Quando cita-se um dos centroavantes com uma das melhores média de gols na Europa é inevitável não se lembrar do centroavante do Tottenham e da Seleção da Inglaterra, Harry Kane, artilheiro da Premier League – campeonato inglês – nas temporadas 2015-16 e 2016-17.

Harry Edward Kane nasceu em 28/07/1993 em Walthamstow, cidade próxima a Londres, na Inglaterra. Antes de jogar pelos Spurs – Tottenham -, Kane iniciou a sua carreira no Ridgeway Rovers no juvenil e o seu primeiro clube como profissional foi o Tottenham, porém ele não tinha espaço e por esta razão, ele foi emprestado para outros clubes. O que mais se sabe sobre a carreira de Harry Kane? Por quais clubes ele jogou? Quais feitos ele atingiu até aqui ao longo de sua carreira?

Juvenil

Harry Kane é filho de Kim e Patrick Kane e também tem um irmão mais velho cujo nome é Charlie. A família mudou-se para Chingford, onde ele frequentou a Larkswood Academy até o ano de 2004 e logo em seguida ele passou a frequentar a Chingford Foundation School (local frequentado por David Beckham, um dos maiores jogadores do futebol inglês). Apesar de ter David Beckham como um de seus ídolos, o maior ídolo mesmo de Harry sempre foi Teddy Sheringham, ex-centroavante com passagens pelo Tottenham, clube pelo qual ele e a sua família sempre torceram. Desde muito jovem,Kane já jogava futebol e assim sendo, aos 6 anos de idade, ele começou a dar os seus primeiros passos na carreira num clube local, Ridge Rovers.

Harry Kane (o menino) ao lado de um de seus ídolos nesta foto, David Beckham.

 

Durante a sua formação, além do Ridge Rovers, Kane teve passagens por mais 2 clubes antes de chegar ao Tottenham, um destes clubes pelo qual ele teve passagem é um outro time londrino (de Londres), o Arsenal. Aos 8 anos de idade ele passou a integrar a academia de juniores do Arsenal. No entanto, o técnico do juniores dos Gunners – Arsenal – não o aprovou, pois o considerava “gordinho” e “não muito atlético”. Em novembro de 2015, o treinador do Arsenal naquela época (Arsène Wenger) relatou o seu desapontamento com a decisão de Brady e do clube em liberar Harry Kane.

Após esta passagem pelo juniores dos Gunners, Kane voltou ao Ridge Rovers e pouco tempo depois ele fez testes no juniores do Tottenham, porém ele não passou no primeiro teste. Em 2004, aos 11 anos de idade, ele ingressou na equipe juvenil do Watford para um teste de quatro a seis semanas, e teve outra oportunidade no Tottenham depois de ter impressionado jogando pelo Watford contra o próprio Tottenham e após esta partida, a carreira de Kane começou a seguir para o curso atual.

A Carreira e os números de Harry Kane nos clubes em que jogou

 

Tottenham

Categorias de Base

Na primeira vez que jogou pelo Tottenham, Kane jogou como meio-campista, inicialmente como um meia defensivo e depois passou a jogar como meia-atacante. Nos seus primeiros dias, ele não se destacava como jogador, pois não era alto e além disso, ele também não era rápido, mas aqueles que trabalhavam com ele no clube notaram o seu desejo constante de melhorar vários aspectos no seu jogo. Na temporada 2008-09, ele jogou no time sub-16 dos Spurs que disputou a Copa Chivas (um torneio realizado no México) e o Torneio Bellinzona (realizado na Suíça). Em julho de 2009, quando ele completou 16 anos de idade, Kane assinou um contrato de bolsa de estudos com o Tottenham.

Na temporada 2009-10, Kane jogou vinte e duas vezes pelo sub-18 dos Spurs e nestes 22 jogos que ele disputou, Harry marcou 18 gols e pouco tempo depois, ele foi visto no banco de reservas do Tottenham por duas vezes na temporada 2009-10. Ambas as partidas válidas pela Copa da Inglaterra: a primeira foi diante do Everton em 27/10/2009 e a outra partida em que Harry Kane esteve no banco foi diante do Bolton Wanderers em 24/02/2010.

Em julho de 2010, Kane assinou o seu primeiro contrato profissional com o Tottenham. No entanto, era consenso no clube de que a necessidade do jogador competisse logo em nível profissional e para ganhar rodagem, o clube optou por emprestá-lo e a primeira experiência de Harry Kane como profissional foi no Leyton Orient, clube que disputava a 3ª divisão do futebol inglês naquela época.

Leyton Orient

2010-11

Em 7 de janeiro de 2011, Harry Kane foi emprestado para o Leyton Orient que estava disputando a EFL League One (3ª divisão do futebol inglês) até o final da temporada 2010-11. O técnico Russel Slade ficou “feliz” com a sua chegada e disse o seguinte: “tenho certeza que ele terá um impacto conosco nos próximos meses”.

Em 15/01/2011, Kane fez a sua estreia com a camisa do Leyton Orient em partida válida pela 27ª rodada da League One, a qual os “O’s” – Leyton Orient – e o Rochdale empataram em 1-1 e apesar de ter entrado no jogo aos 28 minutos da segunda etapa no lugar de Scott McGleish, vale ressaltar que está foi a primeira partida de Kane como profissional, pois até então ele só havia jogado pelas equipes sub-16 e sub-18 dos Spurs. Uma semana depois, em mais um jogo válido pela League One, pela primeira vez na sua carreira como jogador profissional, Kane marcou o seu primeiro gol na goleada por 4-0 sobre o Sheffield Wednesday e diferentemente da partida anterior, desta vez ele iniciou o jogo entre os titulares. Ao final do jogo, o técnico Russel Slade gostou do que viu e elogiou o jogador.

Em 12/02/2011, em mais uma partida válida pela 32ª rodada da terceira divisão do campeonato inglês, pela primeira vez na sua carreira, Harry Kane marcou um doblete – ocorre quando um jogador marca 2 gols num mesmo jogo – na goleada do Leyton Orient por 4-1 sobre o Bristol Rovers e ainda convém lembrar que ele entrou na partida no lugar de Scott McGleish novamente e em um intervalo de 5 minutos ele marcou estes 2 tentos que decretaram o resultado deste jogo.

Em 26/02/2011, em jogo válido pela 34ª rodada da League One, Kane marcou um dos gols no empate em 2-2 com o Huddersfield Town e 10 dias depois, ele marcou o seu último tento com a camisa dos O’s na vitória por 2-0 sobre o Walsall e com isso, ele encerrou a sua primeira temporada como profissional com 5 gols [1] em 18 partidas. Ao final desta temporada, o Leyton Orient ficou um ponto atrás da zona de play-offs – fase de mata-mata da 3ª divisão que define o último clube que irá subir para a 2ª divisão do futebol inglês – e Kane retornou ao Tottenham.

  • Números de Harry Kane na sua 1ª e única Temporada no Leyton Orient
Pd Gm A CA CV Mj na temporada 2010-11
 18 *5  0  1 1 902

Pd – Partidas disputadas; Gm – Gols marcados; A – Assistências; CA – Cartões amarelos; CV – Cartões vermelhos e Mj – Minutos jogados

* Marcou todos estes gols na EFL League One

Tottenham

2011-12

Após ganhar experiência nos O’s, Harry Kane passou a ganhar oportunidades com a camisa dos Spurs e a primeira oportunidade veio em 25 de agosto de 2011, no segundo jogo dos playoffs da Liga Europa contra o Heart of Midlothian da Escócia, na qual Kane iniciou a partida entre os titulares, porém ele não balançou as redes neste jogo, pois ele sofreu o pênalti no qual ele mesmo cobrou, no entanto o goleiro adversário defendeu o pênalti e assim sendo o Tottenham e o clube escocês não movimentaram o placar, em outras palavras, empate em 0-0, mas como os Spurs haviam vencido o primeiro confronto por 5-0, avançaram para a fase de grupos desta competição.

