficasse por 5 semanas fora dos gramados. No seu retorno, em 14/02/2016, o “pequeno mágico” voltou em grande estilo, pois em partida válida pela 26ª rodada da Premier League, ele deu 2 passes para os gols de Sturridge e Origi na goleada por 6-0 sobre o Aston Villa.

Em 28/02/2016, o Liverpool enfrentou o Manchester City na final da Copa da Liga Inglesa, partida na qual Philippe Coutinho marcou o gol de empate aos 38 minutos do segundo tempo e com o empate em 1-1 persistindo após 30 minutos de prorrogação, o campeão da EFL Cup – Copa da Liga Inglesa – teve de ser decidido nos pênaltis e Lucas Leiva, Philippe Coutinho e Adam Lallana não converteram as suas cobranças e como consequência, os Citizens venceram a disputa por pênaltis pelo placar de 4-1.

Em 17 de março do mesmo ano, no segundo jogo das oitavas de final da Europa League 2015-16 diante do Manchester United, o brasileiro marcou o gol do empate em 1-1 que classificou os Reds para a fase seguinte desta competição. Três dias depois de ajudar a equipe a se classificar para as quartas de final da Liga Europa, Coutinho um dos gols do Liverpool na derrota por 3-2 para o Southampton em partida válida pela 31ª rodada da Premier League.

Na rodada seguinte, em 02/04/2016, Philippe Coutinho fez gol pelo terceiro jogo seguido, desta vez no empate em 1-1 diante do Tottenham. Em 14/04/2016, o brasileiro foi um dos principais destaques dos Reds na vitória por 4-3 sobre o Borussia Dortmund da Alemanha; nesta partida ele marcou um dos gols e também proveu uma assistência para o gol de Mamadou Sakho e com mais este triunfo, o Liverpool estava classificado para as semifinais da Europa League 2015-16. Seis dias depois, desta vez em partida adiada da Premier League, o “pequeno mágico” marcou um dos gols na goleada por 4-0 sobre o seu maior rival, Everton.

O último jogo do Liverpool na temporada 2015-16 foi na final da Liga Europa diante do Sevilla da Espanha, apesar de Philippe Coutinho ter dado o passe para o gol de Daniel Sturridge, os Reds foram derrotados por 3-1 pelos espanhóis e Coutinho e o elenco do Liverpool tiveram de amargar mais uma derrota em uma decisão, a segunda só nesta temporada.

  • Números de Philippe Coutinho na sua 4ª Temporada no Liverpool
Pd Gm A CA CV Mj na temporada 2015-16
43 *12 7 5 1 3215

* 12 gols dos quais 8 foram pela Premier League, 2 pela Europa League, 1 pela Copa da Inglaterra e 1 pela Copa da Liga Inglesa

2016-17

Se na temporada anterior o Philippe Coutinho estreou marcando um gol na primeira rodada da Premier League, desta vez ele estreou marcando 2 na vitória por 4-3 sobre o Arsenal em 14 de agosto de 2016.

Em 16 de setembro de 2016, em partida válida pela 6ª rodada da Premier League, o “pequeno mágico” voltou a ser decisivo em um clássico, desta vez ele deu o passe para o gol do zagueiro croata Dejan Lovren na vitória por 2-1 sobre o Chelsea e na rodada seguinte, ele fez um dos gols na goleada por 5-1 sobre o Hull City e também proveu uma assistência para o gol de Adam Lallana.

Coutinho voltou a ser destaque nas vitórias por 2-1 sobre o West Bromwich, 4-2 sobre o Crystal Palace e na goleada por 6-1 sobre o Watford em jogos válidos pela 9ª, 10ª e 11ª rodadas da Premier League; diante dos Baggies – West Bromwich – o brasileiro marcou um gol, no jogo seguinte ele proveu duas assistências e na goleada sobre o Watford marcou um tento e deu uma assistência. Após 11 rodadas de Premier League, o Liverpool ao topo da tabela pela primeira vez desde o ano de 2014 com Coutinho desempenhando um papel importante neste time.

Philippe Coutinho e Roberto Firmino

Em 26/11/2016, em partida válida pela 13ª rodada da Premier League, Philippe Coutinho sofreu uma lesão no ligamento do tornozelo no primeiro tempo do jogo diante do Sunderland, ao qual os Reds venceram pelo placar de 2-0. O “pequeno mágico” ficou afastado dos gramados por 45 dias e só voltou a jogar em 11 de janeiro de 2017, no primeiro jogo da semifinal da Copa da Liga Inglesa contra o Southampton, ao qual os Reds perderam por 1-0. Ainda falando sobre o mês de janeiro, o brasileiro assinou um novo contrato com o Liverpool por 5 anos sem clausula de liberação com o clube, o que o manteria no Liverpool até 2022.

