Início Futebol Internacional A Carreira de Karim Benzema em Números

A Carreira de Karim Benzema em Números

-

Quando cita-se um dos maiores artilheiros da história da Liga dos Campeões, o nome do centroavante francês Karim Benzema que atualmente joga pelo Real Madrid da Espanha é um dos jogadores que mais marcou gols na maior competição de clubes da Europa.

Karim Mostafa Benzema nasceu em 19/12/1987 em Lyon, na França. Além de ser um dos maiores artilheiros da história da UEFA Champions League, o francês de ascendência argelina começou a sua carreira nas categorias de base do Olympique Lyonnais, clube mais conhecido como Lyon. Porém, o que mais se sabe sobre a carreira de Benzema? Quais feitos ele atingiu até aqui ao longo de sua carreira?

Juvenil

Como já foi dito acima, Benzema nasceu em Lyon na França, porém sabe-se que o avô dele – Da Lakehal Benzema – morava na vila de Tigzirt, localizada na cidade de Beni Djellil, no norte da Argélia, antes de migrar para Lyon, onde ele passou a viver na década de 1950. O pai de Benzema, Hafid, também nasceu em Tigzirt. Já a sua mãe, Wahida Djebbara, nasceu e foi criada em Lyon; sua família é originária de Oran. Karim Benzema é o terceiro filho mais novo da família e cresceu com outros 8 irmãos em Bron, um subúrbio da cidade de Lyon.

Benzema com a camisa do Bron Terrailon SC

Karim Benzema começou a dar os seus primeiros passos no futebol quando ele ainda tinha apenas 8 anos de idade e o seu primeiro clube foi o Bron Terrailon SC de Lyon. Enquanto atuava por este clube, ele ganhou o apelido de Coco pelos amigos e não demorou muito para ele passar a jogar pela equipe sub-10 do Bron Terralion SC e eis que após uma partida contra os juniores do Olympique Lyonnais – clube popularmente conhecido como Lyon -, ao qual Benzema marcou 2 gols, ele despertou o interesse do Lyon.

De acordo com Serge Santa Cruz, que era o presidente do Bron Terraillon naquela época, os funcionários do Lyon o visitaram visando conseguir a assinatura do jovem; no entanto, Santa Cruz recusou. Depois de conversar com o pai de Benzema, o clube permitiu que o jogador passasse por um perído de testes no Lyon e não demorou muito para Benzema ser inserido oficialmente nas categorias de base do Olympique Lyonnais.

A Carreira e os Números de Benzema nos clubes em que jogou

 

Lyon

Categorias de Base

A ascensão de Karim Benzema nas categorias de base do Lyon foi rápida, pois com menos de 16 anos de idade, ele marcou 38 tentos no Championnat National des 16 ans, liga nacional dos jogadores jovens sub-16 da França. Antes do início da temporada 2004-05,  Benzema foi promovido para a equipe reserva do clube, que estava jogando o campeonato amador Championnat de France, a 4ª divisão do futebol francês. Apesar de jogar apenas com a equipe durante a campanha da estação de outono, ele marcou 10 gols pela equipe e não foi só isso, o Lyon B ficou em 2º lugar no grupo em que se encontrava na 4ª divisão do futebol francês.

2004-05

Sob o comando do técnico Paul Le Guen, Benzema foi convocado pela primeira vez na sua carreira para jogar pela equipe principal do Lyon após o intervalo que antecedeu o início da segunda metade da temporada 2004-05. Como costuma acontecer com os novos jogadores que chegam ao Lyon, o jovem atacante teve que se levantar e falar com os seus novos companheiros de equipe, que na época incluíam nomes como Michael Essien, Sylvain Wiltord, Florent Malouda e Éric Abidal. Enquanto falava, Benzema foi sujeito a piadas e risos, o que levou o jovem de apenas 17 anos a declarar: “Não ria, estou aqui para tomar o seu lugar”.

Posteriormente, em 15 de janeiro de 2005, em partida válida pela 21ª rodada da Ligue 1 (Campeonato Francês), Benzema fez a sua estreia como profissional ao substituir o atacante Sidney Govou aos 33 minutos da segunda etapa e logo no seu primeiro jogo como profissional, o jovem de 17 anos deu o passe para Bryan Bergougnoux marcar o segundo gol da partida e com isso, o Lyon venceu o Metz por 2-0. Pouco tempo após a sua estreia pela equipe principal do Lyon, Benzema assinou o seu primeiro contrato profissional com o Lyon; um contrato que estendia o seu vínculo com o Olympique Lyonnais por mais 3 temporadas.

Em 02/04/2005, em jogo da 31ª rodada da Ligue 1 diante do Lens, o jovem de 17 anos jogou a sua primeira partida como titular e o Lyon venceu o Lens por 1-0 com um gol de Juninho Pernambucano (ex-Vasco e Sport Recife).

Em suma, na sua primeira temporada como jogador profissional dos “Les Gones” – Lyon -, Benzema disputou 6 partidas sendo que em uma delas ele jogou como titular e apesar de não ter marcado sequer um gol, ele proveu uma assistência. Quanto ao Lyon, pela 4ª temporada consecutiva, o clube foi o campeão do Campeonato Francês.

  • Números de Benzema na sua 1ª Temporada no Lyon
Pd Gm A CA CV Mj na temporada 2004-05
6 1 107

Pd – Partidas disputadas, Gm – Gols marcados, A – Assistências, CA – Cartões amarelos, CV – Cartões vermelhos e Mj – Minutos jogados

2005-06

Com a saída do técnico Paul Le Guen, quem assume o comando do Lyon é Gérard Houllier e sob o comando dele e com a chegada de Fred (ex-Fluminense, ex-América-MG, ex-Atlético-MG e atualmente joga pelo Cruzeiro), Benzema teve de se empenhar ainda mais tanto nos treinos quanto nos jogos em que ele entrava como substituto.

Em 2 de outubro de 2005, em jogo da 10ª rodada da Ligue 1, o jovem de 17 anos entrou na partida aos 38 minutos do segundo tempo no lugar do brasileiro Fred e 4 minutos depois, ele deu o passe para o atacante Sylvain Wiltord definir o resultado desta partida; vitória do Lyon sobre o Rennes por 3-1.

Em 06/12/2005, em partida válida pela última rodada da fase de grupos da UEFA Champions League (Liga dos Campeões), com a vaga para as oitavas de final deste torneio assegurada, o técnico Gérard Houllier optou por poupar alguns jogadores e assim sendo, Benzema jogou esta partida entre os titulares e ele não decepcionou e marcou o seu primeiro gol como profissional no triunfo do Lyon por 2-1 sobre o Rosenborg da Noruega.

Em 8 de janeiro de 2006, em confronto válido pela 1ª fase da Copa da França, Houllier voltou a escalar Karim Benzema entre os titulares e pela primeira vez na sua carreira, ele marcou um doblete – ocorre quando um jogador faz 2 gols no mesmo jogo – na goleada dos “Les Gones” por 4-0 sobre o Grenoble.

Em 04/03/2006, em jogo da 29ª rodada da Ligue 1, Benzema entrou no jogo aos 37 minutos da primeira etapa no lugar de Jérémy Berthod e nos últimos minutos da partida, ele marcou o tento que definiu o resultado desta partida; vitória do Lyon sobre o Ajaccio por 3-1.

Em suma, na sua 2ª temporada como profissional, Benzema disputou 16 jogos, marcou 4 tentos e proveu 4 assistências e ao final desta temporada, pela 5ª vez consecutiva, o Lyon se sagrou campeão da Ligue 1.

  • Números de Benzema na sua 2ª Temporada no Lyon
Pd Gm A CA CV Mj na temporada 2005-06
16 *4 4 1 796

* 4 gols dos quais 2 foram pela Copa da França, 1 pela UEFA Champions League e 1 pela Ligue 1

2006-07

Depois de marcar os seus primeiros tentos com a camisa do Olympique Lyonnais, Benzema começou a ganhar mais espaço nesta temporada e logo na primeira partida do Lyon na temporada 2006-07 – a decisão da Supercopa da França – diante do Paris Saint-Germain, o jovem de 18 anos iniciou este jogo como titular e aos 26 minutos da segunda etapa, ele converteu uma cobrança de pênalti e evitou a derrota da sua equipe no tempo regulamentar e com isso, os 2 clubes tiveram de decidir o título na prorrogação, porém o empate em 1-1 persistiu e como consequência, o campeão da Supercopa da França 2006 foi definido nas penalidades e o Benzema novamente converteu a sua penalidade e nesta disputa, o Lyon levou a melhor e venceu por 5-4. Em outras palavras, o Lyon iniciou a temporada 2006-07 como o campeão da Supercopa da França 2006.

Em 4 de agosto de 2006, na estreia do Olympique Lyonnais no Campeonato Francês, Benzema marcou o primeiro gol da equipe no campeonato no triunfo por 3-1 sobre o Nantes. Pouco mais de 3 semanas depois, em jogo da 4ª rodada da Ligue 1, o jovem de 18 anos entrou em campo aos 19 minutos do segundo tempo no lugar do brasileiro Fred e 5 minutos depois ele marcou um tento. Depois de marcar um gol, ele deu o passe para o português Tiago marcar o gol dele na partida e nos acréscimos, Benzema marcou o seu segundo tento nesta partida e definiu o placar do jogo; goleada do Lyon por 4-1 sobre o Nice.

Em 26/09/2006, em partida válida pela 2ª rodada da fase de grupos da UEFA Champions League, Benzema entrou no jogo aos 40 minutos da segunda etapa no lugar do Fred e 4 minutos depois, ele marcou um tento e com isso, o Lyon venceu o Steua Bucareste da Romênia por 3-0 em plena Bucareste, na Romênia.

Em 01/11/2006, em jogo da 4ª rodada da fase de grupos da UEFA Champions League, o jovem de 18 anos marcou o seu segundo tento nesta competição e com isso, o Lyon venceu o Dínamo Kiev da Ucrânia por 1-0. Tudo parecia estar dando certo para Karim Benzema; aos poucos ele estava cavando o seu espaço entre os titulares. No entanto, em 10/11/2006, em jogo da 13ª rodada da Ligue 1 diante do Valenciennes, ele sofreu uma lesão na coxa que o afastou dos gramados por 3 meses.

Em 24 de fevereiro de 2007, em jogo da 26ª rodada da Ligue 1, Benzema retornou aos gramados diante do Sochaux jogando o primeiro tempo e os 15 primeiros minutos da segunda etapa antes de ser substituído pelo Malouda. Quanto ao resultado desta partida, mesmo jogando contra o Sochaux no Stade de Gerland – estádio do Lyon -, o Lyon não venceu a equipe adversária; as duas equipes ficaram no empate em 3-3. Após a lesão, Benzema não teve o mesmo desempenho de antes e ele só conseguiu marcar um gol em 26/05/2007, em jogo da última rodada do Campeonato Francês, ao qual o Olympique Lyonnais venceu o Nantes por 3-1 e com este triunfo, pela 6ª vez consecutiva, o Lyon se sagrou campeão da Ligue 1.

  • Números de Benzema na sua 3ª Temporada no Lyon
Pd Gm A CA CV Mj na temporada 2006-07
27 *8 5 1440

* 8 gols dos quais 5 foram pela Ligue 1, 2 pela UEFA Champions League e 1 pela Supercopa da França

2007-08

Com as saídas de Florent Malouda, John Carew e Sylvain Wiltord, todos afastados do clube, Benzema herdou a camisa de número 10 e o novo técnico do Lyon – Alain Perrin – passou a inseri-lo no papel principal do time nesta temporada.

Em 5 de agosto de 2007, na estreia dos “Les Gones” na Ligue 1 2007-08, Benzema marcou um dos gols na vitória do Lyon por 2-0 sobre o Auxerre.