Em 15/12/2011, em jogo válido pela última rodada da fase de grupos da Liga Europa, Kane jogou a sua sexta partida com a camisa dos Spurs e diferentemente dos 2 primeiros jogos, nos quais ele começou como titular, desta vez ele entrou aos 31 minutos do segundo tempo no lugar do atacante Jermain Defoe e nos acréscimos, Kane marcou o seu primeiro gol com a camisa do Tottenham e com isso, ele também marcou o tento que decretou o resultado da partida, vitória dos Spurs por 4-0 sobre o Shamrock Rovers da Irlanda. Apesar de ter feito o seu feito o seu primeiro gol como jogador do Tottenham, o clube londrino voltou a emprestá-lo para o restante desta temporada. O destino da vez era o Millwall, clube que estava disputando a EFL Championship (2ª divisão do futebol inglês).

  • Números de Harry Kane na sua 1ª Temporada como no Tottenham
Pd Gm A CA CV Mj na temporada 2011-12
 6 *1  0  1 291

* Gol válido pela Europa League

Millwall

2011-12

Em 29 de dezembro de 2011, Kane e o seu companheiro de clube (Ryan Mason) concordaram em jogar o restante da temporada 2011-12 por um clube que estava disputando a Championship – 2ª divisão do futebol inglês -, o Millwall. Pouco tempo depois de assinar com os Lions – Millwall -, mais precisamente no dia 3 de janeiro de 2012, Harry Kane fez a sua estreia pelo seu novo clube em jogo válido pela 25ª rodada da Championship contra o Bristol City e vale ressaltar que ele jogou esta partida como titular, mas mesmo assim os Lions perderam este jogo por 1-0. Apesar disso, o técnico Kenny Jackett parecia prever o sucesso de Kane no Millwall e disse que mesmo ele não tendo balançado as redes na sua estreia, ele teve azar em não marcar gols e que ele era uma boa aquisição para o clube.

Com esta derrota na estreia, Kane viu que não teria uma tarefa fácil na sua passagem pelos Lions, pois o clube estava lutando contra o rebaixamento até aquele instante, mas as coisas estavam para mudar. Paralelamente a disputa da 2ª divisão nacional, o Millwall também disputava a 3ª fase qualificatória da Copa da Inglaterra e em 17/01/2012, Harry Kane marcou o seu primeiro e segundo gol pelo seu novo clube na goleada por 5-0 sobre o Dag & Red FC e ainda convém lembrar que ele também sofreu o pênalti que foi convertido por Darius Henderson. Para resumir, os Lions chegaram até as oitavas-de-finais deste torneio.

Em 25/02/2012, em partida válida pela 33ª rodada da Championship, Kane marcou um dos gols na vitória por 3-1 sobre o Burnley fora de casa e daí em diante, o centroavante ajudou o time a permanecer na segunda divisão e nos jogos em que o Millwall mais precisava vencer, o clube venceu e Kane marcou mais 6 gols em outras partidas e assim sendo, ao final daquela temporada, Harry foi eleito o jogador jovem do ano no Millwall e esse sucesso foi o suficiente levar o garoto de volta a White Hart Lane (estádio do Tottenham). A sequência de gols que ele marcou foi creditada com a ajuda de levantar o Millwall na tabela e com isso, os Lions conseguiram permanecer na 2ª divisão do futebol inglês.

  • Números de Harry Kane na sua 1ª e única Temporada no Millwall
Pd Gm A CA CV Mj na temporada 2011-12
 27 9  5  1 1997

* 9 gols dos quais 7 foram pela Championship e 2 pela Copa da Inglaterra

  • O vídeo abaixo mostra os melhores momentos de Harry Kane no Millwall
  • Este vídeo foi publicado no YouTube em 12 de fevereiro de 2013 por justfootymad

 

Tottenham

2012-13

Após ajudar o Millwall na luta contra o rebaixamento para a 3ª divisão do futebol inglês, Kane se reapresentou ao Tottenham e inclusive, ele marcou um hat-trick – 3 gols ou mais numa única partida – em partida válida pela pré-temporada.

Em 18 de agosto de 2012, Harry Kane fez a sua estreia na Premier League – 1ª divisão do futebol inglês – diante do Newcastle. Ele entrou no lugar do brasileiro Sandro aos 41 minutos da segunda etapa e quanto ao jogo, os Spurs perderam por 2-1. O início da temporada 2012-13 parecia animador para Harry e desta vez Kane foi emprestado para um clube que disputava a Premier League para se aprimorar ainda mais, porém diferentemente dos 2 empréstimos anteriores, nesta temporada as coisas não saíram como o esperado. Ele voltou ao Tottenham, foi emprestado novamente – para o Leicester que disputava a Championship – e passou por mais uma decepção.

  • Números de Harry Kane na sua 2ª Temporada no Tottenham
Pd Gm A CA CV Mj na temporada 2012-13
 6 *1  4  0 **455

* Gol válido pela Premier League Sub-21

** Convém lembrar que Harry Kane foi emprestado para dois clubes – Norwich City e Leicester City respectivamente – na mesma temporada

Norwich City

2012-13

Em 31 de agosto de 2012, Kane foi anunciado como o novo reforço do Norwich City em um empréstimo por uma temporada e desta vez, Harry estava num clube que disputava a 1ª divisão do futebol inglês, a Premier League. Duas semanas depois, mais precisamente em 15/09/2012, Kane fez a sua estreia pelo seu novo clube em partida válida pela 4ª rodada da Premier League, a qual o Norwich City enfrentou o West Ham. Kane entrou no jogo aos  26 minutos do segundo tempo no lugar de Grant Holt, mas mesmo com a sua entrada, Norwich e West Ham o placar permaneceu o mesmo, empate em 0-0.

Em 26/09/2012, em jogo válido pela 3ª fase da Copa da Liga Inglesa (EFL Cup), os Canaries – Norwich City – venceu o Doncaster Rovers por 1-0 e mesmo não marcando o gol da vitória, Kane deu o passe para o gol de Alexander Tettey, porém aos 5 minutos da segunda etapa, ele teve de ser substituído, pois fraturou o osso do pé e perdeu quase toda a primeira parte daquele ano. O jovem de 19 anos foi submetido a sua no Tottenham, mas não obstante, em 29/12/2012, ele voltou aos Canaries em partida válida pela 20ª rodada da Premier League, a qual o Norwich perdeu para o Manchester City por 4-3 e voltando a falar sobre Kane, ele entrou no jogo no lugar de Steve Morison no final do primeiro tempo.

A passagem de Harry Kane pelo Norwich foi para se esquecer e em 5 jogos oficiais, ele não marcou gols. Seu empréstimo, que vigoraria pela temporada completa foi interrompido precocemente e no seu retorno ao Tottenham, ele não ficou lá por muito tempo e por conseguinte, os Spurs optaram por emprestá-lo novamente e Kane estava de volta a Championship, mas desta vez para jogar pelo Leicester.

  • Números de Harry Kane na sua 1ª e única Temporada no Norwich City
Pd Gm A CA CV Mj na temporada 2012-13
 6 *2  2  0 290

* Gols válidos pela Premier League Sub-21

Leicester

2012-13

Vinte dias depois de se reapresentar ao Tottenham, Kane foi emprestado ao Leicester pelo restante da temporada 2012-13 para ajudar os Foxes – Leicester – a conseguir o acesso para a Premier League. Em 23 de fevereiro de 2013, Harry Kane fez a sua estreia com a camisa dos Foxes em partida válida pela 34ª rodada da Championship, a qual Leicester e Blackpool não movimentaram o placar, em outras palavras, empate em 0-0. Três dias depois, Kane fez a sua estreia jogando no King Power Stadium – estádio do Leicester – e logo no seu primeiro jogo neste estádio, ele marcou um dos gols na vitória por 3-1 sobre o Blackburn Rovers.