Em 01/04/2017, em jogo da 30ª rodada da Premier League, Coutinho foi eleito o “homem do jogo” na vitória por 3-1 no “Merseyside Derby”, pois nesta partida o brasileiro marcou um tento e deu um passe para o gol do atacante senegalês Sadio Mané. Na rodada seguinte do Campeonato Inglês, Coutinho marcou mais um gol no empate em 2-2 com o Bournemouth e em 08/04/2017, em jogo válido pela 32ª rodada da Premier League, ele se tornou o jogador brasileiro com o maior número de gols na história da Premier League ao marcar mais um tento, desta vez na vitória por 2-1 sobre o Stoke City.

Veja Também!  Como assistir Sassuolo x Cagliari Futebol AO VIVO – Campeonato Italiano

Philippe Coutinho, o camisa 10 do Liverpool superou Juninho Paulista – atualmente ele é o gerente de futebol do Ituano, clube do interior de São Paulo – após marcar o seu 30º gol na Liga Inglesa e por falar em Juninho, convém lembrar que ele teve passagem pelo Middlesbrough no começo dos anos 2000 e atuando por este clube fez 29 gols.

Antes do término da temporada 2016-17, nas duas últimas rodadas da Premier League, Philippe Coutinho foi o destaque na goleada por 4-0 sobre o West Ham com 2 gols e uma assistência e marcou mais um tento na vitória por 3-0 sobre o Middlesbrough na última rodada da Premier League 2016-17 e com este resultado, os comandados de Jürgen Klopp estavam classificados para disputar a UEFA Champions League 2017-18.

  • Números de Philippe Coutinho na sua 5ª Temporada no Liverpool
Pd Gm A CA CV Mj na temporada 2016-17
36 *14 9 2 2531

* 14 gols dos quais 13 foram pela Premier League e 1 pela Copa da Liga Inglesa

2017-18

Antes do início da temporada 2017-18, o Liverpool recusou uma proposta de 72 milhões de libras do Barcelona por Coutinho  e além disso, o diretor Albert Saler afirmou que o clube inglês não o liberaria por menos de 183 milhões de libras, mas vale ressaltar que esta foi apenas a primeira de outras tentativas do Barcelona que mesmo com esta recusa ainda não havia desistido de Philippe Coutinho.

A primeira aparição do brasileiro na temporada 2017-18 com a camisa do Liverpool aconteceu em 13 de setembro de 2017 em partida válida pela 1ª rodada da fase de grupos da Liga dos Campeões, ao substituir Emre Can aos 30 minutos do segundo tempo, o adversário do Liverpool era o Sevilla e o resultado desta partida foi um empate em 2-2.

Em 23/09/2017, em jogo válido pela 6ª rodada da Premier League, o “pequeno mágico” marcou um dos gols na vitória por 3-2 sobre o Leicester, o primeiro dele nesta temporada, e também deu um passe para o gol do atacante egípcio Mohamed Salah. Na rodada seguinte, o brasileiro marcou o único tento dos Reds no empate em 1-1 com o Newcastle.

Em 06/12/2017, pela primeira vez desde que vestiu a camisa dos Reds o brasileiro foi o capitão do time na ausência de Jordan Henderson e como senão bastasse, pela primeira vez em toda a sua carreira, em partida válida pela última rodada da fase de grupos da UEFA Champions League diante do Spartak de Moscou da Rússia, o brasileiro marcou o primeiro hat-trick – ocorre quando um jogador marca 3 gols ou mais em um único jogo – na goleada por 7-0 sobre os russos. O seu segundo gol neste último jogo foi um passe do também brasileiro Roberto Firmino e este não foi um gol qualquer e sim o 50º gol de Philippe Coutinho com a camisa dos Reds.

Ainda convém lembrar que Coutinho também havia marcado um tento na goleada por 7-0 sobre o Maribor da Eslovênia no Anfield Road, esta foi a maior goleada imposta por um clube inglês jogando em solo inglês na Liga dos Campeões.