Em 18/08/2007, em jogo da 4ª rodada da Ligue 1, o novo camisa 10 do Olympique Lyonnais marcou o único gol da sua equipe na partida, no entanto, mesmo com ele marcando um tento, o Lyon perdeu por 2-1 para o Lorient. Nos 4 jogos seguintes do Campeonato Francês, Benzema marcou gols em todas estas partidas e ainda convém lembrar que em 15/09/2007, em jogo da 8ª rodada da Ligue 1, pela primeira vez na sua carreira, Benzema marcou um hat-trick – ocorre quando um jogador marca 3 ou mais gols num mesmo jogo – na goleada por 5-1 sobre o Metz e além dos 3 tentos nesta partida, ele também proveu uma assistência para o gol de Hatem Ben Harfa.

Em 23/10/2007, em partida válida pela 3ª rodada da fase de grupos da Liga dos Campeões, o camisa 10 marcou o seu primeiro tento nesta competição na vitória por 2-0 sobre o Stuttgart da Alemanha.

Em 12/12/2007, em partida válida pela última rodada da fase de grupos da UEFA Champions League, Benzema foi o principal destaque na vitória do Lyon por 3-0 sobre o Glasgow Rangers na Escócia, pois além de marcar 2 tentos nesta partida, ele também deu o passe para Sidney Govou marcar o gol dele neste jogo e com isso, o Olympique Lyonnais se classificou para as oitavas de final da UEFA Champions League 2007-08.

Posteriormente, nas oitavas-de-finais da Liga dos Campeões, o Lyon enfrentou a equipe que viria a ser a campeã deste torneio; o Manchester United da Inglaterra. No primeiro confronto entre as duas equipes no Stade de Gerland em Lyon, Benzema chegou a colocar a equipe francesa em vantagem ao marcar um gol aos 9 minutos do segundo tempo, porém pouco antes do final da partida, Carlos Tévez empatou o jogo, em outras palavras, as duas equipes ficaram no empate em 1-1. No segundo confronto entre os 2 clubes no Old Trafford – em Manchester na Inglaterra -, o Manchester United levou a melhor e venceu por 1-0 e com isso, o Lyon deu adeus ao sonho de conquistar o título da Liga dos Campeões, mas por outro lado, o técnico da equipe adversária – Alex Ferguson – e os jogadores do Manchester United reconheceram e elogiaram Benzema por seu desempenho.

Em 6 de janeiro de 2008, em confronto válido pela 1ª fase da Copa da França, Benzema marcou o seu segundo hat-trick da carreira na goleada por 4-0 sobre o US Créteil.

Em 13/03/2008, Benzema estendeu o seu contrato com o Lyon até o ano de 2013, com uma opção de extensão por mais 1 ano. Depois de assinar o seu novo contrato, Benzema se tornou um dos jogadores mais bem pagos da França. Cinco dias depois, em confronto válido pelas oitavas-de-finais da Copa da França, ele marcou os 2 gols do Lyon na partida, ao qual o Lyon venceu o Sochaux por 2-1 e com este triunfo os “Les Gones” se classificaram para as quartas-de-finais desta competição. Posteriormente, o Lyon foi o campeão da Copa da França 2007-08 derrotando o Paris Saint-Germain por 1-0 na prorrogação.

Em 17/05/2008, na última rodada da Ligue 1 2007-08, o camisa 10 marcou um dos gols da vitória por 3-1 sobre o Auxerre e pela 7ª vez seguida, o Lyon era o campeão do Campeonato Francês. Quanto a Benzema, além de ter sido o artilheiro da Ligue 1 2007-08, ele também foi eleito o Jogador do Ano da Ligue 1, foi um dos selecionados para a Equipe do Ano e premiado com o Trophée du Meilleur Buteur por ser o artilheiro do campeonato. Além disso,  ele também foi um dos finalistas da revista francesa France Football para o prêmio FIFA Ballon d’Or de 2008 – prêmio de melhor jogador do mundo -, vencido por Cristiano Ronaldo.

  • Números de Benzema na sua 4ª Temporada no Lyon
Pd Gm A CA CV Mj na temporada 2007-08
52 *31 11 1 3872

* 31 gols dos quais 20 foram pela Ligue 1, 6 pela Copa da França, 4 pela UEFA Champions League e 1 pela Copa da Liga Francesa

2008-09

Logo na estreia do Lyon na Ligue 1 2008-09 – em 10 de agosto de 2008 -, Benzema marcou um doblete na vitória por 3-0 sobre o Toulouse. Duas semanas depois, em jogo da 3ª rodada da Ligue 1, o camisa 10 marcou um dos gols do triunfo por 2-0 sobre o Grenoble e além disso, Benzema marcou gols nas duas rodadas seguintes do Campeonato Francês; na vitória por 1-0 sobre o Saint-Étienne e na vitória por 3-2 sobre o Nice. Com estas grandes atuações, o presidente do Lyon, Jean-Michel Aulas, reprimiu os rumores de transferência em torno de Benzema, colocando um preço de 100 milhões de euros no atacante. Além disso, ele também foi indicado ao lado de Franck Ribéry para figurar na capa do videogame FIFA 09.

Em 17/09/2008, na estreia do Olympique Lyonnais na fase de grupos da UEFA Champions League 2008-09, o time francês quase perdeu para a Fiorentina da Itália em pleno Stade de Gerland, mas no segundo tempo, o camisa 10 marcou um tento e deu o passe para Frédéric Piquionne fazer o gol dele e com isso, o Lyon e a Fiorentina ficaram no empate em 2-2.

Em 21/10/2008, em partida válida pela 3ª rodada da fase de grupos da Liga dos Campeões, Benzema fez 2 gols na vitória dos “Les Gones” por 5-3 sobre o Steua Bucareste na Romênia. Uma semana depois, desta vez em jogo válido pela 11ª rodada da Ligue 1, o camisa 10 marcou o seu sétimo gol neste campeonato na vitória por 2-0 sobre o Sochaux em pleno Stade Auguste-Bonal – estádio do Sochaux – e além de ter feito um gol nesta partida, ele também deu o passe para o argentino César Delgado marcar o gol dele neste jogo. Na rodada seguinte da Ligue 1, Benzema marcou um dos gols na vitória do Lyon por 2-0 sobre o Le Mans.

Em 25/11/2008, em partida válida pela 5ª rodada da fase de grupos da Liga dos Campeões, Benzema deu o passe para Makoun marcar o gol dele neste jogo e fez um gol no triunfo do Lyon por 2-1 sobre a Fiorentina em pleno Artemio Franchi, estádio da equipe italiana. Duas semanas depois, na última rodada da fase de grupos da Liga dos Campeões, Benzema marcou o seu 5º e último tento pelo Lyon nesta competição, porém mesmo com um gol dele nesta partida, o Olympique Lyonnais perdeu para o Bayern de Munique da Alemanha por 3-2 jogando no Stade de Gerland. Posteriormente, o Lyon enfrentou a equipe que viria a ser a campeã da UEFA Champions League 2008-09 – o Barcelona – e com um placar agregado de 6-3 para a equipe adversária, os franceses foram eliminados desta competição.

Após a pausa de inverno, Benzema ficou por 3 rodadas no Campeonato Francês sem marcar gols até que em 8 de fevereiro de 2009, em jogo da 23ª rodada da Ligue 1, ele pôs um fim a este jejum e marcou um dos gols do triunfo do Lyon por 3-1 sobre o Nice e além de ter marcado 1 tento nesta partida, ele também proveu uma assistência para um dos 2 gols de Makoun neste jogo. Duas semanas depois, ele marcou o seu 12º tento no Campeonato Francês na vitória por 2-0 sobre o Nancy.

Nos 9 jogos seguintes, tanto o Lyon quanto o Benzema tiveram uma queda de rendimento, pois o clube venceu apenas 2 destes 9 jogos, empatou por 3 vezes e perdeu as outras 4 partidas. Quanto ao camisa 10, ele marcou apenas 2 gols nestas 9 partidas, porém convém lembrar que ele marcou estes 2 gols no triunfo do Olympique Lyonnais por 3-1 sobre o Le Mans na 30ª rodada da Ligue 1. Além disso, esta “queda” no desempenho do Lyon fez com que o clube que outrora era o líder do campeonato, perdesse força na disputa pelo título terminando assim a sequência de 7 títulos consecutivos da Ligue 1.

Apesar do Lyon não ter conseguido conquistar o título do Campeonato Francês pela 8ª vez consecutiva, Benzema voltou a marcar gols na 36ª rodada em 17/05/2009 diante do Olympique de Marselha; um jogo no qual ele marcou 2 gols e os “Les Gones” venceu os “Les Olympiens” – Olympique de Marselha – por 3-1. Seis dias depois, o camisa 10 marcou o seu último tento na Ligue 1 e com a camisa do Lyon na vitória por 3-1 sobre o Caen no Stade de Gerland e com isso, ao lado de Guillaume Hoarau do Paris Saint-Germain, o camisa 10 do Olympique Lyonnais se tornou o vice-artilheiro do Campeonato com 17 gols marcados em 38 rodadas, ficando atrás apenas de André-Pierre Gignac do Toulouse que marcou 24 tentos.

Em suma, o Lyon terminou a Ligue 1 2008-09 na 3ª colocação, quanto a Benzema, ele marcou 23 gols em 47 partidas disputadas na sua última temporada com a camisa do Olympique Lyonnais.

  • Números de Benzema na sua 5ª e última Temporada no Lyon
Pd Gm A CA CV Mj na temporada 2008-09
47 *23 6 2 3744

* 23 gols dos quais 17 foram pela Ligue 1, 5 pela UEFA Champions League e 1 pela Copa da França

Títulos que conquistou no Lyon

  • Ligue 1 2004-05, 2005-06, 2006-07 e 2007-08
  • Supercopa da França 2006 e 2007
  • Copa da França 2007-08
  • O vídeo abaixo mostra os melhores momentos de Benzema com a camisa do Lyon
  • Este vídeo foi publicado no YouTube em 25 de agosto de 2017 por Gwen Figueroa

 

Real Madrid
Real Madrid2009-10

Em 1 de julho de 2009, foi anunciado que o Real Madrid e o Lyon chegaram a um acordo quanto a transferência de Benzema para o clube espanhol. Estima-se que o Real Madrid desembolsou 35 milhões de euros (o equivalente a 155,5 milhões de reais), mas convém lembrar que esse valor poderia chegar a 41 milhões de euros com base em incentivos.

Em 09/07/2009, Benzema foi submetido a uma bateria de exames médicos e com sucesso, ele foi aprovado em todos os exames e assim sendo, ele assinou um contrato por 6 temporadas com o Real Madrid no final da tarde deste mesmo dia e além disso, ele foi apresentado oficialmente como jogador do Real Madrid mais tarde naquela noite no estádio Santiago Bernabéu, de forma semelhante às contratações anteriores de Kaká e Cristiano Ronaldo. Benzema fez a sua estreia com a camisa do Real Madrid em 20/07/2009, em um amistoso contra o Shamrock Rovers da Irlanda, em Dublin (capital da Irlanda), saindo do banco de reservas logo após o intervalo e aos 42 minutos da segunda etapa, ele marcou o único gol da vitória dos Galácticos – Real Madrid – nesta partida.

Em 29/08/2009, na estreia dos merengues – Real Madrid – na La Liga (Campeonato Espanhol), Benzema fez a sua estreia em partidas oficiais com a camisa do seu novo clube diante do Deportivo La Coruña e logo no seu primeiro jogo oficial com a camisa do Real Madrid, o francês deu o passe para Raúl González marcar o gol dele nesta partida. Ainda convém lembrar que o técnico Manuel Pellegrini o escalou entre os titulares.

Em 20/09/2009, em jogo da 3ª rodada da La Liga, Benzema marcou o seu primeiro gol pelo seu novo clube na goleada por 5-0 sobre o recém-promovido Xerez. Porém, mesmo marcando o seu primeiro tento com a camisa do Real Madrid, Pellegrini optou por outro jogador diante do Villareal na 4ª rodada do Campeonato Espanhol, mas na rodada seguinte, o francês marcou o seu primeiro doblete pelo seu novo clube no triunfo por 3-0 sobre o Tenerife no Santiago Bernabéu.