Em 26/04/2013, em jogo válido pela penúltima rodada da Championship, Kane marcou o seu segundo e último tento com a camisa do Leicester, porém mesmo marcando este gol 3 minutos depois de entrar na partida no lugar de Lloyd Dyer, ele não evitou a derrota dos Foxes ante o Watford por 2-1. Ainda convém lembrar que o Leicester voltou a enfrentar o Watford nos playoffs da 2ª divisão e este revés custou caro, pois esta era a chance do clube conseguir o acesso para a Premier League que veio na temporada seguinte. Ao final desta temporada, o centroavante marcou 2 gols em 13 jogos sendo que em 8 destes, ele entrou no decorrer da partida.

  • Números de Harry Kane na sua 1ª e única Temporada no Leicester
Veja Também!  Acompanhe a Narração Online de Fortaleza x Internacional Futebol AO VIVO – Esporte Interativo 2019
Pd Gm A CA CV Mj na temporada 2012-13
 15 *2  0  0 585

* Gols válidos pela Championship

Tottenham

2013-14

Após ser emprestado para Leyton Orient, Millwall, Norwich e Leicester respectivamente, Kane voltou para ficar no Tottenham e nesta temporada, o time encontrava dificuldades para fazer gols, mas apesar disso, os Spurs tinham jogadores como Roberto Soldado e Emmanuel Adebayor, ou seja, Harry era a terceira e última opção do técnico André Villas Boas, porém com a saído do português do comando do Tottenham, Tim Sherwood assumiu a equipe e foi com este treinador que Harry Kane ganhou mais oportunidades na equipe principal, pois na equipe sub-21 do clube ele já estava se destacando.

Em 30 de outubro de 2013, Kane marcou o seu primeiro gol no estádio White Hart Lane no empate em 2-2 com o Hull City em partida válida pelas oitavas-de-finais da Copa da Liga Inglesa e detalhe, além de marcar o gol que levou este jogo para a disputa por pênaltis, ele também converteu a sua cobrança e assim sendo, os Spurs levaram a melhor nas penalidades (8-7) e se classificaram para a fase seguinte da EFL Cup.

Em 7 de abril de 2014, em jogo válido pela 33ª rodada da Premier League, pela primeira vez na sua carreira, Kane marcou o seu primeiro tento na 1ª divisão do futebol inglês na goleada por 5-1 sobre o Sunderland e além de marcar um dos gols dos Spurs nesta partida, ele também proveu uma assistência para um dos gols de Adebayor neste jogo. Ele também marcou gols nos jogos seguintes, no primeiro jogo ele foi um dos responsáveis por evitar a derrota do Tottenham diante do West Bromwich, pois os Baggies estavam vencendo o jogo por 3-0 e os Spurs contaram com o jovem de 21 anos para empatar uma partida que estava praticamente perdida. No segundo jogo, ele marcou um dos gols na vitória por 3-1 sobre o Fulham. Em suma, Harry Kane marcou 4 gols em 19 jogos na equipe principal do Tottenham e apesar disso parecer pouco, foi a partir deste momento que as coisas começaram a melhorar para ele.

  • Números de Harry Kane na sua 3ª Temporada no Tottenham
Pd Gm A CA CV Mj na temporada 2013-14
 27 *12  8  0 1465

* 12 gols dos quais 8 foram pela Premier League Sub-21, 3 pela Premier League e 1 pela Copa da Liga Inglesa

2014-15

A partir da temporada 2014-15, a carreira de Harry Kane mudou para melhor e aquele jogador “gordinho” e “não-atlético” na infância se firmou com a camisa do Tottenham, clube do seu coração e o sonho em ser jogador de futebol, enfim tornou-se realidade. Ainda convém lembrar que após a saída de Tim Sherwood, quem assume o cargo de treinador dos Spurs é o argentino Mauricio Pochettino. Com a chegada deste novo técnico, ele se disponibilizou a analisar as peças que tinha a seu dispor, isso incluía toda a extensão de seu elenco, considerando desde os mais jovens aos mais experientes. Foi diante desse contexto que Kane alavancou a sua carreira.

Em 16 de agosto de 2014, Kane fez a sua estreia nesta temporada em jogo válido pela 1ª rodada do Campeonato Inglês, mas ele não começou esta partida entre os titulares e quando entrou, ele deu o passe para o gol de Eric Dier e assim sendo, os Spurs estrearam com uma vitória por 1-0 sobre o West Ham na Premier League. Cinco dias após este jogo, paralelamente a disputa do Campeonato Inglês, o Tottenham também disputava a fase qualificatória para a Liga Europa e no primeiro confronto contra o AEL Limassol do Chipre fora de casa, os ingleses venceram por 2-1 e Kane marcou o seu primeiro tento nesta temporada e diferentemente da partida anterior, esta ele iniciou entre os titulares.

Em 24/09/2014, em jogo válido pela 3ª fase da Copa da Liga Inglesa, Kane entrou na partida aos 19 minutos da segunda etapa e nos acréscimos ele marcou o gol que decretou o resultado do jogo, vitória dos Spurs sobre o Nottingham Forest por 3-1. Um mês depois, desta vez em partida válida pela Liga Europa, o jovem de 21 anos marcou o seu primeiro hat-trick como profissional na goleada por 5-1 sobre o Asteris Tripolis da Grécia e além disso, nos 3 últimos minutos de jogo, Hugo Lloris, o goleiro dos Spurs foi expulso e Kane foi o escolhido para jogar no gol e nos últimos minutos de jogo e ele foi vazado.

Em 02/11/2014, em jogo válido pela 10ª rodada da Premier League, Kane mais uma vez entrou no decorrer da partida, ele substituiu o atacante togolês Emmanuel Adebayor e no final do jogo, ele marcou o gol da vitória dos Spurs por 2-1 sobre o Aston Villa e assim sendo, aos poucos ele estava começando a “cavar” o seu espaço entre os titulares do Tottenham. Uma semana depois diante do Stoke City em mais uma partida válida pela Premier League, ele jogou a sua primeira partida como titular, porém este foi um jogo para se esquecer, pois os Spurs perderam por 2-1 para os Potters (Stoke City). Mesmo com a derrota, Pochettino manteve Kane entre os titulares e ele não se arrependeu desta decisão e na partida seguinte, o Tottenham derrotou o Hull City fora de casa por 2-1 e o centroavante de 21 anos marcou um dos gols do triunfo dos Spurs.

Entre 14 e 26 de dezembro do mesmo ano, Kane marcou 3 gols em 3 jogos consecutivos, sequência de vitórias do Tottenham por 2-1 sobre o Swansea, 2-1 sobre o Burnley e 2-1 sobre o Leicester respectivamente.

No primeiro dia do ano de 2015, em partida válida pela 20ª rodada da Premier League, Kane marcou 2 gols na vitória por 5-3 sobre o Chelsea e ainda por cima ele deu o passe para o gol do meia belga Nacer Chadli e também sofreu um pênalti que foi convertido por Andros Towsend. Esta foi a primeira vez que ele se destacou em um clássico. Kane marcou o gol de empate assistido por Christian Eriksen contra o Sheffield United em 28/01/2015, um gol que colocou o Tottenham na final da Copa da Liga Inglesa de 2014-15; porém em 01/03/2015, os Spurs foram derrotados por 1-0 pelo Chelsea na final. Suas atuações fizeram com que ele fosse indicado como o melhor jogador do mês da Premier League em janeiro de 2015.

Em 31/01/2015, em jogo válido pela 23ª rodada do Campeonato Inglês, Harry voltou a marcar 2 gols numa única partida, desta vez ele marcou estes 2 tentos na vitória por 3-0 sobre o West Bromwich. Dois dias depois, Kane assinou um novo contrato com o clube londrino no qual ele estendia o seu vínculo com os Spurs por 5 anos e meio. Cinco dias depois de estender o seu contrato com o Tottenham, ele marcou mais um doblete em um clássico e a mais nova “vítima” do Harry Kane foi o Arsenal e convém lembrar que neste jogo, os Spurs venceram os “Gunners” – Arsenal – por 2-1 sendo que os 2 gols da vitória do Tottenham nesta partida foram dele e não parou por aí.

Após marcar gols no Arsenal, ele também marcou gols diante do Liverpool e do West Ham e como consequência, ele foi novamente indicado como o melhor jogador do mês da Premier League, desta vez o jogador do mês de fevereiro de 2015 e com isso, ele se tornou o 4º jogador da história a ganhar este prêmio em meses consecutivos.