Mais tarde naquele mês, em partida válida pela 18ª rodada da Premier League, o brasileiro marcou o gol que abriu o placar na goleada por 4-0 sobre o Bournemouth; com este resultado o Liverpool quebrava um recorde, o clube se tornou o primeiro time na história da Premier League a vencer 4 partidas seguidas do campeonato por uma margem de pelo menos 3 gols. Na rodada seguinte o Liverpool não venceu, mas a média de gols dos Reds continuava a mesma e Philippe Coutinho marcou um dos 3 gols do Liverpool no empate em 3-3 com o Arsenal e em 26/12/2017, o “pequeno mágico” fez o seu jogo de número 200 com a camisa do Liverpool e com isso ele foi o capitão do time neste jogo e no seu 200º jogo defendendo os Reds, ele fez um dos gols na goleada por 5-0 sobre o Swansea e também deu um passe para o gol de Firmino.

Em 30/12/2017, em jogo válido pela 21ª rodada da Premier League, Philippe Coutinho fez o seu último jogo com a camisa dos Reds na vitória de 2-1 sobre o Leicester. Em suma, Coutinho jogou 201 partidas pelo Liverpool, marcou 54 gols e proveu 45 assistências.

  • Números de Philippe Coutinho na sua 6ª e última Temporada no Liverpool
Pd Gm A CA CV Mj na temporada 2017-18
20 *12 8 1509

* 12 gols dos quais 7 foram pela Premier League e 5 pela UEFA Champions League

  • O vídeo abaixo mostra todos os gols de Philippe Coutinho com a camisa do Liverpool
  • Este vídeo foi publicado no YouTube em 26 de fevereiro de 2018 por RLFComps

Barcelona

2017-18

Philippe Coutinho sendo apresentado como o mais novo reforço do Barcelona.

Em 6 de janeiro de 2018, o Liverpool emitiu um comunicado oficial no qual o clube anunciou a saída de Philippe Coutinho para o Barcelona da Espanha. O brasileiro assinou um contrato de 5 anos e meio com o clube catalão com uma cláusula de rescisão de 400 milhões de euros. Os valores da transferência não foram divulgados pelo Barcelona, mas especula-se que Philippe Coutinho custou cerca de 130 milhões de euros (o equivalente a 565 milhões de reais) fixos aos cofres do clube da Catalunha e além disso mais 33 milhões de euros em variáveis, transformando o jogador brasileiro no segundo atleta mais caro de todos os tempos, atrás apenas de Neymar do Paris Saint-Germain.

Devido a uma lesão, Philippe Coutinho só pôde estrear pelo Barcelona em 25 de janeiro de 2018 no segundo jogo das quartas de final da Copa do Rei diante do Espanyol, seu ex-clube, o brasileiro entrou aos 23 minutos do segundo tempo no lugar do meia espanhol Andrés Iniesta. Três dias depois, Coutinho fez o seu primeiro jogo com a camisa do Barcelona no Campeonato Espanhol, jogo no qual o Barcelona derrotou o Alavés pelo placar de 2-1.

Em 08/02/2018, no segundo jogo da semifinal da Copa do Rei, com um passe do uruguaio Luis Suárez, seu ex-companheiro de Liverpool e agora companheiro de Barcelona, deu o passe para o primeiro gol de Coutinho com a camisa do Barcelona na vitória por 2-0 sobre o Valencia.

Em 24/02/2018, o brasileiro marcou o seu primeiro tento na La Liga em jogo válido pela 25ª rodada e além disso, ele também deu um passe para o gol de Luis Suárez na goleada por 6-1 sobre o Girona. Duas semanas depois, Coutinho marcou o seu terceiro gol pelo Barcelona na vitória por 2-0 sobre o Málaga em jogo válido pela 28ª rodada da La Liga.

Em 29/04/2018, Philippe Coutinho voltou a se destacar ao marcar mais um gol com a camisa do “clube blaugrana” na vitória por 4-2 sobre o Deportivo La Coruña em jogo válido pela 35ª rodada da La Liga. Em 09/05/2018, em jogo adiado do Campeonato Espanhol, o brasileiro marcou mais um tento, desta vez na goleada por 5-1 sobre o Villareal. Quatro dias depois, pela segunda vez em toda a sua carreira, Philippe Coutinho marcou um hat-trick na derrota do Barcelona por 5-4 para o Levante na penúltima rodada da La Liga e além disso, o “pequeno mágico” também marcou o único gol da vitória do Barcelona sobre a Real Sociedad na última rodada da La Liga 2017-18.