Em 30/09/2009, em partida válida pela 2ª rodada da UEFA Champions League, o francês fez a sua estreia nesta competição com a camisa do Real Madrid e logo na sua “estreia”, além de ter iniciado esta partida entre os titulares, ele também deu o passe para o Cristiano Ronaldo marcar um dos seus 2 gols neste jogo e com isso, os “Galácticos” venceram o Olympique de Marselha por 3-0. Depois de passar o mês de outubro em “branco” – sem marcar gols -, em 03/11/2009, em confronto válido pela 4ª rodada da Liga dos Campeões, Benzema marcou o único gol dos merengues diante do Milan da Itália, um jogo no qual as duas equipes ficaram no empate em 1-1.

Em 07/11/2009, em jogo da 10ª rodada da La Liga, o camisa 11 – Benzema – não marcou gol nesta partida, no entanto, o francês deu o passe para Marcelo marcar o gol dele na vitória do Real Madrid por 3-2 no “derbi madrilenho” – clássico entre Real Madrid e Atlético de Madrid – em pleno Vicente Calderón, estádio do Atlético de Madrid.

No final do mês de novembro, Benzema passou a ser visto por mais vezes no banco de reservas do que no campo e isso deixava claro que Pellegrini preferia o Gonzalo Higuaín jogando como o titular e além disso, isso também coincidiu com as críticas da mídia espanhola que afirmou que ele não estava tendo o desempenho que se esperava dele e as dificuldades em que ele estava enfrentando para se estabelecer no país, pois ainda falava o espanhol com uma certa dificuldade. Em decorrência disso, o Jornal espanhol “Marca” o declarou o “novo Anelka”, referindo-se ao ex-atacante do Real Madrid Nicolas Anelka, que teve um ano tumultuado no clube antes de ser vendido.

Apesar de se deparar com tais críticas, Benzema foi defendido pelo seu compatriota Zinedine Zidane, que admitiu: – “depois de 2 meses, eu também fui criticado” e que Benzema era “um jogador talentoso e jogadores talentosos em Madrid devem vencer”.

Em 05/12/2009, em jogo da 13ª rodada do Campeonato Espanhol, aos 16 minutos da segunda etapa, Benzema entrou no lugar do holandês Rafael van der Vaart e marcou o 3º gol na vitória por 4-2 sobre o Almería. No dia seguinte após este jogo, o francês respondeu as críticas afirmando: “Estou totalmente integrado e muito feliz no Real Madrid” e “Sim, melhorei minha adaptação. Tenho um novo lar e estou aprendendo a falar Espanhol para me entender melhor com os meus companheiros de equipe.”

Em 12/12/2009, em jogo da 14ª rodada da La Liga, o novo camisa 11 dos merengues iniciou a partida entre os titulares e respondeu aos críticos provendo uma assistência para um dos 2 gols de Higuaín no triunfo por 3-2 sobre o Valencia em pleno Mestalla, estádio da equipe adversária. Uma semana depois – em 19/12/2009, o francês saiu do banco aos 18 minutos do segundo tempo no lugar do Marcelo e ele celebrou o seu 22º aniversário marcando o último gol da goleada do Real Madrid por 6-0 sobre o Real Zaragoza.

No início do mês de janeiro de 2010, Higuaín sofreu uma lesão e com isso, Pellegrini recorreu ao francês. Depois de não ter marcado nas duas primeiras partidas na ausência do centroavante argentino, em 30 de janeiro de 2010, em jogo da 20ª rodada da La Liga, Benzema marcou um doblete no triunfo do Real Madrid por 3-1 sobre o Deportivo La Coruña em pleno Riazor, estádio dos Branquiazuis (Deportivo La Coruña). No entanto, com o retorno de Higuaín aos gramados, o francês foi relegado para o papel de substituto mais uma vez.

Em 08/05/2010, em jogo da penúltima rodada (37ª) do Campeonato Espanhol, Benzema saiu do banco aos 20 minutos da segunda etapa para substituir Esteban Granero e 8 minutos depois ele colocou a bola na cabeça de Higuaín para ele recolocar os “Galácticos” em vantagem no placar e posteriormente, ele marcou o 4º gol do Real Madrid, o seu último tento nesta temporada, na goleada por 5-1 sobre o Athletic Bilbao.

Em suma, na sua primeira temporada com a camisa do Real Madrid, Karim Benzema marcou 9 gols em 33 partidas disputadas e além disso, ele também proveu 6 assistências. Quanto aos merengues, terminaram o campeonato na vice-liderança, atrás apenas do Barcelona, o campeão da La Liga 2009-10.

  • Números de Benzema na sua 1ª Temporada no Real Madrid
Pd Gm A CA CV Mj na temporada 2009-10
33 *9 6 1714

* 9 gols dos quais 8 foram pela La Liga e 1 pela UEFA Champions League

2010-11

Com a saída de Raúl González para o Schalke 04 da Alemanha, Benzema passou a ser o camisa 9 dos merengues e essa não era a única novidade, além da saída de Raúl, o técnico Manuel Pellegrini deixou o cargo de treinador do Real Madrid e para o lugar dele, o Real Madrid contratou o português José Mourinho e o novo técnico mal chegou e já cobrou o atacante francês, pois durante uma sessão da pré-temporada aos repórteres, ele deu a seguinte declaração: “Benzema deve entender que ele é extremamente talentoso, mas isso em si não é suficiente”, afirmando também que “[o Real Madrid] precisa de um atacante quem é brilhante, não aquele que é desatento “. Além de Mourinho, Laurent Blanc – técnico da seleção francesa naquela época – também criticou o novo camisa 9 do Real Madrid e disse que ele “não estava habituado a se doar mais”.

Com a preferência de Mourinho por Cristiano Ronaldo e Gonzalo Higuaín como os titulares, Benzema começou a temporada 2010-11 amargando o banco e na estreia dos merengues no Campeonato Espanhol desta temporada em 29 de agosto de 2010, o novo camisa 9 entrou na partida aos 13 minutos do segundo tempo no lugar do meia argentino Di María, no entanto, mesmo com ele em campo, o Real Madrid e o Mallorca ficaram no empate em 0-0.

Em 21/09/2010, em jogo da 4ª rodada da La Liga, o francês saiu do banco aos 34 minutos da segunda etapa para entrar no lugar de Higuaín e depois de 8 minutos em campo, ele marcou o seu primeiro tento nesta temporada no triunfo do Real Madrid por 3-0 sobre o Espanyol. Depois desta partida, Benzema ficou por pouco mais de um mês e meio sem balançar as redes, mas convém lembrar que em jogo da 9ª rodada da La Liga em 30/10/2010, ele deu os passes para os 2 gols de Cristiano Ronaldo na vitória por 3-1 sobre o Hércules e 4 dias depois deste jogo diante do Hércules, ele não marcou gols novamente, mas deu o passe para Pedro León marcar o gol dele nesta partida e assim, evitar a derrota dos Galácticos em pleno Santiago Bernabéu diante do Milan; as duas equipes ficaram no empate em 2-2.

Em 10/11/2010, no segundo confronto válido pela 4ª fase da Copa do Rei, Mourinho optou por preservar alguns jogadores e com isso, Benzema foi escalado entre os titulares e ele correspondeu; marcou um dos gols na goleada por 5-1 sobre o Real Murcia e pôs um fim a um jejum que durava desde o dia 21 de setembro.

No final do mês de novembro, Higuaín sofreu uma grave lesão nas costas e esta era a chance do francês ter uma sequência no time titular do Real Madrid e a primeira chance de Benzema veio em 23/11/2010, em jogo da 5ª rodada da fase de grupos da UEFA Champions League e ele não decepcionou e marcou um dos gols dos merengues na goleada por 4-0 sobre o Ajax da Holanda em plena Johan Cruijff Arena, estádio da equipe holandesa. Duas semanas depois, na última rodada da fase de grupos deste torneio, o camisa 9 marcou o seu primeiro hat-trick pelo Real Madrid na goleada por 4-0 sobre o Auxerre da França. Ainda convém lembrar que o primeiro gol que Benzema marcou nesta partida foi o gol de número 300 dos merengues na Liga dos Campeões.

Veja Também!  Como assistir Flamengo x Fluminense Futebol AO VIVO – Copa Internacional de Futebol Legends

Em 22/12/2010, no primeiro confronto diante do Levante válido pelas oitavas de final da Copa do Rei, Benzema teve a sua melhor atuação até aquele instante pelo Real Madrid, pois além de marcar um hat-trick na goleada por 8-0 sobre o Levante no Santiago Bernabéu, ele também proveu duas assistências neste jogo; proveu assistências para 2 dos 3 gols de Cristiano Ronaldo nesta partida.

Veja Também!  Assista aos melhores momentos do jogos de hoje entre Paraguai 2 x 2 Qatar – Copa America 2019

No final do mês de janeiro de 2011, pela primeira vez desde que assinou com o Real Madrid, Benzema marcou gols em partidas consecutivas. Em 23 de janeiro de 2011, o francês marcou o único gol dos merengues na vitória sobre o Mallorca. Três dias depois, o camisa 9 marcou o único tento da vitória dos Galácticos sobre o Sevilla no primeiro confronto da semifinal da Copa do Rei em pleno Ramón Sánchez Pizjuan; estádio do Sevilla. Posteriormente, o Real Madrid voltou a vencer o Sevilla por 2-0 no Santiago Bernabéu e com isso, os merengues chegavam a sua 37ª final da história na Copa do Rei.

Após a chegada do togolês Emmanuel Adebayor por empréstimo, Benzema voltou a frequentar o banco de reservas dos “Galácticos”, mas foi por apenas duas partidas do Campeonato Espanhol e em 19/02/2011, em jogo da 24ª rodada da La Liga, o camisa 9 voltou a ser escalado entre os titulares e ele novamente correspondeu ao marcar um dos gols da vitória por 2-0 sobre o Levante. Ainda convém lembrar que este tento marcado diante do Levante na La Liga, foi apenas o primeiro de uma sequência de 10 gols marcados em apenas 8 partidas disputadas. Vale destacar que ele marcou dobletes por 3 jogos consecutivos; na goleada do Real Madrid por 7-0 sobre o Málaga, na vitória por 3-1 sobre o Racing Santander e na vitória por 2-0 sobre o Hércules.

Ainda falando sobre esta sequência de 10 gols em 8 partidas, o camisa 9 também fez valer a “lei do ex” e marcou um gol no empate com o Lyon no primeiro confronto das oitavas-de-finais da UEFA Champions League no Stade de Gerland. Este foi o 100º gol da carreira de Benzema e somando-se a isso, esta foi a primeira vez em 6 anos que o Real Madrid marcava um gol no Lyon em solo francês, no entanto, mesmo com estes feitos, em respeito ao seu ex-clube, Benzema não comemorou o gol que ele marcou diante do Lyon; as duas equipes ficaram no empate em 1-1 no primeiro confronto das oitavas-de-finais da Liga dos Campeões. Posteriormente, no segundo confronto entre as duas equipes, o francês voltou a marcar um dos gols da vitória do Real Madrid por 3-0 sobre os “Les Gones” no Santiago Bernabéu.

Em 19/03/2011, em jogo da 29ª rodada da La Liga, Benzema marcou o primeiro gol da partida e os merengues levaram a melhor e venceram o “derbi madrileño” por 2-1 em pleno Vicente Calderón, estádio do rival Atlético de Madrid. No entanto, mesmo com este desempenho, o francês só jogou apenas um dos 4 jogos mais esperados diante do Barcelona em que os 2 clubes se enfrentaram na 32ª rodada da La Liga, nas semifinais da UEFA Champions League e na final da Copa do Rei 2010-11, sendo que destes confrontos, o Real Madrid só venceu o rival na final da Copa do Rei por 1-0 e na prorrogação.