Em 21/03/2015, em partida válida pela 30ª rodada, Harry Kane marcou o seu primeiro hat-trick na Premier League na vitória por 4-3 sobre um clube pelo qual ele já jogou por empréstimo, o Leicester. Após este jogo, Kane passou a ser o artilheiro da Premier League 2014-15. Na rodada seguinte do Campeonato Inglês, em 05/04/2015, pela primeira vez na sua carreira, Harry capitaneou o time no empate em 0-0 com o Burnley no estádio Turf Moor.

Em 19/04/2015, em jogo válido pela 33ª rodada da Premier League, Kane marcou o seu 30º gol nesta temporada na vitória por 3-1 sobre o Newcastle em pleno St James’ Park, estádio dos Magpies (Newcastle) e isso fez dele o primeiro jogador do Tottenham a alcançar esta marca desde Gary Lineker na temporada 1991-92. Mais tarde, no mesmo mês de abril, ele foi incluído como um dos dois atacantes da equipe do ano da PFA, ao lado de Diego Costa, do Chelsea e além disso, ele também foi eleito o Jovem Jogador do Ano da PFA, Associação dos futebolistas profissionais da Inglaterra e do País de Gales.

Em 24/05/2015, em partida válida pela última rodada da Premier League 2014-15, Kane marcou um gol de cabeça após o cruzamento de Eric Dier e com isso, o Tottenham venceu o Everton por 1-0 em pleno Goodison Park, estádio dos Toffees (Everton). Ainda convém lembrar que após este triunfo, os Spurs confirmaram a 5ª colocação na tabela e assim sendo, o clube londrino se classificou para a fase de grupos da UEFA Europa League.

O gol que ele marcou diante do Everton na última rodada do Campeonato Inglês foi o seu 21º gol nesta competição e como consequência, ele igualou um recorde de Teddy Sheringham, Jürgen Klinsmann e de Gareth Bale. No final da temporada, Kane afirmou que ele havia feito mais na campanha individual do que ele esperava fazer em toda a sua carreira e também é importante mencionar aqui que o centroavante do Tottenham foi o vice-artilheiro da Premier League 2014-15, ficando atrás apenas do argentino Sergio Agüero do Manchester City.

  • Números de Harry Kane na sua 4ª Temporada no Tottenham
Pd Gm A CA CV Mj na temporada 2014-15
 51 *31  6  4 3680

* 31 gols dos quais 21 foram pela Premier League, 7 pela Europa League e 3 pela Copa da Liga Inglesa

2015-16

Antes do início da temporada, Harry Kane trocou o número da sua camisa de 18 para a 10, usada anteriormente por Emmanuel Adebayor. Em entrevista ao jornal The Daily Telegraph, ele disse que mudou o número da sua camisa para se tornar uma lenda no clube. Com a venda de Adebayor e do atacante espanhol Roberto Soldado, Kane começou a temporada como o único centroavante dos Spurs e também como o 3º capitão do time, pois os 2 primeiros são o goleiro Hugo Lloris e o zagueiro Jan Vertonghen respectivamente.

Depois de passar por uma seca de 748 minutos sem marcar sequer um gol, em 26 de setembro de 2015, em jogo válido pela 7ª rodada da Premier League, ele marcou o seu primeiro gol nesta temporada na goleada por 4-1 sobre o Manchester City. Pouco mais de uma semana depois, Kane voltou a marcar um gol, porém desta vez ele marcou “contra o próprio patrimônio” – fez um gol contra – diante do Swansea, mas para a sorte dele o meia Eriksen empatou o jogo e decretou o resultado da partida, empate em 2-2.

Em 25/10/2015, em partida válida pela 10ª rodada da Premier League, Kane marcou o seu 2º hat-trick no Campeonato Inglês e a “nova vítima” do recente camisa 10 foi o Bournemouth que sofreu uma goleada de 5-1 ante os Spurs em pleno Dean Court, estádio dos Cherries (Bournemouth). Oito dias depois, ele fez o seu 5º gol na temporada na vitória do Tottenham por 2-1 sobre o Aston Villa. Na rodada seguinte, Kane teria pela frente o “North London Derby” – clássico entre Tottenham e Arsenal – e ele não decepcionou e marcou um tento pela 3ª partida consecutiva, porém os Spurs e o Gunners ficaram no empate em 1-1. Na rodada seguinte do Campeonato Inglês e mais um “derby” pela frente e um desempenho ainda melhor de Kane que marcou 2 tentos na goleada por 4-1 sobre o West Ham.

Em 26/11/2015, em jogo válido pela 5ª rodada da fase de grupos da UEFA Europa League, o camisa 10 marcou o gol da vitória sobre o Qarabag do Azerbaijão e com isso, os Spurs se classificaram para a fase de mata-mata deste torneio.

Em 19/12/2015, em partida válida 17ª rodada da Premier League, Kane jogou a sua partida de número 100 com a camisa do Tottenham e ele celebrou esta ocasião especial marcando um dos gols da vitória dos Spurs por 2-0 sobre o Southampton em pleno St. Mary’s Stadium, estádio dos Saints (Southampton). Uma semana depois, em mais um jogo válido pelo Campeonato Inglês, ele fez 2 gols no triunfo por 3-0 sobre um de seus ex-clubes, o Norwich e isso fez que ele chegasse a marca de 27 gols na Premier League no ano de 2015 e como consequência ele quebrou um recorde do clube que pertencia a Teddy Sheringham.

Em 10 de janeiro de 2016, em jogo válido pela 3ª fase da Copa da Inglaterra (FA Cup), o camisa 10 fez o seu gol de número 50 com a camisa dos Spurs no empate em 2-2 com o Leicester.

Entre os dias 5 de março e 2 de abril do mesmo ano, Harry Kane marcou 6 gols em 4 jogos seguidos e em um destes, no North London Derby, ao qual os Gunners e os Spurs ficaram no empate em 2-2 e além disso tudo é importante mencionar que ele atingiu mais 2 feitos na sua carreira, o primeiro é que ao marcar gols em partidas consecutivas, ele foi eleito pela 3ª vez na sua carreira como o melhor jogador do mês da Premier League, neste caso, ele foi indicado como o melhor jogador do mês de março e depois de marcar o seu 22º gol na temporada no empate em 1-1 com o Liverpool no estádio Anfield Road, Kane se tornou o maior artilheiro do clube em uma única temporada da Premier League e isso tudo sem contar o fato de que ainda restavam mais 6 rodadas para o término do campeonato.

Harry Kane terminou a temporada vencendo a disputa da “Chuteira de Ouro” da Premier League, pois ele foi o artilheiro deste campeonato com 25 gols marcados em 38 partidas disputadas e diferentemente do ano passado, desta vez o argentino Sergio Agüero é quem foi o vice-artilheiro com 27 gols e o 3º maior goleador do campeonato com 25 gols foi o seu ex-parceiro de banco do Leicester, Jamie Vardy. Pela segunda vez consecutiva, Kane fazia parte da equipe do ano da PFA e também vale ressaltar que os Spurs terminaram o campeonato na 3ª posição e com isso, o clube londrino estava classificado para a UEFA Champions League 2016-17.

  • Números de Harry Kane na sua 5ª Temporada no Tottenham
Pd Gm A CA CV Mj na temporada 2015-16
 50 *28  2  6 4027

* 28 gols dos quais 25 foram pela Premier League, 2 pela Europa League e 1 pela Copa da Inglaterra

2016-17

Na ausência do goleiro Lloris, Kane foi o capitão do time na 2ª rodada da Premier League 2016-17 em 20 de agosto de 2016 diante do Crystal Palace e apesar de não ter feito gol nesta partida, ele deu o passe para o gol de Victor Wanyama e com isso o Tottenham venceu o jogo pelo placar de 1-0.