Para coroar o seu bom início no seu mais novo clube, em 21 de maio de 2018, na decisão da Copa do Rei diante do Sevilla, Philippe Coutinho marcou um dos gols na goleada por 5-0 sobre o Sevilla e também deu o passe para o gol de seu ex-companheiro de Liverpool, o atacante uruguaio Luis Suárez e assim sendo, pela 30ª vez na história do clube, o Barcelona era o campeão da Copa do Rei e o brasileiro encerrou a sua primeira temporada no Barcelona com 10 gols e 6 assistências em 22 jogos disputados e com isso, foi o 3º maior goleador do time nessa temporada, ficando atrás apenas de Lionel Messi e de Suárez respectivamente.

  • Números de Philippe Coutinho na sua 1ª Temporada no Barcelona
Pd Gm A CA CV Mj na temporada 2017-18
22 *10 6 1 1483

* 10 gols dos quais 8 foram pela La Liga e 2 pela Copa do Rei

2018-19

Em 9 de agosto de 2018, o Barcelona anunciou que mudaria algumas numerações e dentre essas mudanças, Coutinho deixaria de ser o camisa 14 e passaria a ser o camisa 7 do clube. Três dias depois, jogou o segundo tempo da decisão da Supercopa da Espanha contra o Sevilla, ao qual o clube catalão venceu por 2-1 e se sagrou campeão dessa competição.

Em 18/08/2018, na estreia do Barça nessa edição da La Liga, o novo camisa 7 do time marcou o seu primeiro tento nessa temporada na vitória por 3-0 sobre o Alavés no Camp Nou.

Em 26/09/2018, em jogo da 6ª rodada da La Liga, Coutinho marcou o seu 2º tento nessa temporada na derrota por 2-1 ante o Leganés.

Em 03/10/2018, em partida válida pela 2ª rodada da fase de grupos da Liga dos Campeões, o “pequeno mágico” marcou o seu 3º tento nessa temporada na vitória por 4-2 sobre o Tottenham da Inglaterra no Wembley em Londres. Além de ter feito o gol que abriu o placar da partida, o brasileiro também contribuiu com assistência para o gol de Ivan Rakitić.

Em 20/10/2018, em jogo da 9ª rodada da La Liga, o camisa 7 do clube catalão marcou o primeiro gol do triunfo por 4-2 sobre o Sevilla no Camp Nou. Na rodada seguinte do campeonato nacional, em 28/10/2018, Philippe entrou na lista de brasileiros que marcaram no El Clásico – nome dado ao clássico entre Real Madrid e Barcelona -, o meia abriu o placar na goleada diante do Real Madrid por 5-1 no Camp Nou. Deixando sua marca, Coutinho juntou-se a Neymar, Romário, Ronaldo, seu ídolo Ronaldinho Gaúcho e também a tantos outros craques brasileiros.

Em 06/11/2018, em partida válida pela 4ª rodada da fase de grupos da Champions League, deu o passe para o gol de Malcom no empate em 1-1 com a Internazionale no Giuseppe Meazza.

Após críticas sobre seu rendimento, Ernesto Valverde – técnico do Barcelona naquela época – passou a colocar Coutinho em campo no decorrer dos jogos até que em 30 de janeiro de 2019, no segundo confronto das quartas de final da Copa do Rei, o meia brasileiro marcou o seu primeiro e único doblete nessa temporada na goleada por 6-1 sobre o Sevilla no Camp Nou.

Em 13/03/2019, no segundo confronto das oitavas de final da Champions League, com um passe de Suárez, Philippe marcou o segundo gol da goleada por 5-1 sobre o Lyon da França no Camp Nou.

Voltou a marcar 1 tento na La Liga em jogo da 30ª rodada do campeonato, ao qual o Barcelona e o Villareal empataram em 4-4 no La Ceramica. Por fim, em 16/04/2019, o “pequeno mágico” marcou o seu último tento nessa temporada pela equipe catalã na vitória por 3-0 sobre o Manchester United no Camp Nou. Vale ressaltar que assim que marcou o tento, Philippe se dirigiu até a torcida do clube catalão com os dedos nos ouvidos e com isso, ficou claro que o meia brasileiro estava cansado de receber tantas críticas.

Com 11 gols e 5 assistências em 53 partidas na temporada 2018–19, e duras críticas, Philippe Coutinho encerrou um curto ciclo de 1 ano e meio no Barcelona, transferindo-se por empréstimo ao Bayern de Munique na temporada seguinte tendo disputado 75 jogos, tendo feito 21 gols e provido 11 assistências. Quanto ao Barcelona, além de ter sido o campeão da Supercopa da Espanha e do Campeonato Espanhol, foi vice-campeão da Copa do Rei e foi eliminado na semifinal da UEFA Champions League pelo Liverpool, clube que viria a ser o campeão desse torneio nessa temporada.