Em 23/04/2011, em jogo da 33ª rodada da La Liga, o camisa 9 marcou um dos gols na goleada por 6-3 sobre o Valencia em pleno Mestalla. Uma semana depois, em mais uma partida válida pela La Liga, o francês marcou um dos gols do Real Madrid diante do Real Zaragoza, mas mesmo assim, os merengues foram derrotados por esta equipe por 3-2 no Santiago Bernabéu. Esta foi a única partida até aqui em que Benzema marcou um gol e o Real Madrid perdeu um jogo.

Em 21/05/2011, em jogo da última rodada (38ª) do Campeonato Espanhol, o francês marcou um doblete na goleada por 8-1 sobre o Almería; os últimos gols de Benzema com a camisa do Real Madrid na temporada 2010-11.

Em suma, na sua segunda temporada como jogador do Real Madrid, Benzema foi um dos artilheiros da La Liga com 15 gols, foi o segundo maior goleador do time na temporada com 26 tentos, ficando atrás apenas de Cristiano Ronaldo e conquistou o seu primeiro título pelos Galácticos (a Copa do Rei). Por suas atuações na segunda metade desta temporada, o francês foi elogiado por Mourinho, pelos dirigentes do Real Madrid (Florentino Pérez e Emilio Butragueño) e também pelo técnico da seleção da França, Laurent Blanc.

  • Números de Benzema na sua 2ª Temporada no Real Madrid
Pd Gm A CA CV Mj na temporada 2010-11
48 *26 9 3 2779

* 26 gols dos quais 15 foram pela La Liga, 6 pela UEFA Champions League e 5 pela Copa do Rei

2011-12

Antes do início da temporada 2011-12, Benzema seguiu os conselhos dos compatriotas Blanc e Zidane e foi para Merano – na Itália – para passar por um tratamento numa clínica, visando melhorar ainda mais o seu desempenho dentro de campo e nesta clínica, ele foi submetido a um tratamento para a redução de peso. O tratamento deu resultado e acabou sendo um sucesso porque além de perder 8 quilos, o francês também passou por um tratamento físico, visando aumentar a sua massa muscular. Não foi por acaso que ele marcou 8 gols em 7 partidas nos jogos da pré-temporada. Posteriormente, Mourinho foi creditado pela transformação de Benzema, mas o treinador negou total responsabilidade nisso e, em vez disso, deu crédito ao atacante.

No primeiro jogo do Real Madrid na temporada 2011-12 – em 14 de agosto de 2011 -, o primeiro confronto da decisão da Supercopa da Espanha 2011, além de iniciar a partida entre os titulares, o francês deu o passe para o meia Mesut Özil marcar o gol dele no empate em 2-2 com o Barcelona no Santiago Bernabéu. Três dias depois, as duas equipes voltaram a se enfrentar, mas desta vez o confronto ocorreu no Camp Nou – estádio do Barcelona – e mesmo com um gol de Benzema e um passe dele para o gol de Cristiano Ronaldo, o Real Madrid perdeu o “El clásico” – clássico entre Real Madrid e Barcelona – por 3-2.

Em 10/09/2011, em jogo da 3ª rodada da La Liga, o camisa 9 marcou 2 tentos na vitória por 4-2 sobre o Getafe. Depois de marcar os seus primeiros gols na temporada 2011-12, Benzema ficou 3 partidas consecutivas sem marcar gols e em 24/09/2011, em jogo da 6ª rodada da La Liga, ele marcou o seu 4º tento nesta temporada na goleada por 6-2 sobre o Rayo Vallecano.

Em 27/09/2011, em partida válida pela 2ª rodada da UEFA Champions League, Benzema marcou um dos gols no triunfo por 3-0 sobre o Ajax e além disso, ele também deu o passe para Cristiano Ronaldo marcar o gol dele nesta partida. Na rodada seguinte da Liga dos Campeões – em 18/10/2011 -, o camisa 9 fez valer a “lei do ex” novamente e marcou um dos gols na goleada por 4-0 sobre o Lyon e além disso, ele deu o passe para o gol de Sami Khedira neste jogo.

Em 06/11/2011, em jogo da 12ª rodada da La Liga, o francês marcou um doblete na goleada do Real Madrid por 7-1 sobre o Osasuna. Duas semanas depois, em mais um jogo do Campeonato Espanhol, Benzema fez um dos gols na vitória por 3-2 sobre o Valencia em pleno Mestalla.

Em 22/11/2011, em partida válida pela 5ª rodada da fase de grupos da UEFA Champions League, o camisa 9 marcou o seu segundo doblete neste mês de novembro na goleada por 6-2 sobre o Dinamo Zagreb da Croácia e não foi só isso, além de ter feito 2 gols neste jogo, ele deu o passe para o gol de José Callejón nesta partida.

Em 10/12/2011, em jogo da 16ª rodada da La Liga, Benzema marcou o único gol do Real Madrid na derrota por 3-1 diante do Barcelona em pleno Santiago Bernabéu. No entanto, convém lembrar que o francês só precisou de apenas 21 segundos após o árbitro dar o apito para o início da partida para marcar o único tento dos merengues neste jogo e assim sendo, este foi o gol mais rápido na história do “El Clásico”.

Em 13/12/2011, por suas atuações durante o ano de 2011, Benzema foi eleito o “Jogador do Ano da França”, superando o zagueiro do Barcelona Éric Abidal e o goleiro Hugo Lloris do Lyon. Ele se tornou apenas o segundo jogador francês que atua na Espanha a ganhar este prêmio, e também o segundo jogador do Real Madrid a conquistá-lo. Zidane foi o primeiro a conseguir estas duas menções honrosas. Benzema expressou gratidão ao ganhar o prêmio, afirmando: “É um prazer ganhar um troféu individual. Quando vejo os vencedores anteriores – Zidane, Henry e outros grandes jogadores -, sinto orgulho de me juntar a eles na lista.”

Em 17/12/2011, em jogo da 17ª rodada do Campeonato Espanhol, o francês não marcou nenhum tento na goleada do Real Madrid por 6-2 sobre o Sevilla em pleno Ramón Sánchez Pizjuan, mas ele compensou com duas assistências – para um dos 3 tentos de Cristiano Ronaldo e um de Ángel Di María – e ele também sofreu um pênalti que foi convertido por Ronaldo.

Logo na primeira partida do Real Madrid no ano de 2012 – em 03/01/2012 -, Benzema marcou um dos gols no triunfo por 3-2 sobre o Málaga no primeiro confronto das oitavas-de-finais da Copa do Rei. Posteriormente, no segundo confronto entre as duas equipes em 10/01/2012, ele marcou o único gol da vitória do Real Madrid em pleno La Rosadela, estádio do Málaga. Com um placar agregado de 4-2, os Galácticos avançaram para as quartas-de-finais da Copa do Rei 2011-12.

Paralelamente a disputa da Copa do Rei no início de 2012, o Real Madrid jogou a sua primeira partida da La Liga no ano de 2012 (em 7 de janeiro de 2012 no Santiago Bernabéu) e o camisa 9 novamente foi um dos destaques da equipe merengue, pois marcou 2 gols na goleada por 5-1 sobre o Granada.

Em 18/01/2012, no primeiro confronto das quartas de final da Copa do Rei, Benzema deu o passe para Cristiano Ronaldo abrir o placar do jogo, no entanto, o Real Madrid levou a virada e perdeu para o Barça novamente como mandante; o jogo teve como palco o estádio Santiago Bernabéu. No segundo confronto entre as duas equipes no Camp Nou em 25/01/2012, o francês marcou um dos gols dos Galácticos na partida, mas as duas equipes ficaram no empate em 2-2 e com este resultado, o Real Madrid estava eliminado da Copa do Rei 2011-12.

Em 12/02/2012, em jogo da 23ª rodada da La Liga, o camisa 9 marcou um dos gols no triunfo por 4-2 sobre o Levante. Seis dias depois, em mais uma partida válida pela La Liga, o francês marcou um doblete na goleada por 4-0 sobre o Racing Santander.

Em 14/03/2012, no segundo confronto das oitavas-de-finais da UEFA Champions League diante do CSKA Moscou da Rússia, o francês saiu do banco aos 24 minutos do segundo tempo e no minuto seguinte, ele marcou o 3º gol do Real Madrid na partida e pouco nos acréscimos, o francês deu o passe para Cristiano Ronaldo selar o resultado desta partida; goleada do Real Madrid sobre a equipe russa por 4-1. Com um placar agregado de 5-2, o clube espanhol se classificou para as quartas de final desta competição. Dez dias depois, mas desta vez em jogo válido pela La Liga, o camisa 9 foi um dos destaques na goleada por 5-1 sobre o Real Sociedad ao fazer 2 gols neste jogo e além disso, ele deu o passe para Higuaín fazer o gol dele nesta partida. Com estes 2 gols diante do Real Sociedad, Benzema se tornou o maior artilheiro francês na história da La Liga superando até mesmo o Zidane.

Em 27/03/2012, no primeiro confronto das quartas-de-finais da Liga dos Campeões contra o APOEL Nicosia do Chipre, o camisa 9 fez 2 gols no triunfo por 3-0 sobre a equipe cipriota em pleno estádio GSP, estádio do APOEL. Posteriormente, as duas equipes se enfrentaram no Santiago Bernabéu e mesmo com o francês no banco, o Real Madrid goleou a equipe cipriota por 5-2.

Em 29/04/2012, em jogo da 36ª rodada da La Liga, Benzema foi o principal destaque na vitória por 3-0 sobre o Sevilla ao marcar 2 dos 3 gols do Real Madrid neste jogo e além dos 2 tentos marcados nesta partida, ele também deu o passe para o português Cristiano Ronaldo marcar o gol dele nesta partida. Este foi o sétimo e último doblete do francês nesta temporada e com este triunfo, o Real Madrid se sagrou o campeão da La Liga 2011-12; esta foi a 1ª vez em 4 anos que os “Galácticos” conquistavam este título.

Em 13/05/2012, na última rodada (38ª) do Campeonato Espanhol, Benzema fez um dos gols do Real Madrid na goleada por 4-1 sobre o Mallorca.

Em suma, na sua 3ª temporada como jogador do Real Madrid, Karim Benzema marcou 32 gols em 52 jogos disputados e ele foi o 4º maior artilheiro da UEFA Champions League 2011-12 com 7 gols – ficando atrás apenas de Lionel Messi (14) do Barcelona, Mario Gómez do Bayern de Munique (12) e Cristiano Ronaldo (10) – e o 5º maior goleador da La Liga 2011-12 com 21 gols, ficando atrás apenas de Messi (50), Cristiano Ronaldo (46), Radamel Falcao (24) do Atlético de Madrid e Gonzalo Higuaín (22).

  • Números de Benzema na sua 3ª Temporada no Real Madrid
Pd Gm A CA CV Mj na temporada 2011-12
52 *32 19 3444

* 32 gols dos quais 21 foram pela La Liga, 7 pela UEFA Champions League, 3 pela Copa do Rei e 1 pela Supercopa da Espanha

2012-13

Em 18 de setembro de 2012, na estreia do Real Madrid na fase de grupos da UEFA Champions League 2012-13, Benzema marcou o seu primeiro gol nesta temporada no triunfo por 3-2 sobre o Manchester City da Inglaterra no estádio Santiago Bernabéu. Seis dias depois, mas desta vez em partida válida pela 5ª rodada da La Liga, o francês fez um dos gols na vitória por 2-0 sobre o Rayo Vallecano; este foi o seu primeiro tento na La Liga 2012-13.

Em 03/10/2012, em partida válida pela 2ª rodada da fase de grupos da Liga dos Campeões, Benzema fez um gol de bicicleta após um cruzamento de Kaká num jogo no qual o Real Madrid goleou o Ajax por 4-1 em plena Johan Cruijff Arena e não foi só isso, o francês proveu duas assistências neste jogo; passes para 2 gols de Cristiano Ronaldo.