Veja Também!  Assista aos lances e Melhores Momentos de Southampton 1 x 2 Liverpool - Premier League

Em 10/09/2016, em partida válida pela 4ª rodada da Premier League, o camisa 10 marcou o seu primeiro gol nesta temporada na goleada por 4-0 sobre o Stoke City. Cinco dias depois, Kane fez a sua estreia na UEFA Champions League, porém esta foi uma estreia para se esquecer, pois os Spurs perderam por 2-1 ante o Mônaco jogando no Wembley. Quatro dias após este revés diante do Mônaco, o Tottenham jogou contra o Suderland em jogo válido pela 5ª rodada do Campeonato Inglês e Kane fez o gol da vitória dos Spurs nesta partida, no entanto, ele teve de deixar o campo mais cedo porque em um lance no qual ele tentou tomar a bola do Papy Djilobodji, ele torceu o tornozelo direito e o tempo de recuperação para esta lesão é de 6 a 8 semanas e como consequência ele perdeu 5 rodadas da Premier League e 3 jogos da fase de grupos da Liga dos Campeões.

Em 06/11/2016, Kane jogou a sua primeira partida depois de se recuperar da lesão e logo no seu retorno aos gramados, ele evitou a derrota dos Spurs diante do Arsenal ao converter um pênalti sofrido por Mousa Dembélé e as duas equipes ficaram no empate em 1-1.

Paralelamente a disputa da Premier League, o Tottenham também disputava a UEFA Champions League e em 22/11/2016, o clube londrino jogou a penúltima rodada da fase de grupos diante do Mônaco no Estádio Louis II e apesar de Kane ter marcado o seu primeiro gol nesta competição, os Spurs perderam por 2-1 e assim sendo, o Tottenham estava eliminado da Liga dos Campeões.

Em 01/12/2016, Harry Kane assinou um novo contrato com os Spurs no qual ele estendia o seu vínculo com o clube londrino até o ano de 2022. Em 28/12/2016, a última rodada do ano de 2016, em partida válida pela 18ª rodada da Premier League, o camisa 10 foi um dos protagonistas de um jogo novamente e ele marcou um dos gols na goleada por 4-1 sobre o Southampton em pleno St. Mary’s Stadium. Ainda convém lembrar que neste mesmo jogo ele podia ter feito 2 ao invés de apenas 1 gol e só não o fez porque o goleiro do time adversário defendeu um pênalti cobrado por Kane.

Em 1 de janeiro de 2017, Kane jogou a sua partida de número 100 na Premier League diante do Watford e ele marcou o primeiro gol no ano novo e ainda marcou mais um nesta partida e assim sendo, o Tottenham goleou os Hornets – Watford – por 4-1 em jogo da última rodada do 1º turno do Campeonato Inglês.

Em 14/01/2017, em jogo válido pela 21ª rodada da Premier League, Harry Kane celebrou o nascimento de sua filha com um hat-trick na goleada por 4-0 sobre o West Bromwich. Cinco dias depois, desta vez em partida válida pela 5ª rodada da Copa da Inglaterra, ele voltou a repetir o feito e marcou os 3 gols da vitória sobre o Fulham e com isso, os Spurs se classificaram para a fase seguinte desta competição. É importante mencionar aqui que este foi o seu segundo hat-trick do ano e o 5º da sua carreira.

Em 26/02/2017, em uma partida da 26ª rodada da Premier League, Kane marcou o seu 3º hat-trick do ano na goleada por 4-0 sobre o Stoke City. O primeiro destes gols foi o seu tento de número 100 na sua carreira e como prêmio, ele foi nomeado Jogador do Mês pela quarta vez em sua carreira no mês de fevereiro de 2017.

Em 12/03/2017, em jogo válido pela 6ª rodada da Copa da Inglaterra diante de um de seus ex-clubes, Millwall, Kane só ficou em campo por 10 minutos, pois ele voltou a machucar o tornozelo e essa lesão fez com que ele perdesse 3 jogos da Premier League, mas logo no seu retorno aos gramados, em 15/04/2017, o camisa 10 voltou em grande estilo: marcou um dos gols na goleada por 4-0 sobre o Bournemouth e também deu o passe para o sul-coreano Son fazer o gol dele neste jogo. Com este gol, Harry Kane atingiu mais uma marca, este foi o seu 20º gol na Premier League nesta temporada e isso fez com que ele se tornasse o quarto jogador na história da Premier League a marcar 20 gols em três temporadas consecutivas, depois de Alan Shearer, Thierry Henry e Ruud van Nistelrooy.

Em 20/04/2017, pela terceira temporada consecutiva, Kane foi incluído nas listas de seis jogadores para o Melhor Jogador do Ano da PFA e Melhor Jogador do Ano da PFA. Dois dias depois, ele marcou um dos gols dos Spurs na derrota por 4-2 na semifinal da Copa da Inglaterra diante do Chelsea no Wembley.

Em 14/05/2017, o Tottenham jogou a penúltima rodada do Campeonato Inglês pela última vez no estádio White Hart Lane, pois o mesmo seria fechado para reformas e para se despedir temporariamente do seu estádio, o clube londrino contou com Kane, que marcou um dos gols do jogo, para vencer o Manchester United por 2-1.

Com dois jogos restantes da temporada, Kane já havia feito 22 gols, dois a menos que Romelu Lukaku, artilheiro da Premier League até aquele momento e para se tornar pela segunda temporada consecutiva o maior goleador deste Campeonato ele fez 2 hat-tricks nestes jogos; pela primeira vez na sua carreira marcou 4 gols em um jogo – na goleada por 6-1 sobre o Leicester; jogo adiado da 34ª rodada – e também marcou 3 gols na goleada por 7-1 sobre o Hull City na última rodada da Premier League e com 7 gols em apenas 2 jogos, ele encerrou esta temporada como o artilheiro do Campeonato Inglês com 29 gols. Não é por acaso que Harry Kane ganhou a alcunha de Hurricane, cuja tradução em português significa “furacão”.

  • Números de Harry Kane na sua 6ª Temporada no Tottenham
Pd Gm A CA CV Mj na temporada 2016-17
 38 *35  7  4 3154

* 35 gols dos quais 29 foram pela Premier League, 4 pela Copa da Inglaterra e 2 pela UEFA Champions League

2017-18

Após passar “em branco” nas 3 primeiras rodadas da Premier League, o camisa 10 desencantou na 4ª rodada em 9 de setembro de 2017 e marcou 2 tentos na vitória dos Spurs por 3-0 sobre o Everton e convém lembrar que um destes gols que ele marcou diante dos Toffees – Everton – foi o seu gol de número 100 como jogador do Tottenham.

Em 26/09/2017, em partida válida pela 2ª rodada da fase de grupos da UEFA Champions League, ele marcou o seu primeiro hat-trick nesta competição na vitória dos Spurs por 3-0 sobre o APOEL Nicosia do Chipre fora de casa. Após marcar 2 dobletes em duas rodadas seguidas – marcou 2 gols na vitória por 3-2 sobre o West Ham e marcou mais 2 tentos na goleada por 4-0 sobre o Huddersfield Town -, pela quinta vez na sua carreira, ele foi premiado como o melhor jogador do mês, neste caso o melhor jogador de Setembro.

Em 23/12/2017, em partida válida pela 19ª rodada da Premier League, “Hurricane” marcou o seu segundo hat-trick nesta temporada na vitória por 3-0 sobre o Burnley em pleno Turf Moor. Com mais 3 gols na conta, Kane superou um recorde que pertencia a Shearer. Na rodada seguinte da Premier League ele voltou a marcar 3 tentos numa única partida na goleada por 5-2 sobre o Southampton. Harry Kane terminou o ano de 2017 com 39 gols na Premier League e além disso, após anotar o seu 8º hat-trick da carreira, fez com que ele se tornasse o primeiro jogador na história da Premier League a marcar seis hat-tricks em um ano.

Com um total de 56 gols marcados em todas as competições do ano – contando-se tanto os gols pelo Tottenham quanto pela seleção inglesa -, ele também se tornou o maior artilheiro da Europa em 2017, quebrando o domínio de sete anos de Lionel Messi e Cristiano Ronaldo como o melhor marcador da Europa em um ano.