  • Números de Philippe Coutinho na sua 2ª e última Temporada no Barcelona
Pd Gm A CA CV Mj na temporada 2018-19
54 *11 5 2 3345
    * 11 gols dos quais 5 foram pela La Liga, 3 pela UEFA Champions League e 3 pela Copa do Rei
Títulos que conquistou pelo Barcelona

  • La Liga 2017-18 e 2018-19
  • Copa do Rei 2017-18
  • Supercopa da Espanha de 2018
  • O vídeo abaixo mostra todos os gols e assistências de Philippe Coutinho com a camisa do Barcelona
  • Este vídeo foi publicado no YouTube em 28 de agosto de 2019 por DBM

 

Bayern de Munique

2019-20

Coutinho sendo apresentado como o mais novo reforço do Bayern de Munique

Em 19 de agosto de 2019, Philippe Coutinho assinou por empréstimo de uma temporada com o Bayern de Munique da Alemanha, que terá uma opção de compra ao final do empréstimo. Coutinho herdou a camisa de número 10 do clube, camisa que foi usada por um dos maiores ídolos do clube Arjen Robben.

Em 24/08/2019, em jogo da 2ª rodada da Bundesliga (Campeonato Alemão), Niko Kovač – até então treinador do Bayern – promoveu a estreia de Coutinho quando o colocou em campo aos 12 minutos da segunda etapa no lugar de Thomas Müller na vitória por 3-0 sobre o Schalke 04.

Em 21/09/2019, em partida válida pela 5ª rodada do Campeonato Alemão, o novo camisa 10 do time bávaro – Bayern de Munique – marcou o seu primeiro gol pelo novo clube na goleada por 4-0 sobre o Colônia na Allianz Arena, em Munique. Além do tento marcado, proveu assistência para o gol de Ivan Perišić. Na rodada seguinte do campeonato, em 28/09/2019, Coutinho fez o seu 2º gol pelo novo clube e também contribuiu com assistência para o gol de Serge Gnabry no triunfo por 3-2 sobre o Paderborn fora de casa.

Veja Também!  Acompanhe Real Sociedad x Real Madrid Futebol Ao Vivo Online tempo real - Campeonato Espanhol

Em 01/10/2019, em partida válida pela 2ª rodada da fase de grupos da Liga dos Campeões, o “pequeno mágico” contribuiu com assistência para 1 dos 2 gols de Robert Lewandowski no massacre alemão por 7-2 sobre o Tottenham em Londres.

Após a goleada sofrida por 5-1 ante o Eintracht Frankfurt em jogo da 10ª rodada do Campeonato Alemão em 02/11/2019, Niko Kovač foi demitido do cargo de treinador do Bayern e com a saída dele, o clube resolveu apostar as suas fichas no até então auxiliar técnico do time, Hans-Dieter Flick e essa mudança fez muito bem ao clube, pois a sequência de bons resultados voltou.

Após o gol marcado diante do Paderborn na 6ª rodada da Bundesliga, Philippe só voltou a balançar as redes em jogo da 12ª rodada da Bundesliga em 23/11/2019, jogo no qual o Bayern venceu o Fortuna Düsseldorf por 4-0 na Allianz Arena.

Em 11/12/2019, em partida válida pela última rodada da fase de grupos da Champions League, Coutinho fez o gol que definiu o placar da partida, vitória do time bávaro por 3-1 sobre o Tottenham. Três dias depois, em jogo da 15ª rodada da Bundesliga, Coutinho teve uma das melhores performances da sua carreira, marcou 3 gols e proveu assistências para 1 dos 2 gols de Lewandowski e para o gol de Thomas Müller na goleada por 6-1 diante do Werder Bremen, sendo este o seu primeiro hat-trick com a camisa do Bayern, o seu 4° da carreira.

Após o hat-trick marcado diante do Werder Bremen, o camisa 10 do clube bávaro só voltou a balançar as redes em 29 de fevereiro de 2020 em partida válida pela 24ª rodada do Campeonato Alemão, a qual o Bayern goleou o Hoffenheim por 6-0 em plena PreZero Arena (estádio do Hoffenheim).

Em 24/04/2020, Philippe Coutinho foi submetido a uma cirurgia no tornozelo direito e em decorrência disso, pode ser que ele não jogue mais pelo Bayern porque após a pausa dos campeonatos devido à pandemia do Covid-19 (Novo Coronavírus), a Bundesliga já retornou e o tempo previsto para que o brasileiro se recupere é até o fim do mês de junho, quando o campeonato estiver para se encerrar.