Em 31/10/2012, no primeiro confronto da 4ª fase da Copa do Rei diante do CD Alcoyano, o camisa 9 teve uma grande atuação na goleada por 4-1 sobre a equipe adversária, pois marcou 2 gols nesta partida e além disso, ele proveu duas assistências neste jogo; assistências para os gols de Kaká e de José Rodríguez.

Em 18/12/2012, um dia antes do seu 25º aniversário, Benzema ganhou o prêmio de melhor Jogador francês do ano de 2012. Convém lembrar que ele foi o vencedor deste prêmio pelo segundo ano consecutivo.

Logo no primeiro jogo do Real Madrid no ano de 2013 – em 6 de janeiro – o camisa 9 foi um dos destaques na vitória por 4-3 sobre o Real Sociedad ao marcar um dos gols dos Galácticos na partida e além disso, ele também deu o passe para um dos 2 gols de Cristiano Ronaldo neste jogo.

Em 02/03/2013, em jogo da 26ª rodada do Campeonato Espanhol, o Real Madrid enfrentou o Barcelona e diferentemente dos últimos confrontos na La Liga, desta vez os merengues levaram a melhor e venceram por 2-1 sendo que o primeiro gol dos Galácticos na partida foi marcado por Karim Benzema.

Em 30/04/2013, no segundo confronto das semifinais da Liga dos Campeões, o camisa 9 marcou um dos gols do triunfo dos merengues por 2-0 sobre o Borussia Dortmund da Alemanha, no entanto, a equipe alemã venceu o time espanhol por 4-1 em Dortmund e com um placar agregado de 4-3, os alemães se classificaram para a final da UEFA Champions League 2012-13 e com isso, só restava a La Liga e a Copa do Rei para o Real Madrid nesta temporada.

Em 01/06/2013, na última rodada (38ª) da La Liga 2012-13, Benzema marcou o seu último tento nesta temporada no triunfo por 4-2 sobre o Osasuna e além de ter feito um gol neste jogo, ele deu o passe para José Callejón marcar o gol dele nesta partida.

Em suma, na sua 4ª temporada com a camisa dos Galácticos, apesar de não ter marcado muitos gols na temporada 2012-13, ao lado de Cesc Fàbregas o francês foi o 4º jogador que mais proveu assistências – 11 assistências – na La Liga 2012-13, ficando atrás apenas de Andrés Iniesta (16) do Barcelona, Mesut Özil (13) e Lionel Messi (12).

  • Números de Benzema na sua 4ª Temporada no Real Madrid
Pd Gm A CA CV Mj na temporada 2012-13
50 *20 21 2881

* 20 gols dos quais 11 foram pela La Liga, 5 pela UEFA Champions League e 4 pela Copa do Rei

2013-14

Após o fim da temporada 2012-13, houve uma mudança no comando da equipe merengue – sai Mourinho e entra o técnico italiano Carlo Ancelotti – e logo no primeiro jogo do Real Madrid na temporada 2013-14 (a estreia dos merengues na La Liga), Benzema marcou um dos gols na vitória por 2-1 sobre o Real Bétis no Santiago Bernabéu. Na semana seguinte, em mais uma partida válida pela La Liga, o francês o gol da vitória sobre o Granada. Depois deste jogo, o camisa 9 ficou sem marcar gols por 2 jogos até que na estreia dos merengues na fase de grupos da UEFA Champions League em 17 de setembro de 2013, o francês encerrou este jejum ao marcar 2 gols na goleada por 6-1 sobre o Galatasaray em Istambul na Turquia e além dos 2 tentos, ele deu um passe para Cristiano Ronaldo marcar 1 dos seus 3 tentos nesta partida.

Em 30/10/2013, em jogo da 11ª rodada da La Liga, Benzema marcou um doblete na goleada por 7-3 sobre o Sevilla e além de ter feito 2 gols nesta partida, o francês também deu o passe para um dos 3 gols de Cristiano Ronaldo e um dos 2 gols do novo reforço dos merengues nesta temporada; o galês Gareth Bale. Por falar em Bale, com a vinda dele, Benzema, Bale e Cristiano Ronaldo passaram a formar o famoso trio que passou a ser conhecido como trio BBC. A sequência de gols do camisa 9 não parou por aí, além de ter feito 2 gols sobre o Sevilla, ele marcou 4 gols nas 4 rodadas seguintes; na vitória por 3-2 sobre o Rayo Vallecano, na goleada por 5-1 sobre o Real Sociedad, na goleada por 5-0 sobre o Almería e no triunfo por 4-0 sobre o Real Valladolid.

O famoso trio BBC

Em 18 de janeiro de 2014, em jogo da 20ª rodada do Campeonato Espanhol, o camisa 9 marcou o seu 100º gol com a camisa do Real Madrid na goleada por 5-0 sobre o Real Bétis.

Em 08/02/2014, em jogo da 23ª rodada da La Liga, Benzema marcou 2 tentos no triunfo por 4-2 sobre o Villareal.

Em 26/02/2014, no primeiro confronto das oitavas-de-finais da UEFA Champions League diante do Schalke 04 da Alemanha, o francês foi um dos destaques do jogo ao marcar um doblete na goleada por 6-1 sobre a equipe alemã em plena Veltins-Arena – estádio do Schalke – e além disso, o camisa 9 não foi egoísta e deu passes para um dos 2 gols de Cristiano Ronaldo e para 1 dos 2 gols de Bale no jogo. Posteriormente, Ancelotti optou por poupar alguns jogadores para o segundo confronto diante do Schalke e Benzema foi um dos jogadores preservados para este jogo e mesmo com um time misto em campo, os merengues venceram a equipe alemã novamente, mas desta vez por 3-1.

Em 23/03/2014, em jogo da 29ª rodada do Campeonato Espanhol, o camisa 9 marcou 2 gols no rival Barcelona, porém mesmo com os 2 tentos do francês nesta partida, o Real Madrid perdeu para o Barça por 4-3 em pleno Santiago Bernabéu. Estes gols, foram os últimos de Benzema na La Liga 2013-14.

Em 16/04/2014, na final da Copa do Rei 2013-14, Barcelona e Real Madrid voltaram a se enfrentar, mas diferentemente do que ocorreu em 23/03/2014, desta vez o Real Madrid levou a melhor sobre o rival e venceu o Barça por 2-1 sendo que Benzema deu o passe para o meia argentino Di María inaugurar o placar desta partida e com este triunfo, o Real Madrid era o campeão desta edição da Copa do Rei. Uma semana depois, mas agora em jogo de ida da semifinal da UEFA Champions League, o francês marcou o único gol da vitória dos merengues sobre o Bayern de Munique no Santiago Bernabéu. Posteriormente, os Galácticos surpreenderam e derrotaram a equipe alemã em plena Allianz Arena pelo placar de 4-0.

Nesta temporada, o Real Madrid chegou ao seu 10º título na história da Liga dos Campeões e o trajeto até a final em Lisboa em Portugal diante do Atlético de Madrid em 24/05/2014 foi o seguinte> na fase de grupos, o Real Madrid foi o 1º colocado do grupo B com a soma de 16 pontos – 5 vitória e 1 empate – em um grupo que contava com o Copenhague da Dinamarca, a Juventus da Itália e o Galatasaray da Turquia.

Nas oitavas de final, os merengues enfrentaram o Schalke 04 da Alemanha e não encontraram dificuldades em passar pelos alemães, pois com um placar agregado de 9-2 – vitória fora de casa por 6-1 e vitória no Santiago Bernabéu por 3-1 – o Real Madrid se classificou para a fase seguinte.

Nas quartas de final, o Real Madrid enfrentou mais uma equipe alemã – o Borussia Dortmund – e os Galácticos levaram a melhor novamente, porém desta vez encontrou dificuldades, pois mesmo com um triunfo por 3-0 no primeiro confronto, os espanhóis perderam o segundo jogo por 2-0, mas com um placar agregado de 3-2, o Real Madrid se classificou para as semifinais desta competição.

O adversário da semifinal era o Bayern de Munique e com uma vitória por 1-0 no Santiago Bernabéu e com uma goleada por 4-0 em Munique na Alemanha, os Galácticos obtiveram a classificação para a final da UEFA Champions League 2013-14.

Benzema cumprimentando o técnico Carlo Ancelotti

Em 24/05/2014, o Real Madrid enfrentou o Atlético de Madrid na final da Liga dos Campeões e Benzema ficou em campo até 34 minutos do segundo tempo, quando foi substituído por Álvaro Morata, e nos acréscimos, o zagueiro Sergio Ramos empatou a partida e com um empate em 1-1, as duas equipes tiveram de decidir o título na prorrogação, aonde o Real Madrid mostrou superioridade e venceu este dérbi por 4-1 e com esta vitória, os merengues conquistaram o título da Liga dos Campeões, pela 10ª vez na história do clube.

Em suma, ao término desta temporada o famoso trio de atacantes do Real Madrid, Bale, Benzema e Cristiano, apelidado de “BBC”, terminou a temporada com 97 gols.

  • Números de Benzema na sua 5ª Temporada no Real Madrid
Pd Gm A CA CV Mj na temporada 2013-14
52 *24 16 3 4055

* 24 gols dos quais 17 foram pela La Liga, 5 pela UEFA Champions League e 2 pela Copa do Rei

2014-15

Antes do início da temporada 2014-15, em 6 de agosto de 2014, o Real Madrid anunciou que Benzema havia assinado um novo contrato com o clube, um contrato que o manteria nos merengues até o ano de 2019. Uma semana depois – em 12/08/2014 -, o francês jogou os 90 minutos da vitória do Real Madrid por 2-0 sobre o Sevilla, em Cardiff, no País de Gales e apesar de não ter feito um dos 2 gols dos merengues nesta partida, ele deu o passe para um dos 2 gols de Cristiano Ronaldo e com este triunfo, o Real Madrid conquistou o título da Supercopa da UEFA 2014.

Em 25/08/2014, na estreia dos Galácticos na La Liga 2014-15, o camisa 9 marcou um dos gols na vitória por 2-0 sobre o Córdoba.

Em 16/09/2014, na estreia do Real Madrid na fase de grupos da UEFA Champions League, Benzema marcou o milésimo gol dos merengues na competição europeia na goleada por 5-1 sobre o Basel da Suíça e além de ter feito 1 gol nesta partida, ele também deu o passe para James Rodríguez marcar o gol dele neste jogo. Duas semanas depois, em mais um jogo da Liga dos Campeões, o francês não iniciou a partida diante do Ludogorets Razgrad da Bulgária entre os titulares, mas aos 22 minutos da segunda etapa, ele entrou no lugar de Chicharito Hernandéz e marcou o gol que decretou a vitória do Real Madrid nesta partida; vitória dos merengues por 2-1 sobre a equipe búlgara.

Em 05/10/2014, em jogo da 7ª rodada da La Liga, o camisa 9 marcou um doblete na goleada por 5-0 sobre o Athletic de Bilbao.

Em 22/10/2014, em partida válida pela 3ª rodada da fase de grupos da UEFA Champions League, Benzema foi o principal destaque no triunfo por 3-0 sobre o Liverpool no Anfield Road – estádio do Liverpool – ao marcar 2 dos 3 gols da partida. Três dias depois, desta vez em jogo válido pela 9ª rodada da La Liga, o francês marcou um dos gols no triunfo por 3-1 sobre o Barcelona e para coroar as atuações de Benzema nos últimos jogos, ele foi escolhido como o melhor Jogador do mês de outubro de 2014 do Campeonato Espanhol, com o seu técnico – Carlo Ancelotti – sendo eleito o melhor técnico do mês de outubro da La Liga.

Nos 7 jogos seguintes do Real Madrid nesta temporada, Benzema marcou 5 gols nestes jogos; na goleada por 4-0 sobre o Granada, no triunfo por 1-0 sobre o Liverpool, na goleada por 5-1 sobre o Rayo Vallecano, na vitória por 4-0 sobre o Eibar e na vitória por 2-1 sobre o Málaga fora de casa.