Em 13 de janeiro de 2018, em jogo válido pela 23ª rodada da Premier League, o camisa 10 marcou 2 gols na goleada por 4-0 sobre o Everton e com isso, ele passou a ser o maior artilheiro do Tottenham na era da Premier League e assim sendo, ele quebrou um recorde que pertencia a Teddy Sheringham, jogador que marcou 97 gols pelos Spurs na Premier League.

Em 04/02/2018, os Spurs enfrentaram o Liverpool na 26ª rodada do Campeonato Inglês e ao marcar um dos tentos no empate em 2-2 com os Reds – Liverpool -, Kane chegou a mais uma marca, ele fez o seu gol de número 100 pelo Tottenham na Premier League. Vale ressaltar que ele precisou de 141 jogos para chegar a esse número, derrotado apenas por  Alan Shearer que conseguiu chegar a esta marca em 124 jogos. Como já havia virado rotina, pelo quarto ano seguido, Harry Kane estava entre os selecionados para a para a Equipe PFA do Ano, juntamente com Mohamed Salah e Sergio Agüero.

Em 13/05/2018, em jogo válido pela última rodada da Premier League 2017-18, Kane marcou 2 tentos na vitória dos Spurs por 5-4 sobre o Leicester. Com este resultado, pela terceira temporada consecutiva, o Tottenham irá disputar a UEFA Champions League, porém desta vez Harry Kane não foi o artilheiro da Premier League e sim o vice-artilheiro, pois desta vez o maior goleador do campeonato foi o egípcio Mohamed Salah que marcou 32 gols e o centroavante inglês marcou 30 gols.

  • Números de Harry Kane na sua 7ª Temporada no Tottenham
Pd Gm A CA CV Mj na temporada 2017-18
 48 *41  5  5 3953

* 41 gols dos quais 30 foram pela Premier League, 7 pela UEFA Champions League e 4 pela Copa da Inglaterra

2018-19

Kane começou esta temporada sem marcar gols na estreia da Premier League contra o Newcastle, mas na rodada seguinte contra o Fulham – em 18/08/2018 – ele marcou um dos gols do triunfo dos Spurs por 3-1 e com isso, ele acabou com a “maldição” de não marcar gols no mês de agosto no Campeonato Inglês.

Em 27/08/2018, em jogo da 3ª rodada da Premier League, o camisa 10 dos Spurs marcou um tento pela primeira vez no Old Trafford – estádio do Manchester United – e assim sendo, o clube londrino venceu os Red Devils por 3-0. Vale ressaltar que esta foi a 3ª vez desde 1992 que o Tottenham vence o Manchester United fora de casa, bem como a maior vitória fora de casa contra o clube em 46 anos.

Em 29/09/2018, em partida válida pela 7ª rodada do Campeonato Inglês, Kane marcou o seu primeiro doblete nesta temporada na vitória por 2-0 sobre o Huddersfield Town em pleno John Smith’s Stadium, estádio da equipe adversária.

Em 06/11/2018, em confronto contra o PSV Eindhoven da Holanda válido pela 4ª rodada da fase de grupos da UEFA Champions League, o clube inglês levou um gol logo no início da partida no Wembley, mas no segundo tempo, Harry Kane comandou a virada dos Spurs e marcou os 2 gols da vitória por 2-1 sobre os holandeses.

Em 24/11/2018, em jogo da 13ª rodada da Premier League, o camisa 10 dos Spurs fez o segundo gol da sua equipe na vitória por 3-1 sobre o Chelsea. Nas duas rodadas seguintes da Premier League, Kane marcou 2 tentos; 1 na derrota por 4-2 para o Arsenal e marcou outro tento no triunfo por 3-1 sobre o Southampton.

Em 23/12/2018, em partida válida pela 18ª rodada do Campeonato Inglês, Harry Kane marcou o seu terceiro doblete da temporada na goleada por 6-2 sobre o Everton em pleno Goodison Park. Nas duas rodadas seguintes do campeonato, o centroavante de 1,88 metros de altura fez 2 gols; 1 na goleada por 5-0 sobre o Bournemouth e o tento dos Spurs na derrota por 3-1 diante do Wolverhampton.

Em 1 de janeiro de 2019, em jogo da 21ª rodada da Premier League, o camisa 10 dos Spurs marcou o primeiro gol da vitória por 3-1 sobre o Cardiff e além do tento marcado na partida, também contribuiu com uma assistência para o gol de Heung-min Son. Além disso, com o gol marcado nessa partida, Harry Kane tornou-se o primeiro jogador a fazer gols contra todas as equipes da Premier League que ele enfrentou.

Em 08/01/2019, no primeiro confronto válido pela semifinal da Copa da Liga Inglesa contra o Chelsea, Harry Kane marcou o único gol do triunfo dos Spurs sobre os Blues. Posteriormente, o Chelsea é que venceu o Tottenham por 1-0 no segundo confronto e se classificou para a final desse torneio vencendo os Spurs nos pênaltis.

Em 13/01/2019, em jogo da 22ª rodada da Premier League contra o Manchester United, Kane lesionou os ligamentos do joelho no final do jogo perdendo alguns jogos cruciais, incluindo o jogo de ida das oitavas-de-finais da UEFA Champions League contra o Borussia Dortmund. Quanto ao resultado desta partida, derrota por 1-0 para os Red Devils.

Em 23/02/2019, em partida válida pela 27ª rodada do Campeonato Inglês, já recuperado da lesão que sofreu diante do Manchester United na 22ª rodada do campeonato, Kane voltou aos gramados e além de atuar os 90 minutos da derrota por 2-1 diante do Burnley, marcou o único gol da sua equipe.

Em 02/03/2019, em jogo da 29ª rodada da Premier League, o camisa 10 dos Spurs marcou de pênalti o gol que evitou a derrota do seu time no “North London Derby”; em outras palavras, Arsenal e Tottenham empataram em 1-1 no estádio do Wembley. Três dias depois, mas desta vez no segundo confronto válido pelas oitavas-de-finais da UEFA Champions League contra o Borussia Dortmund da Alemanha, Kane marcou o único gol da vitória dos Spurs em pleno Signal Iduna Park, em Dortmund. Com este resultado, o Tottenham se classificou para as quartas-de-finais da UEFA Champions League 2018-19. Ainda convém lembrar que além do gol marcado nessa última partida, o atual camisa 10 do Tottenham se tornou o maior artilheiro do clube em competições europeias com 24 gols marcados até aqui.

Em 09/03/2019, em jogo da 30ª rodada da Premier League, Harry Kane marcou o seu último tento na temporada na derrota por 2-1 para o Southampton no St. Mary’s Stadium (estádio do Southampton).

Em 09/04/2019, no primeiro confronto das quartas-de-finais da Liga dos Campeões contra o Manchester City, ao qual os Spurs venceram por 1-0, Kane teve de ser substituído aos 13 minutos da segunda etapa por Lucas Moura devido a uma lesão que ele sofreu. Vale ressaltar que esta lesão fez Harry Kane perder o restante da temporada, mas ainda assim o camisa 10 dos Spurs conseguiu se recuperar a tempo de jogar a final da UEFA Champions League em 01/06/2019 contra o Liverpool, a qual os Reds venceram por 2-0.

Em suma, na sua 8ª temporada com a camisa dos Spurs, Harry Kane disputou 40 partidas, fez 24 gols – 17 destes pela Premier League e com isso, Kane foi o 6º maior goleador do campeonato – e proveu 6 assistências. Quanto ao Tottenham, além de ter sido o vice-campeão da UEFA Champions League 2018-19, terminou o Campeonato Inglês em 4º lugar, chegou até a semifinal da Copa da Liga Inglesa e foi eliminado antes das oitavas-de-finais da Copa da Inglaterra.