Até aqui, Philippe Coutinho disputou 32 jogos, fez 9 gols e proveu 8 assistências com a camisa do time bávaro.

  • Números de Philippe Coutinho na sua 1ª e atual Temporada no Bayern de Munique
Pd Gm A CA CV Mj na temporada 2018-19
32 *9 8 **2036

* 9 gols dos quais 8 foram pela Bundesliga e 1 pela UEFA Champions League

** a temporada 2019-20 está em andamento

  • O vídeo abaixo mostra todos os gols e assistências de Philippe Coutinho com a camisa do Bayern de Munique
  • Este vídeo foi publicado no YouTube em 18 de maio de 2020 por FCBfanclub

 

Números de Philippe Coutinho na Seleção Brasileira

 

Brasil

File:Brazilian Football Confederation logo.svg

Seleções de Base

Pelas categorias de base da Seleção Brasileira Philippe Coutinho foi um dos jogadores que ajudou o Brasil a conquistar o Torneio Internacional da Espanha na categoria sub-14 no ano de 2006, no ano seguinte, ele novamente ajudou a Seleção “Canarinho” a conquistar o bicampeonato do mesmo torneio, mas desta vez pela categoria sub-15. Em 2007, Coutinho conquistou mais um título importante pela Seleção de Base do Brasil: o Sul-Americano sub-15. Em 2008 ele ajudou o Brasil a conquistar mais um Torneio Internacional da Espanha.  E, em dezembro, foi campeão do Torneio Nike International Friendlies.

Em 23 de março de 2009, juntamente com Neymar, Philippe Coutinho foi convocado para a disputa do Sul-Americano sub-17, onde ele foi o campeão e um dos artilheiros desta competição com 3 gols marcados, um destes tentos na final contra a Argentina. Em 28 de setembro de 2009, Coutinho foi convocado pelo técnico Lucho Nizzo para a disputa da Copa do Mundo FIFA Sub-17 2009, porém diferentemente das outras vezes em que conquistou títulos, desta vez o Brasil terminou eliminado ainda na fase de grupos.

Copa do Mundo FIFA Sub-20 2011

Philippe Coutinho celebrando um de seus gols no Mundial Sub-20 ao lado de Dudu, atual atacante do Palmeiras.

Em 16 de junho de 2011, Ney Franco – técnico da Seleção Sub-20 – convocou Philippe Coutinho para a disputa da Copa do Mundo FIFA Sub-20 2011, que foi realizado entre os meses de julho e agosto na Colômbia. Coutinho recebeu a camisa 10 e marcou o seu primeiro gol na Copa do Mundo Sub-20 na vitória por 3-0 sobre a Áustria e no jogo seguinte diante do Panamá, Coutinho marcou 2 gols na goleada por 4-0 sobre os panamenhos. O Brasil não teve muitas dificuldades na fase de grupos do Mundial Sub-20, porém o mesmo não ocorreu na fase de mata-mata, mas depois de passar pelas Seleções da Espanha, México e derrotar Portugal na prorrogação, a Seleção Brasileira conquistou o seu 5º título nesta categoria.

Seleção Principal

A primeira convocação de Philippe Coutinho para a Seleção Principal do Brasil foi em agosto de 2010. Ele foi convocado pelo técnico Mano Menezes, mas vale ressaltar que foi convocado apenas para um período de treinamentos na Europa. A estreia oficial de Coutinho com a “amarelinha” foi em outubro do mesmo ano, num amistoso contra a Seleção do Irã. Depois disso, só jogou mais uma amistoso, contra a Ucrânia, e depois, só voltou a ser convocado para os jogos da Seleção Brasileira em 2015 por Carlos Caetano Bledorn Verri, que é popularmente conhecido como Dunga.

Em 7 de junho de 2015, num amistoso contra o México, ao qual o Brasil venceu por 2-0, Philippe Coutinho marcou o seu primeiro gol com a “amarelinha”. Devido à uma lesão no joelho, Coutinho foi poupado da estreia da fase de grupos da Copa América 2015 no Chile.