Em 31 de janeiro de 2015, em jogo da 21ª rodada da La Liga, o francês foi um dos destaques na goleada por 4-1 sobre o Real Sociedad ao marcar 2 dos 4 gols e além dos 2 tentos, ele também deu o passe para o zagueiro Sergio Ramos marcar o gol dele nesta partida.

Em 05/04/2015, em jogo da 29ª rodada do Campeonato Espanhol, Benzema marcou os seus últimos gols (2 gols) na temporada 2014-15 na goleada por 9-1 sobre o Granada no estádio Santiago Bernabéu.

Em suma, na sua 6ª temporada defendendo o Real Madrid, o camisa 9 foi o 8º maior goleador da La Liga 2014-15 com 17 gols, ele também foi o 6º jogador que mais proveu assistências (10 assistências) neste campeonato e um dos artilheiros da UEFA Champions League 2014-15 com 6 gols marcados.

  • Números de Benzema na sua 6ª Temporada no Real Madrid
Pd Gm A CA CV Mj na temporada 2014-15
46 *22 15 1 3669

* 22 gols dos quais 15 foram pela La Liga, 6 pela UEFA Champions League e 1 pelo Mundial Interclubes da FIFA

2015-16

Antes do início da temporada 2015-16, houve uma mudança de treinador – sai Carlo Ancelotti e entra Rafa Benítez -, mas vale ressaltar que este técnico não durou muito neste cargo, mas mesmo com isso, Benzema foi mantido entre os titulares e assim sendo em 29 de agosto de 2015, em jogo da 2ª rodada da La Liga, o camisa 9 marcou o seu primeiro gol nesta temporada na goleada por 5-0 sobre o Real Bétis no estádio Santiago Bernabéu. Nas 4 partidas seguintes do Real Madrid nesta temporada, o francês marcou 6 gols; fez 1 gol na goleada por 6-0 sobre o Espanyol, em seguida fez 1 na vitória por 4-0 sobre o Shakhtar Donetsk da Ucrânia na estreia dos merengues na fase de grupos da UEFA Champions League, fez o único gol da vitória sobre o Granada na 4ª rodada da La Liga e fez 2 gols no triunfo por 2-1 sobre o Athletic de Bilbao na 5ª rodada da La Liga.

Em 05/12/2015, em jogo da 14ª rodada do Campeonato Espanhol, o francês marcou um doblete na goleada por 4-1 sobre o Getafe. Três dias depois, desta vez em partida válida pela última rodada da fase de grupos da Liga dos Campeões, Benzema marcou o seu primeiro hat-trick desta temporada na goleada por 8-0 sobre o Malmö da Suécia.

Em 20/12/2015, em jogo da 16ª rodada da La Liga, o camisa 9 marcou o seu segundo e último hat-trick nesta temporada numa grande goleada dos merengues por 10-2 sobre o Rayo Vallecano e além de ter feito 3 gols nesta partida, o francês também deu um passe para Bale marcar 1 dos seus 4 tentos neste jogo.

Logo na primeira partida do ano de 2016 do Real Madrid – em 3 de janeiro de 2016 -, Benzema marcou um dos gols no empate em 2-2 com Valencia em jogo válida pela 18ª rodada da La Liga. Nas 5 rodadas seguintes do Campeonato Espanhol, o francês marcou 7 tentos; ele fez 2 gols na goleada por 5-0 sobre o Deportivo La Coruña, fez 2 gols novamente, mas desta vez na goleada por 5-1 sobre o Sporting Gijón, evitou a derrota dos merengues diante do Real Bétis, jogo no qual as duas equipes ficaram no empate em 1-1, em seguida ele fez um dos gols na goleada por 6-0 sobre o Espanyol e por último, ele marcou um dos gols do triunfo por 2-1 sobre o Granada em pleno Nuevo Los Cármenes (estádio do Granada).

Em 08/05/2016, em jogo da penúltima (37ª) rodada do Campeonato Espanhol, o camisa 9 marcou o seu último tento nesta temporada na vitória por 3-2 sobre o Valencia no último jogo do Real Madrid no estádio Santiago Bernabéu na temporada 2015-16.

Veja Também!  Onde assistir São Raimundo-PA x São Raimundo-RR Futebol AO VIVO – Campeonato Brasileiro Série D

Em 28/05/2016, na final da UEFA Champions League 2015-16 diante do Atlético de Madrid, Benzema começou esta partida entre os titulares, mas foi substituído por Lucas Vázquez aos 32 minutos da segunda etapa e ele viu do banco o seu time conquistar “a undecima” (11º título do Real Madrid na história da Liga dos Campeões). Porém, para chegar até a final, o Real Madrid fez o seguinte trajeto> na fase de grupos, os merengues caíram no grupo A juntamente com o Malmö da Suécia, o Paris Saint-Germain da França e o Shakhtar Donetsk da Ucrânia e ao final desta fase, o time espanhol atingiu 16 pontos (5 vitória e 1 empate).

Nas oitavas-de-finais, o Real Madrid enfrentou a Roma da Itália e com um placar agregado de 4-0 – venceu ambos os jogos de ida e volta por 2-0 -, os merengues se classificaram para as quartas de final desta edição da UEFA Champions League.

Nas quartas-de-finais, o adversário dos Galácticos foi o Wolfsburg da Alemanha e mesmo com uma derrota por 2-0 para a equipe alemã na Volkswagen Arena, o Real Madrid deu a volta por cima no segundo confronto e venceu o Wolfsburg por 3-0.

Veja Também!  Onde assistir Estados Unidos x Chile Futebol AO VIVO – Copa do Mundo Feminina

Nas semifinais, os merengues enfrentaram o Manchester City da Inglaterra e depois de um empate em 0-0 no Etihad Stadium – estádio da equipe inglesa -, o Real Madrid venceu o Manchester City no Santiago Bernabéu por 1-0 e com isso, os Galácticos iriam disputar a final da maior competição europeia contra o mesmo time da final da UEFA Champions League 2013-14, o Atlético de Madrid.

Diferentemente da final da Liga dos Campeões da temporada 2013-14 onde o Real Madrid derrotou os “Colchoneros” – Atlético de Madrid – por 4-1 no tempo extra, desta vez o empate em 1-1 persistiu não somente no tempo regulamentar, este empate também persistiu pela prorrogação e na disputa por pênaltis, os Galácticos levaram a melhor e venceram por 5-3.

Em suma, na sua 7ª temporada defendendo o Real Madrid, Karim Benzema foi o 4º maior artilheiro da La Liga 2015-16 com 24 gols – empatado com o Neymar do Barcelona -, ficando atrás apenas de Luis Suárez do Barcelona que fez 40 gols, Cristiano Ronaldo fez 35 gols e Lionel Messi do Barcelona fez 26 gols.

  • Números de Benzema na sua 7ª Temporada no Real Madrid
Pd Gm A CA CV Mj na temporada 2015-16
 36 *28  8  1 2593

* 28 gols dos quais 24 foram pela La Liga e 4 pela UEFA Champions League

2016-17

Devido a uma lesão na virilha, Benzema não pôde jogar as duas primeiras rodadas da La Liga 2016-17, mas não demorou muito para ele se recuperar e na 3ª rodada do campeonato, ele jogou os últimos 25 minutos do jogo contra o Osasuna, ao qual o Real Madrid venceu por 5-2.

Em 18 de setembro de 2016, em jogo da 4ª rodada da La Liga, já atuando como um dos titulares, o camisa 9 marcou o seu primeiro gol nesta temporada no triunfo por 2-0 sobre o Espanyol.

Em 02/11/2016, em partida válida pela 4ª rodada da fase de grupos da UEFA Champions League, Benzema marcou o seu primeiro tento nesta competição no empate em 3-3 com o Legia Varsóvia da Polônia.

Em 07/12/2016, em confronto válido pela última rodada da fase de grupos da Liga dos Campeões, o francês marcou o seu primeiro doblete desta temporada no empate em 2-2 com o Borussia Dortmund no Santiago Bernabéu.

Em 15/12/2016, em partida válida pela semifinal do Mundial Interclubes da FIFA, Benzema foi as redes no final do primeiro tempo e abriu o placar diante do América do México, um jogo no qual os merengues venceram a equipe mexicana por 2-0. Três dias depois, o Real Madrid e o Kashima Antlers do Japão disputaram a final deste torneio e nesta partida, ao qual o time espanhol levou a melhor e venceu o time japonês por 4-2 na prorrogação, o camisa 9 marcou um dos 4 gols do Real Madrid nesta partida e além disso, ele também deu o passe para Ronaldo fazer um dos seus 3 gols neste jogo. Este foi o 10º título de Benzema com o Real Madrid e assim sendo, ele terminou a competição como o segundo maior goleador deste Mundial Interclubes com 2 tentos em duas partidas.

Em 15 de fevereiro de 2017, no primeiro confronto das oitavas-de-finais da UEFA Champions League diante do Napoli da Itália, Benzema marcou o primeiro gol da vitória dos merengues por 3-1 sobre a equipe italiana e com este gol marcado nesta partida, o camisa 9 do Real Madrid chegou ao seu 51º gol nesta competição e com isso, ele ultrapassou o compatriota Thierry Henry em números de gols na história da Liga dos Campeões. Além disso, Benzema também foi eleito o “melhor jogador” desta partida.

Em 04/03/2017, em jogo da 26ª rodada da La Liga, o francês marcou um doblete na goleada por 4-1 sobre o Eibar e além de ter feito 2 gols nesta partida, ele deu o passe para o meia James Rodríguez marcar o gol dele neste jogo.

Em 21/05/2017, em jogo da última rodada (38ª) rodada do Campeonato Espanhol, Benzema marcou o seu último tento nesta temporada no triunfo por 2-0 sobre o Málaga fora de casa.

Em 03/06/2017, na final da UEFA Champions League 2016-17 em Cardiff, no País de Gales diante da Juventus, o francês foi um dos titulares desta final e por falar nisso, para chegar até aqui, o Real Madrid fez o seguinte trajeto> os merengues caíram no grupo F e no mesmo grupo estavam o Borussia Dortmund da Alemanha, o Legia Varsóvia da Polônia e o Sporting de Portugal e neste grupo, o time espanhol somou 12 pontos – 3 vitórias e 3 empates -, no entanto, o Real Madrid terminou em segundo lugar nesta fase e com isso, teve de enfrentar o 1º colocado de outro grupo.

Após o sorteio, definiu-se que o Real Madrid enfrentaria o Napoli da Itália nas oitavas de final e com um placar agregado de 6-2 – os merengues venceram os 2 jogos pelo placar de 3-1 -, o Real Madrid se classificou para as quartas de final desta Liga dos Campeões.

Nas quartas-de-finais, os Galácticos enfrentaram o Bayern de Munique da Alemanha e com um placar agregado de 6-3 – o Real Madrid venceu o primeiro confronto por 2-1 e depois venceu o segundo confronto por 4-2 na prorrogação – o time espanhol se classificou para a semifinal desta competição.

O adversário das semifinais era um velho conhecido do Real Madrid, o Atlético de Madrid, e mais uma vez, o Real Madrid levou a melhor sobre o rival e com um placar agregado de 4-2, no qual os Galácticos venceram o primeiro confronto por 3-0 e perderam o segundo por 2-1, o Real Madrid chegou a sua 2ª final consecutiva de Liga dos Campeões.

Na final, o Real Madrid enfrentou a Juventus da Itália e não encontrou dificuldades em vencer a equipe italiana e com isso, venceu o jogo pelo placar de 4-1 e com isso, pela 12ª vez na história do clube, os Galácticos eram os campeões da UEFA Champions League.