  • Números de Harry Kane na sua 8ª Temporada no Tottenham
Veja Também!  Assista aos lances e Melhores Momentos de Arsenal 2 x 1 Burnley - Premier League 2019/20
Pd Gm A CA CV Mj na temporada 2018-19
 40 *24 6 6 3342

* 24 gols dos quais 17 foram pela Premier League, 5 pela UEFA Champions League, 1 pela Copa da Inglaterra e 1 pela Copa da Liga Inglesa

  • O vídeo abaixo mostra 100 dos 125 gols que Harry Kane marcou na Premier League com a camisa do Tottenham
  • Este vídeo foi publicado no YouTube em 8 de fevereiro de 2018 por Tottenham Hotspur

 

Os Números de Harry Kane na Seleção da Inglaterra

 

Inglaterra

Seleções de Base

Em janeiro de 2010, Kane foi convocado para defender a seleção sub-17 da Inglaterra para a disputa do torneio de Algarve, realizado em Portugal, porém ele não pôde disputar este torneio, pois estava com problemas de saúde e mesmo com a sua ausência, os ingleses foram os campeões. Não demorou muito e Harry Kane subiu para a seleção sub-19 e logo na sua estreia em 8 de outubro de 2010, ele marcou 2 tentos na goleada por 6-1 sobre a Albânia. Harry Kane voltou a se destacar com a seleção inglesa ao ajudar o time sub-19 a se classificar para as semifinais do Campeonato Europeu Sub-19 de 2012 ao marcar um dos gols da vitória por 2-1 sobre a França. No entanto, nas semifinais, os ingleses perderam para a Grécia por 2-1 na prorrogação e com isso estavam eliminados desta competição.

Em suma, Kane jogou 14 vezes pela seleção da Inglaterra Sub-19 e contribuiu com 6 gols durante esse período.

Em 28 de maio de 2013, a joia do Tottenham foi um dos 21 jogadores convocados pelo técnico Peter Taylor para a disputa da Copa do Mundo FIFA Sub-20 de 2013. Em 23/06/2013, a Inglaterra fez a sua estreia no Mundial Sub-20 diante do Iraque e Kane foi um dos destaques desta partida, pois ele cruzou a bola na cabeça de Conor Coady para ele abrir o placar no final da primeira etapa e no início do segundo tempo ele deu o passe para o gol de Luke Williams, porém os ingleses não administraram essa vantagem e os iraquianos chegaram ao empate e assim sendo, a Inglaterra e o Iraque ficaram no empate em 2-2.

Em 26/06/2013, em jogo válido pela 2ª rodada da fase de grupos da Copa do Mundo Sub-20, Harry evitou a derrota da seleção inglesa diante do Chile ao empatar o jogo aos 19 minutos da segunda etapa e assim sendo, a Inglaterra e o Chile ficaram no empate em 1-1. No entanto, 3 dias depois, os ingleses perderam para o Egito por 2-0 e acabaram sendo eliminados da Copa do Mundo FIFA Sub-20 de 2013.

Em 13/08/2013, Kane fez a sua estreia pela Seleção Sub-21 em um amistoso diante da Escócia, ao qual a Inglaterra venceu os escoceses por 6-0 e ele entrou nesta partida aos 13 minutos da segunda etapa no lugar de Conor Wickham.

Em 10/10/2013, em partida válida pela fase qualificatória para o Campeonato Europeu Sub-21 de 2015, Kane fez um hat-trick na goleada por 4-0 sobre o San Marino e daí em diante, ele passou a marcar mais gols pela seleção sub-21 e com uma grande campanha na fase qualificatória, os ingleses conseguiram se classificar para o Campeonato Europeu. Roy Hodgson, treinador da seleção sub-21 o convocou para a disputa deste campeonato, porém concomitantemente com o seu sucesso na seleção sub-21, Kane também começava a se destacar no Tottenham e por esta razão Mauricio Pochettino, treinador dos Spurs, não estava querendo que ele disputasse esse campeonato, mas mesmo assim ele jogou e os ingleses acabaram eliminados na fase de grupos.

Seleção Principal

Antes de jogar pela seleção da Inglaterra, Kane poderia ter seguido outro rumo, pois o pai de Harry Kane, Patrick Kane, nasceu em Galway, na Irlanda e por este motivo se ele quisesse, ele poderia jogar pela seleção irlandesa, mas em agosto de 2014 ele descartou esta hipótese e disse que um de seus sonhos era jogar pela seleção inglesa.

Indubitavelmente, a temporada 2014-15 no Tottenham até aquele instante foi a melhor fase da carreira de Harry Kane, pois ele foi o 3ª maior goleador da Premier League 2014-15 e também vale ressaltar que ele se destacou na seleção sub-21 da Inglaterra com 8 gols em 14 partidas e por esta razão em 19 de março de 2015, o treinador Roy Hodgson, ex-treinador da seleção sub-21 da Inglaterra e agora treinador da seleção principal, o convocou para um jogo das Eliminatórias da Euro 2016 diante da Lituânia.

Em 27/03/2015, em partida válida pelas Eliminatórias da Eurocopa 2016, Kane fez a sua estreia pela seleção principal e ao entrar no lugar de Wayne Rooney, até aquele instante os ingleses venciam por 3-0 e ele mau entro e no minuto seguinte ele marcou o gol que selou o resultado do jogo, vitória dos ingleses por 4-0. Quatro dias depois, ele jogou os 90 minutos diante da Itália, amistoso, mas desta vez ele não marcou gol e os ingleses e os italianos ficaram no empate em 1-1.

Em 05/09/2015, em mais um jogo pelas Eliminatórias da Euro 2016, Kane entrou na partida aos 13 minutos da segunda etapa e marcou o 5º gol na goleada por 6-0 sobre o San Marino. Três dias depois, vindo do banco novamente em mais uma partida válida pelas Eliminatórias da Eurocopa, ele entrou no lugar do volante Jonjo Shelvey aos 12 minutos do segundo tempo e 10 minutos depois ele abriu o placar para a vitória dos ingleses por 2-0 sobre a Suíça.

Em 12/10/2015, em partida válida pela última rodada das Eliminatórias da Euro 2016, Kane não marcou gols, mas deu o passe para Ross Barkley abrir o placar na vitória dos ingleses por 3-0 sobre a Lituânia.

Euro 2016

Em 22 de maio de 2016, Kane abriu o placar na vitória por 2-1 sobre a Turquia no Etihad Stadium, em Manchester, mas depois ele errou uma cobrança de pênalti. Harry Kane foi o primeiro jogador da Inglaterra a não converter um pênalti durante um jogo desde Frank Lampard em 2010, e o primeiro a errar o alvo desde Peter Crouch em 2006.

A Inglaterra caiu no grupo B na Euro 2016, juntamente com as seleções da Eslováquia, País de Gales e da Rússia e a estreia dos ingleses ocorreu em 11/06/2016 diante da Rússia e Kane jogou esta partida entre os titulares, porém não marcou gol e também não deu o passe para gol no empate em 1-1 na estreia. No jogo seguinte da fase de grupos, ele começou entre os titulares novamente, mas depois de um primeiro tempo ruim dos ingleses após Gareth Bale abrir o placar para os galeses, Hodgson colocou Jamie Vardy no lugar do camisa 10 do Tottenham e esta substituição surtiu efeito, pois o seu substituto marcou o gol de empate e no final da partida, Daniel Sturridge decretou o resultado da partida, vitória da Inglaterra por 2-1.

Em 20/06/2016, em jogo válido pela última rodada da fase de grupos da Euro 2016, diferentemente dos 2 jogos anteriores, desta vez Kane começou no banco e mesmo entrando na partida aos 31 minutos da segunda etapa, ele não marcou gols e com isso, a Inglaterra e a Eslováquia ficaram no empate em 0-0.

Em 27/06/2016, a fase de mata-mata da Euro 2016, realizada na França, começou e para se classificar para as quartas-de-finais, os ingleses tinham de passar pela seleção da Islândia e mesmo a Inglaterra sendo a favorita, a seleção inglesa abriu vantagem nos primeiros 5 minutos de jogo com Rooney convertendo uma cobrança de pênalti, no entanto os islandeses foram para cima, empataram um minuto depois e ainda no primeiro tempo viraram o jogo e por fim venceram por 2-1.