Copa América 2015

Em 14/06/2015, na estreia do Brasil nessa edição da Copa América, a Seleção Brasileira venceu o Peru por 2-1. Na rodada seguinte, já recuperado, Coutinho jogou o segundo tempo da derrota por 1-0 ante a Colômbia. Na última rodada da fase de grupos, em 21/06/2015, Coutinho iniciou entre os titulares no triunfo por 2-1 sobre a Venezuela e mesmo com a derrota na 2ª rodada dessa fase, o Brasil terminou em 1º lugar no grupo B e se classificou para a fase de mata-mata dessa edição da Copa América.

Nas quartas de final, o Brasil enfrentou o Paraguai e após um empate em 1-1 no tempo regulamentar, a definição da seleção classificada para a fase seguinte saiu nos pênaltis, onde Coutinho converteu a sua penalidade, mas não adiantou, pois os paraguaios levaram a melhor e venceram a Seleção Canarinho por 4-3 nos pênaltis e com isso, a Seleção Brasileira foi eliminada pela mesma seleção na mesma fase que a Copa América 2011.

  • Desempenho de Philippe Coutinho na Copa América 2015
Pd Gm A CA CV Mj
3 1 202

Copa América Centenário 2016

Coutinho foi convocado pelo técnico Dunga para os amistosos contra a Colômbia e contra o Equador e o “pequeno mágico” também fez parte do elenco que disputou a Copa América Centenário onde ele marcou um hat-trick na goleada do Brasil pelo placar de 7-1 sobre o Haiti, porém mesmo com este triunfo, a Seleção Brasileira caiu na fase de grupos após empatar em 0-0 com o Equador e perder por 1-0 para o Peru.

  • Desempenho de Philippe Coutinho na Copa América Centenário 2016
Pd Gm A CA CV Mj
3 3 270

Copa do Mundo FIFA de 2018

Após a má campanha na Copa América Centenário Dunga foi demitido do cargo de treinador da Seleção Brasileira e com isso Adenor Leonardo Bacchi – Tite – assumiu o comando da Seleção. Philippe Coutinho foi convocado para a disputa das Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2018 e desde então o “pequeno mágico” tem feito parte do time titular e sendo um dos principais jogadores da Seleção Brasileira. Nas Eliminatórias Coutinho foi um dos destaques do Brasil com 4 gols e uma assistência nos 12 jogos do Brasil nas Eliminatórias para a Copa do Mundo FIFA de 2018.

Coutinho celebrando o gol marcado no empate com a Suíça

Em 14 de maio de 2018, Tite anunciou a lista final dos jogadores convocados apra a disputa da Copa do Mundo que realizar-se-ia na Rússia e o nome de Philippe Coutinho estava presente nessa lista. Na estreia do Brasil na fase de grupos desta edição da Copa, em 17/06/2018, o meia foi o autor de um golaço de fora da área no empate em 1-1 com a Suíça. Na rodada seguinte da fase de grupos, o “pequeno mágico” teve outra boa atuação e fez o primeiro gol da vitória por 2-0 sobre a Costa Rica. Na última rodada da fase de grupos, em 27/06/2018, o meia deu uma linda assistência para o volante Paulinho abrir o placar na vitória por 2-0 sobre a Sérvia que garantiu a Seleção Brasileira na fase mata-mata do torneio.

Nas oitavas de final, o Brasil enfrentou o México e diferentemente dos jogos anteriores, Coutinho não teve o mesmo desempenho, mas mesmo assim, a Seleção Brasileira conseguiu se sobressair e vencer esse duelo por 2-0. Na fase seguinte, quartas de final, Philippe teve novamente não apresentou o desempenho da fase de grupos e a seleção deu adeus ao mundial após derrota por 2-1 ante a Bélgica, o meia ainda deu uma passe para Renato Augusto descontar para a Seleção Brasileira.

Philippe Coutinho encerrou sua participação na competição com 2 gols e duas assistências, recebendo por duas vezes o prêmio de “Melhor Jogador da Partida”.

  • Desempenho de Philippe Coutinho na Copa do Mundo FIFA de 2018
Pd Gm A CA CV Mj
5 2 2 1 436

Copa América 2019

Mesmo após a eliminação nas quartas de final da Copa do Mundo de 2018, Tite foi mantido no cargo de treinador da Seleção Brasileira e sendo assim, Coutinho seguiu sendo convocado pelo treinador para os jogos da Seleção Canarinho e nessa série de 10 amistosos, o meia marcou 2 gols e proveu uma assistência.

Com a ausência de Neymar, principal jogador da Seleção Brasileira, foi depositado em Philippe Coutinho o peso de protagonista e principal condutor do Brasil na disputa da Copa América sediada no seu país.