Benzema posando para uma foto com o troféu da UEFA Champions League 2016-17

  • Números de Benzema na sua 8ª Temporada no Real Madrid
Pd Gm A CA CV Mj na temporada 2016-17
 48 *19  8  0 3239

* 19 gols dos quais 11 foram pela La Liga, 5 pela UEFA Champions League, 2 pelo Mundial Interclubes da FIFA e 1 pela Copa do Rei

2017-18

Em 16 de agosto de 2017, no segundo jogo da decisão da Supercopa da Espanha diante do Barcelona, Benzema marcou o seu primeiro tento desta temporada no triunfo dos Galácticos por 2-0 sobre o rival e como já havia vencido o primeiro confronto por 3-1 no Camp Nou, o Real Madrid era o campeão da Supercopa da Espanha de 2017.

Em 20/09/2017, Karim Benzema assinou um novo contrato com o Real Madrid no qual ele estendia o seu vínculo com os merengues até o ano de 2021.

Em 21/11/2017, em partida válida pela 5ª rodada da fase de grupos da UEFA Champions League, o francês marcou o seu primeiro doblete desta temporada na goleada por 6-0 sobre o APOEL Nicosia do Chipre em pleno estádio GSP, estádio da equipe cipriota.

Em 6 de março de 2018, no segundo confronto das oitavas-de-finais da Liga dos Campeões diante do Paris Saint-Germain no Parc des Princes em Paris, na França, Benzema jogou a sua partida de número 100 nesta competição. Quanto ao jogo, o Real Madrid venceu o PSG pelo placar de 2-1.

Em 31/03/2018, em jogo da 30ª rodada da La Liga, o camisa 9 celebrou o seu 400º jogo com a camisa do Real Madrid convertendo uma cobrança de pênalti no triunfo por 3-0 sobre o Las Palmas fora de casa e além de ter feito 1 gol nesta partida, para homenageá-lo, o clube o elegeu como o capitão do time neste jogo.

Em 01/05/2018, no segundo jogo da semifinal da UEFA Champions League, Benzema marcou o seu segundo e último doblete da temporada no empate em 2-2 com o Bayern de Munique no Santiago Bernabéu. Como já havia vencido o primeiro confronto lá na Alemanha por 2-1, pelo 3º ano consecutivo, o Real Madrid chegava a mais uma final de Liga dos Campeões e para chegar até aqui, o time espanhol fez o seguinte trajeto> na fase de grupos, os merengues caíram no grupo H juntamente com o Borussia Dortmund da Alemanha, o Tottenham da Inglaterra e com o APOEL Nicosia do Chipre e ao término desta fase, o Real Madrid ficou em segundo no grupo com um total de 13 pontos somados (4 vitórias, 1 empate e uma derrota).

O adversário do Real Madrid nas oitavas de final foi o Paris Saint-Germain da França e com um placar agregado de 5-2 – os merengues venceram o primeiro confronto por 3-1 e o segundo confronto por 2-1 -, o clube espanhol se classificou para as quartas-de-finais.

Nas quartas-de-finais, os merengues enfrentaram a Juventus da Itália e com um placar agregado de 4-3, no qual o Real Madrid venceu a equipe italiana fora de casa por 3-0 e perdeu em pleno Santiago Bernabéu por 3-1, o Real Madrid avançou para a semifinal desta competição.

O adversário nas semifinais foi o Bayern de Munique da Alemanha e como já foi dito anteriormente, os merengues derrotaram a equipe alemã em plena Allianz Arena por 2-1 e com um empate em 2-2 em casa, a equipe espanhola se classificou para a final da UEFA Champions League 2017-18 que realizar-se-ia em Kiev, na Ucrânia.

Em 26/05/2018, o Real Madrid enfrentou o Liverpool da Inglaterra na final da Liga dos Campeões desta temporada e os merengues levaram a melhor e derrotou a equipe inglesa pelo placar de 3-1 sendo que 1 dos 3 gols dos merengues nesta partida foi marcado por Benzema que contou com uma falha do goleiro Karius para marcar o primeiro dos 3 gols dos Galácticos nesta partida. Com este triunfo, pela 13ª vez na história do clube, o Real Madrid se sagrou campeão da UEFA Champions League.

Benzema e Varane posando para uma foto com o troféu da UEFA Champions League 2017-18

  • Números de Benzema na sua 9ª Temporada no Real Madrid
Pd Gm A CA CV Mj na temporada 2017-18
 47 *12  11  0 3237

* 12 gols dos quais 5 foram pela UEFA Champions League, 5 pela La Liga e 1 pela Copa do Rei

2018-19

Com a saída de Zinedine Zidane do cargo de treinador do Real Madrid quem assume o comando da equipe merengue é o ex-técnico da seleção da Espanha, Julen Lopetegui – não durou muito tempo no cargo, pois atualmente quem é o treinador do Real Madrid é Santiago Solari -, e assim sendo, logo no primeiro jogo do Real Madrid no primeiro jogo do Real Madrid nesta temporada em 15 de agosto de 2018, Benzema marcou um dos 2 gols dos merengues na derrota por 4-2 diante do rival Atlético de Madrid e com isso, os Colchoneros foram os campeões da Supercopa da UEFA 2018.

Em 26/08/2018, em jogo da 2ª rodada da La Liga, o camisa 9 marcou um doblete na goleada por 4-1 sobre o Girona em pleno Municipal de Montilivi, estádio do Girona. Seis dias depois, os Galácticos entravam em campo novamente em mais um jogo válido pela La Liga e o francês marcou o seu doblete desta temporada na goleada por 4-1 sobre o Leganés.

Em 07/11/2018, em partida válida pela 4ª rodada da fase de grupos da UEFA Champions League, Benzema marcou o seu terceiro e último doblete até aqui na goleada por 5-0 sobre o Viktoria Plzeň da República Tcheca e com isso, o francês chegou ao seu gol de número 200 com a camisa do Real Madrid.

Até este momento, Benzema marcou 10 gols em 22 partidas disputadas e além disso, ele também conquistou mais um título com a camisa dos merengues, o Mundial Interclubes da FIFA de 2018.

  • Números de Benzema na sua 10ª e atual Temporada no Real Madrid
Pd Gm A CA CV Mj na temporada 2018-19
 22 *10  5  1 **1726

* 10 gols dos quais 5 foram pela La Liga, 3 pela UEFA Champions League, 1 pela Supercopa da UEFA e 1 pela Copa do Rei

** esta temporada ainda está em andamento

Títulos que conquistou no Real Madrid

  • La Liga 2011-12 e 2016-17
  • Supercopa da Espanha 2012 e 2017
  • Copa do Rei 2010-11 e 2013-14
  • UEFA Champions League 2013-14, 2015-16, 2016-17 e 2017-18
  • Supercopa da UEFA 2014, 2016 e 2017
  • Mundial Interclubes da FIFA 2014, 2016 e 2017
  • O vídeo abaixo mostra uma homenagem do Real Madrid a Karim Benzema que recentemente marcou o seu gol de número 200 com a camisa da equipe merengue e além disso, este vídeo também mostra alguns dos mais belos gols que ele marcou com a camisa dos “Galácticos”
  • Este vídeo foi publicado no YouTube em 8 de novembro de 2018 por Real Madrid

 

Os Números de Benzema na Seleção da França

 

França

Seleções de Base

Assim como muitos grandes jogadores da atualidade, antes de jogar pela seleção principal da França, Benzema iniciou a sua trajetória nas seleções de base da França e em 2004, ele foi campeão de um torneio sub-17 europeu tendo mais tarde novas passagens por seleções de base, teve passagens pelas categorias sub-18, sub-19 e sub-21 respectivamente. Convém lembrar que atuando pela seleção sub-18, ele marcou 14 gols em 17 jogos oficiais.

Antes de ser convocado pela primeira vez para jogar pela seleção principal da França, ele optou por jogar pela seleção francesa ao invés da seleção da Argélia em 2006, afirmando que Argélia era o país de seus pais e embora estivesse em seu coração, por ele ter nascido em solo francês, ele fez a sua escolha; jogar pela França. Karim Benzema mostrava que tinha futebol para ser o próximo ídolo do futebol francês, depois de Michel Platini e de Zinedine Zidane.

Seleção Principal

Em 9 de novembro de 2006, pela primeira vez na sua carreira, Benzema é convocado – pelo técnico Raymond Domenech – para uma partida da seleção principal da França. O jogo era um amistoso contra a seleção da Grécia que seria disputado em 15/11/2006. Benzema descreveu esta convocação como “uma recompensa” e além disso, ele também fez a seguinte afirmação: “Estou contente, é claro, eu e minha família. Esta (a seleção principal) é a maior honra da equipe nacional”.

No entanto, 2 dias antes do amistoso diante da Grécia, o atacante do Lyon foi cortado da convocação devido a uma contusão na cocha, que sofreu em um jogo da Ligue 1 (Campeonato Francês). Apesar desta infelicidade, Benzema voltou a ser convocado por Domenech, desta vez para um amistoso diante da seleção da Áustria em 28 de março de 2007, um amistoso no qual ele saiu do banco antes do início do segundo tempo para entrar no lugar de Djibril Cissé e não foi só isso, logo na sua primeira partida pela seleção principal, ele marcou o gol da vitória deste amistoso.

Euro 2008

Em 13/10/2007, em partida válida pela 11ª rodada das Eliminatórias para a Eurocopa 2008, pela primeira vez desde que vestiu a camisa da seleção francesa, Benzema marcou o seu primeiro doblete na goleada por 6-0 sobre a seleção das Ilhas Faroe e além de ter feito 2 gols nesta partida, o até então jogador do Lyon também deu o passe para Hatem Ben Arfa marcar o gol dele neste jogo. Com esta boa atuação e outras boas atuações com a camisa da seleção francesa, o técnico Raymond Domenech incluiu o nome dele na lista dos 23 jogadores convocados para a disputa da Euro 2008 que realizar-se-ia em 2 países; na Áustria e na Suíça.

Na estreia da França na fase de grupos da Euro 2008 (em 9 de junho) diante da Romênia, Benzema iniciou esta partida entre os titulares, mas aos 33 minutos do segundo tempo, ele foi substituído por Samir Nasri, porém mesmo com esta alteração, os franceses não marcaram gols e com isso, as duas seleções ficaram no empate em 0-0. Posteriormente, Benzema foi criticado pela mídia francesa por sua atuação com o jornal Le Point, declarando que Benzema estava “irreconhecível” e que ele “simbolizava a impotência da França no ataque”. O jornal também citou a sua falta de experiência internacional por sua atuação neste empate sem gols contra a seleção da Romênia. No jogo seguinte, Benzema ficou no banco e de lá, ele viu a seleção francesa ser derrotada por 4-1 para a seleção da Holanda.

Na última partida da França na fase de grupos da Euro 2008, Domenech escalou o jogador do Lyon entre os titulares novamente, mas mesmo com ele em campo, os franceses perderam por 2-0 para a seleção da Itália e com esta campanha – 1 empate e duas derrotas -, a França deu adeus as chances de conquistar o título desta edição da Eurocopa.

  • Desempenho de Benzema na Euro 2008
Pd Gm A CA CV Mj na Euro 2008
 2  0  0 168

Eliminatórias para a Copa do Mundo FIFA de 2010

Apesar das críticas sobre o desempenho de Benzema na Euro 2008 assim como a campanha da seleção da França nesta competição, Benzema permaneceu sendo escalado entre os titulares na equipe e, antes da classificação para a Copa do Mundo da FIFA de 2010, mudou para a camisa de número 10, depois de usar a de número 9. No primeiro jogo da equipe após a eliminação da Euro 2008 em 20/08/2008, Benzema marcou um gol no triunfo por 3-2 sobre a Suécia (jogo amistoso).

Em 14/08/2008, em um amistoso contra a Tunísia, marcou o seu 5º gol com a camisa da seleção francesa na vitória por 3-1 sobre a seleção tunisiana no Stade de France, em Paris.

Em 5 de junho de 2009, em mais um amistoso, o novo camisa 10 da seleção francesa marcou o único gol da vitória sobre a Turquia, uma partida que teve como palco o Stade de Gerland, Lyon. Posteriormente, ele marcou seus primeiros gols nas eliminatórias da Copa do Mundo FIFA de 2010 em vitórias sobre as Ilhas Faroe e sobre a Áustria em outubro de 2009.