Essa eliminação custou caro para o técnico Roy Hodgson que foi duramente criticado e não foi só por esta eliminação, é importante mencionar também que ele designou Kane para cobrar os escanteios da seleção inglesa – um jogador com 1,88 metros de altura -, mas para o treinador, Kane era o jogador perfeito para este papel. Obviamente, Hodgson foi demitido do cargo de treinador da Seleção da Inglaterra.

  • Desempenho de Harry Kane na Euro 2016
Pd Gm A CA CV Mj na Euro 2016
 4  0  0 239

Copa do Mundo FIFA de 2018

Sob nova direção – Gareth Southgate passou a ser o novo treinador da seleção inglesa -, em 10 de junho de 2017, pela primeira vez na sua carreira, Kane foi o escolhido para ser o capitão da seleção inglesa em jogo válido pelas Eliminatórias para a Copa do Mundo FIFA de 2018 diante da seleção da Escócia no estádio Hampden Park, em Glasgow, na Escócia e na sua estreia como capitão, ele salvou o time de uma derrota no último minuto do jogo ao marcar o gol do empate em 2-2 com os escoceses. Em 05/10/2017, na penúltima rodada das Eliminatórias, ele marcou o gol da vitória sobre a Eslovênia e esse não foi apenas um gol e sim o gol da classificação da Inglaterra para a Copa do Mundo FIFA de 2018 na Rússia.

Como já era de se esperar, em 16 de maio de 2018, Gareth Southgate divulgou a lista dos 23 jogadores que iriam disputar a Copa do Mundo FIFA de 2018 e obviamente o nome de Harry Kane estava presente nesta lista e além disso, Southgate também o elegeu como o capitão do time.

Em 18/06/2018, a seleção inglesa fez a sua estreia na Copa do Mundo com uma vitória por 2-1 sobre a Tunísia e o autor dos 2 gols foi ele mesmo, Harry Kane. No jogo seguinte, pela primeira vez na sua carreira, o camisa 9 da Inglaterra marcou o seu primeiro hat-trick jogando pela seleção inglesa na goleada por 6-1 sobre o Panamá e com estes 3 gols marcados diante dos panamenhos, Kane se tornou o o terceiro jogador da Inglaterra a marcar três gols em uma partida da Copa do Mundo, depois de Geoff Hurst contra a Alemanha Ocidental na final da Copa de 1966 e Gary Lineker contra a Polônia na Copa de 1986. Na última partida da rodada da fase de grupos da Copa do Mundo, Gareth Southgate optou por poupar os principais jogadores, pois a Inglaterra já estava classificada para as oitavas de final e assim sendo, os ingleses perderam por 1-0 para a Bélgica.

Em 03/07/2018, em partida válida pelas oitavas-de-finais da Copa do Mundo FIFA de 2018, Kane marcou o seu 6º e último gol nesta Copa no empate em 1-1 com a Colômbia e como consequência, a vaga para as quartas-de-finais teve de ser decidida nos pênaltis e o camisa 9 converteu a sua cobrança e os ingleses derrotaram os colombianos por 4-3 na disputa por pênaltis e com isso, o “English Team” – a Inglaterra – estava classificada para as quartas de final.

Nos 3 jogos seguintes – na vitória por 2-0 sobre a Suécia nas quartas, na derrota por 2-1 ante a Croácia na semifinal e na derrota por 2-0 diante da Bélgica na disputa do 3º lugar -, Kane não marcou gols, mas mesmo assim os seus 6 gols lhe renderam a “Chuteira de Ouro” da Copa por ter sido o artilheiro da competição e convém lembrar que esta foi a primeira vez depois de 20 anos que a Inglaterra termina uma Copa do Mundo entre os 4 primeiros colocados.

  • Desempenho de Harry Kane na Copa do Mundo FIFA de 2018
Pd Gm A CA CV Mj nesta Copa
 6 6  0  0 573

 

Liga das Nações da UEFA  A

Após a disputa da Copa do Mundo FIFA de 2018, a seleção da Inglaterra tinha outro grande desafio pela frente, a Liga das Nações da UEFA e assim sendo, em partida válida pela 3ª rodada da fase de grupos desse torneio em 15/10/2018, Kane foi um dos destaques da vitória por 3-2 sobre a Espanha ao prover assistências para 1 dos 2 gols de Raheem Sterling e para o gol de Marcus Rashford. Na rodada seguinte – a última – da fase de grupos da Liga das Nações da UEFA contra a Croácia, o camisa 9 – Harry Kane – do “English Team” fez um dos gols do triunfo por 2-1 sobre a seleção croata e além do tento marcado nessa partida, contribuiu com uma assistência para o gol de Jesse Lingard. Com este resultado, a seleção inglesa se classificou para a fase de mata-mata desta competição.

Posteriormente, a Inglaterra perdeu para a Holanda por 3-1 na prorrogação nas semifinais e com isso, teve de disputar o 3º lugar com a Suíça e após um empate em 0-0 no tempo regulamentar e também no tempo extra, as duas seleções decidiram quem seria o 3º lugar nas penalidades e o “English Team” levou a melhor e venceu por 6-5.

  • Desempenho de Harry Kane na Liga das Nações da UEFA
Pd Gm A CA CV Mj na Liga das Nações da UEFA
 6 1  3  1 509

Eliminatórias da Euro 2020

Paralelamente a disputa da Liga das Nações da UEFA, a seleção inglesa dava início a classificação para a Euro 2020 aplicando uma goleada por 5-0 sobre a República Checa. O camisa 9 da Inglaterra marcou um dos 5 gols da seleção inglesa nessa partida. Na rodada seguinte das Eliminatórias da Eurocopa de 2020, marcou um dos gols da goleada por 5-1 sobre a seleção de Montenegro.

  • O vídeo abaixo mostra 19 dos 22 gols de Harry Kane com a camisa da seleção inglesa
  • Este vídeo foi publicado no YouTube em 11 de agosto de 2018 por NPH Football

Total

Pd Gm A CA CV Mj
39 22 6 1 2989

Prêmios individuais

  • Jovem do Ano PFA da Premier League: 2014–15
  • Equipe do Ano PFA da Premier League: 2014–15, 2015–16, 2016–17, 2017–18
  • 33º melhor jogador do ano de 2016 (The Guardian)
  • 44º melhor jogador do ano de 2016 (Marca)
  • Jogador do mês da Premier League: Janeiro de 2015, Fevereiro de 2015, Março de 2016, Fevereiro de 2017, Setembro de 2017, Dezembro 2017.
  • Melhor jogador da partida da Copa do Mundo de 2018: Tunísia 1–2 Inglaterra, Inglaterra 6–1 Panamá, Colômbia 1–1 Inglaterra (Oitavas de final).
  • Chuteira de Ouro da Copa do Mundo FIFA de 2018 – 6 gols

Artilharias

  • Premier League de 2015–16 (25 gols)
  • Premier League de 2016–17 (29 gols)
  • Maior artilheiro do ano de 2017 (56 gols)
  • Copa do Mundo FIFA de 2018 (6 gols)

Recordes

  • Maior goleador em um ano civil na Premier League: 2017 (39 gols)

Considerações Finais

Um dos ex-treinadores – David Pleat – de Harry Kane no Tottenham o descreveu como um “centroavante raiz” e um dos outros ex-treinadores – Clive Allen – de Kane disse “ele tem paixão por futebol, ele adora futebol, ele adora jogar e fazer gols. O seu ex-técnico do sub-21 dos Spurs, Les Ferdinand, disse que Kane conseguia se movimentar do mesmo modo que Teddy Sheringham e o seu poder de precisão nos chutes era similar ao de Alan Shearer e com tudo o que foi apresentado aqui pode-se concluir que além de ser letal dentro da área, ele também é muito bom no jogo aéreo e um dos principais responsáveis para ele estar rendendo o que está é o treinador Mauricio Pochettino, com a vinda dele ao Tottenham, Kane evoluiu e ele ganhou o respeito dos treinadores com a sua técnica e desejo de auto-aperfeiçoamento.

 
Siga o Futebol Stats também no Google Notícias, CLIQUE AQUI e em seguida aperte em "Seguir"   
 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Por favor, digite seu nome aqui