Na estreia do Brasil nessa edição da Copa América em 14 de junho de 2019,  onde completou 50 jogos com a amarelinha, o meia fez jus ao seu papel de líder técnico e foi pela 3° vez seguida o jogador da seleção a marcar o primeiro gol do Brasil em competições oficiais. Coutinho marcou por duas vezes na vitória por 3-0 sobre a Bolívia no estádio do Morumbi, em São Paulo. Na rodada seguinte da fase de grupos, no empate em 0-0 com a Venezuela, Coutinho teve um gol anulado nos minutos finais, mas acabou novamente sendo eleito o “Melhor Jogador da Partida”. Na última rodada válida pela fase de grupos, voltou a ter uma boa atuação na goleada por 5-0 diante do Peru, onde criou triangulações e inversões e deu uma assistência para Everton Cebolinha marcar um dos gols da partida.

Com um total de 7 pontos na fase de grupos, o Brasil terminou em 1º lugar no grupo A e se classificou para a fase de mata-mata da Copa América 2019 e nas quartas de final, o Brasil enfrentou o Paraguai na Arena Grêmio, em Porto Alegre, e após um empate em 0-0 no tempo regulamentar, a definição para a seleção classificada para a fase seguinte teve de ser decidida nos pênaltis e diferentemente das duas edições anteriores, desta vez o Brasil acabou com a sina de cair ante o Paraguai nas penalidades e venceu por 4-3 com Coutinho convertendo a sua penalidade.

Na semifinal, o Brasil enfrentou a Argentina no estádio do Mineirão, em Belo Horizonte, e venceu por 2-0 e sendo assim, se classificou para a final da Copa América 2019.

Na final, a Seleção Brasileira enfrentou o Peru no estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro, e mesmo não tendo participado dos gols da vitória por 3-1 sobre os peruanos, Coutinho foi importante participando de lances relevantes na partida, tornando-se campeão pela 1° vez com a camisa da Seleção principal do Brasil. Philippe foi uma das peças importantes na conquista do título da Copa América e encerrou o torneio com 2 gols e uma assistência em 6 jogos disputados, levando duas vezes o prêmio de “Melhor Jogador da Partida”. Também é importante mencionar que esse foi o 9º título da Seleção Brasileira em uma edição de Copa América.

Jogadores da Seleção Brasileira celebrando o título da Copa América 2019
  • Desempenho de Philippe Coutinho na Copa América 2019
Pd Gm A CA CV Mj
6 2 1 1 514

 

Títulos que conquistou pela Seleção Brasileira

  • Sul-Americano Sub-15 de 2007
  • Sul-Americano Sub-17 de 2009
  • Copa do Mundo FIFA Sub-20 de 2011
  • Superclássico das Américas de 2014
  • Copa América 2019
  • O vídeo abaixo mostra todos os gols de Philippe Coutinho com a camisa da Seleção Brasileira
  • Este vídeo foi publicado no YouTube em 24 de novembro de 2019 por Gustavo Rodrigues

Total

Pd Gm A CA CV Mj
62 17 10 4 4297
Prêmios Individuais:
  • Melhor Meio Campista do Campeonato Carioca: 2010
  • Revelação do Campeonato Espanhol: 2012
  • Melhor Jogador do Liverpool na Temporada: 2014-15 e 2015-16
  • Seleção da UEFA Europa League: 2015-16
  • 28º melhor jogador do ano de 2016 (The Guardian)
  • 56º melhor jogador do ano de 2016 (Marca)
  • Samba de Ouro: 2016
  • Melhor Jogador da partida da Copa do Mundo de 2018: Brasil 1–1 Suíça, Brasil 2–0 Costa Rica
  • Seleção da Copa do Mundo FIFA: 2018
  • Melhor Jogador da partida da Copa América de 2019: Brasil 3–0 Bolívia, Brasil 0–0 Venezuela

Considerações Finais

Philippe Coutinho é um típico camisa 10, faz gols, mas a sua principal especialidade é deixar os companheiros frente a frente com os goleiros adversários, ele joga como meia-atacante, segundo atacante e também joga pelas pontas.

Segundo o treinador argentino Mauricio Pochettino ele possui mágica em seus pés e ele também tem bons chutes de média a longa distância.

E para vocês? Philippe Coutinho é um dos melhores meias do mundo ou está deixando a desejar? Ele errou em sair do Liverpool?

 
Siga o Futebol Stats também no Google Notícias, CLIQUE AQUI e em seguida aperte em "Seguir"  
 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Por favor, digite seu nome aqui