Em 14/10/2009, em jogo válido pela última rodada da fase de grupos das Eliminatórias diante da Áustria, a qual o Benzema marcou um dos gols da vitória dos franceses por 3-1 sobre os austríacos, foi a última partida dele como titular na era Domenech, pois ele ficou no banco na repescagem diante da seleção da Irlanda, na qual a França se classificou com um gol polêmico de Thierry Henry e posteriormente, Domenech divulgou a lista dos jogadores convocados para a disputa da Copa do Mundo FIFA de 2010 e o nome de Karim Benzema não constava nesta lista. Domenech citou a luta de Benzema para se firmar no seu novo clube (Real Madrid) como justificativa, em vez do seu suposto envolvimento em um escândalo.

Antes de a lista ser divulgada, Benzema informou a Radio Monte Carlo que, se ele não fosse convocado, ele ficaria “muito desapontado, mas não morto” e que mesmo assim, ele apoiaria a seleção da França na Copa do Mundo. Quanto a campanha da seleção francesa na Copa do Mundo FIFA de 2010 realizada na África do Sul, mais uma decepção, pois a França foi eliminada na fase de grupos desta Copa do Mundo.

Euro 2012

Após o fiasco da França na Copa do Mundo FIFA de 2010, Benzema retornou a jogar pela seleção francesa, mas desta vez sob o comando de um novo treinador, Laurent Blanc. O novo técnico da seleção francesa disse que era um admirador do futebol de Benzema e com isso, procurou construir o ataque em torno do atacante e, depois de quase um ano sem jogar pela França, em 11 de agosto de 2010, Benzema retornou ao time na derrota por 2-1 diante da Noruega em Oslo, capital da Noruega.

Nas eliminatórias para a disputa da Eurocopa 2012, Benzema marcou 3 tentos em 10 partidas – na vitória por 2-0 sobre a Bósnia e Herzegovina, no triunfo por 2-0 sobre Luxemburgo e na vitória por 2-1 sobre a Albânia – e com a soma de 21 pontos – 6 vitórias, 3 empates e uma derrota -, a França conseguiu se classificar para a Euro 2012 que realizar-se-ia em 2 países (Polônia e Ucrânia).

Em 29 de maio de 2012, o técnico Laurent Blanc anunciou a lista dos jogadores convocados para a disputa da Euro 2012 e desta vez, o nome de Karim Benzema estava presente nesta lista. Uma semana depois de ter a sua convocação confirmada para a disputa desta edição da Eurocopa, Benzema foi o destaque na goleada por 4-0 no amistoso diante da Estônia ao marcar 2 gols e ao prover uma assistência para o gol de Franck Ribéry.

Na estreia da França na fase de grupos da Euro 2012, o camisa 10 da seleção francesa iniciou a partida entre os titulares no empate em 1-1 com a Inglaterra. No jogo seguinte da fase de grupos, Benzema foi um dos destaques no triunfo por 2-0 sobre a Ucrânia ao prover duas assistências; para os gols de Jérémy Ménez e de Yohan Cabaye. Na última partida da seleção francesa na fase de grupos, a França perdeu por 2-0 para a Suécia e como consequência, a França ficou em 2º lugar no grupo e teve de enfrentar o primeiro colocado do grupo C, a Espanha.

Nas quartas-de-finais desta Eurocopa, a seleção francesa enfrentou a seleção da Espanha e sofreu mais uma derrota pelo placar de 2-0, porém como este jogo era eliminatório, a França deu adeus as chances de conquistar o título da Euro 2012.

  • Desempenho de Benzema na Euro 2012
Pd Gm A CA CV Mj na Euro 2012
 4  2  0 346

Copa do Mundo FIFA de 2014

Em 11 de outubro de 2013, Benzema pôs fim a jejum de 1222 minutos – quase 1 ano e meio – sem marcar gols pela França em um amistoso diante da Austrália, ao qual a seleção francesa goleou a seleção australiana por 6-0. Cinco dias depois, desta vez em jogo válido pela última rodada da fase de grupos das Eliminatórias para a Copa do Mundo FIFA de 2014, o camisa 10 marcou um dos gols na vitória da seleção francesa por 3-0 sobre a Finlândia. No entanto, mesmo com o triunfo diante da seleção finlandesa, a França terminou em 2º lugar no grupo I, ficando atrás apenas da Espanha, e com isso, teria de disputar a vaga para a Copa que realizar-se-ia no Brasil contra a seleção da Ucrânia.

Em 15/11/2013, no primeiro confronto da repescagem diante da Ucrânia, a França perdeu por 2-0 em Kiev. Já no segundo confronto entre as duas seleções, os franceses conseguiram reverter a desvantagem de 2-0 e venceram os ucranianos por 3-0 sendo que um dos 3 gols da França nesta partida foi marcado por Karim Benzema.

Em 6 de junho de 2014, o técnico Laurent Blanc anunciou os nomes dos jogadores convocados para a disputa da Copa do Mundo FIFA de 2014 no Brasil e o nome de Benzema estava presente na lista dos convocados. Nove dias depois deste anúncio, a França fez a sua estreia na fase de grupos da Copa do Mundo no estádio Beira-rio em Porto Alegre e o principal destaque da vitória da seleção francesa por 3-0 sobre a seleção de Honduras foi Benzema que marcou 2 dos 3 gols da França nesta partida. Ao final do jogo contra a Honduras, a FIFA elegeu o camisa 10 como o “melhor jogador” da partida.

No segundo jogo da França na fase de grupos, Benzema marcou um dos gols na goleada por 5-2 sobre a Suíça e além de ter feito 1 gol nesta partida, ele também proveu duas assistências; para os gols de Moussa Sissoko e de Blaise Matuidi. Apesar desta grande atuação, convém lembrar que o camisa 10 podia ter feito 2 gols ao invés de apenas 1, mas isso não ocorreu porque ele teve uma cobrança de pênalti defendido pelo goleiro Diego Benaglio.

No último jogo dos “Les Bleus” – França – na fase de grupos, com a vaga para a fase de mata-mata praticamente garantida, a seleção francesa jogou para o “gasto” e ficou no empate em 0-0 com a seleção do Equador.

Nas oitavas-de-finais, a França enfrentou a Nigéria e com um triunfo por 2-0 sobre a seleção do continente africano – Nigéria -, os Les Bleus se classificaram para as quartas-de-finais desta Copa do Mundo.

Nas quartas-de-finais, a seleção francesa enfrentou a Alemanha e diferentemente dos jogos anteriores, desta vez a França perdeu para a seleção alemã por 1-0 e com isso, a seleção francesa teve de adiar o sonho de conquistar o bicampeonato somente em 2018 na Rússia.

  • Desempenho de Benzema na Copa do Mundo FIFA de 2014
Pd Gm A CA CV Mj nesta Copa
 5 3  2  0 450

Suspensão da Seleção e o Polêmico caso Valbuena

Como a França foi escolhida como o país sede da Euro 2016, a seleção francesa não disputou as Eliminatórias para esta edição da Eurocopa. Além disso, após o fim da Copa do Mundo FIFA de 2014, sai Laurent Blanc e para o lugar dele entra o técnico Didier Deschamps. Quanto a Benzema, após a disputa da Copa do Mundo, ele jogou 10 dos 13 amistosos da França antes do início da Euro 2016 e ele estava ganhando cada vez mais confiança com o novo treinador, pois em 26 de março de 2015, pela primeira vez desde que vestiu a camisa da seleção da França, Benzema foi o capitão do time diante do Brasil, porém a seleção francesa perdeu este jogo pelo placar de 3-1. No seu último jogo com a camisa dos Les Bleus em 08/10/2015, o camisa 10 marcou 2 gols na goleada por 4-0 sobre a Armênia.

Em 05/11/2015, Benzema foi formalmente acusado pela justiça francesa de ter se envolvido no caso de chantagem sobre o também jogador Mathieu Valbuena. O atleta do Real Madrid foi apontado como cúmplice e quase foi condenado a 5 anos de prisão, por se “associar” a criminosos que cobraram 150 mil euros ao atual meia do Fenerbahçe da Turquia para não divulgar um vídeo com conteúdo erótico, conforme aponta comunicado do órgão.[1]

Desde então, Benzema não foi mais convocado para os jogos da seleção francesa. Em março de 2016 a restrição judicial de manter contato com Valbuena foi cancelada, viabilizando a atuação de ambos. Mesmo assim, autoridades do governo francês como o Ministro do Esporte Patrick Kanner e o Primeiro-ministro Manuel Valls manifestaram-se contrários ao retorno de Benzema a seleção francesa.

Em 13 de abril de 2016, Benzema divulgou em sua conta na rede social Twitter, que não disputaria a Euro 2016, fato em seguida confirmado em comunicado da Federação Francesa de Futebol. O presidente desta federação, Noël Le Graët e o treinador da seleção Didier Deschamps, levaram em conta outros critérios, além do técnico, como a conduta exemplar, para não convocá-lo para a disputa da Euro 2016. [2]

Títulos que conquistou pela seleção da França

  • Campeonato Europeu Sub-17 2004
  • O vídeo abaixo mostra todos os gols de Benzema com a camisa da seleção da França
  • Este vídeo foi publicado no YouTube em 18 de janeiro de 2018 por DreamBiggerFR

Total

Pd Gm A CA CV Mj
81 27 18 5129
Prêmios individuais
  • Melhor jogador da Ligue 1: 2007–08
  • Seleção da Ligue 1: 2007–08
  • Artilheiro da Ligue 1: 2007–08 (20 gols)
  • Trofeo Bravo: 2008
  • Jogador que mais proveu assistências na UEFA Champions League 2011–12
  • Jogador Francês do Ano: 2011, 2012 e 2014
  • 50º melhor jogador do ano de 2016 (The Guardian)
  • 25º melhor jogador do ano de 2016 (Marca)
Recordes

Gol mais rápido da história do “El Clasico” – clássico entre Barcelona e Real Madrid

  • O vídeo abaixo mostra todos os tentos que Benzema marcou pelo Lyon, Real Madrid e pela seleção da França até o início do ano de 2016
  • Este vídeo foi publicado no YouTube em 1 de março de 2016 por Lokakil’OL

Considerações Finais

Com base em todos os dados e números analisados até aqui, pode-se concluir que Karim Benzema é um atacante habilidoso, rápido, ágil e bom no jogo aéreo. Além disso, ele também é um número 9 atípico, embora seja um centroavante, ele também é capaz de jogar em várias outras posições ofensivas, e tem sido usado como ponta, ou mesmo atrás do atacante principal como um número 10 ou para a frente. Além de seu gols, Benzema é conhecido por sua disposição e habilidade de cair em posições mais profundas ou mais largas, e tanto jogar com os meio-campistas como usar a sua força e capacidade técnica para segurar a bola de costas para o gol.

Durante o seu tempo no Real Madrid, Benzema também foi elogiado por seu trabalho e inteligência tática quando ele não está com a bola, bem como o seu sentido de posição e movimento de ataque como um atacante, que muitas vezes atrai os defensores da equipe adversária para fora de posição, e por sua vez ele criou espaços para o atacante Cristiano Ronaldo correr para o centro da área pela ala esquerda. Não foi por acaso que o francês também é visto como um falso 9.

E para vocês? Benzema é um dos melhores atacantes franceses na atualidade? Ele é um dos melhores atacantes do mundo?

SourceWikipedia

Inscreva-se

Siga o Futebol Stats também no Google Notícias, CLIQUE AQUI e em seguida aperte em "Seguir"   
Marcelo Souza
Formado em Letras Inglês na Uniso em 2010, atualmente trabalha como professor PEB II de Inglês na rede pública do Estado de São Paulo, tem 29 anos de idade e também é um dos Redatores do site Futebol Stats.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Por favor, digite seu nome aqui