Quando cita-se um dos melhores atacantes brasileiros da atualidade, o nome de Gabriel Barbosa que atualmente joga pelo Flamengo e que está no radar de Tite – técnico da Seleção Brasileira -, deve ser levado em conta.

Gabriel Barbosa Almeida nasceu em 30/08/1996 em São Bernardo do Campo, cidade que se localiza na região metropolitana de São Paulo. Gabigol, apelido pelo qual é conhecido, foi artilheiro das duas últimas edições do Campeonato Brasileira e já teve passagem por 2 clubes europeus. Porém, o que mais se sabe sobre Gabigol? Por quais clubes jogou? Quais feitos atingiu ao longo de sua carreira?

Juvenil

Antes de jogar futebol, Gabriel costumava jogar futsal pelo São Paulo e durante um amistoso contra o Santos, ao qual marcou “todos os gols” da vitória do seu time por 6-1, foi descoberto por Zito, ex-jogador do Santos entre os anos de 1955 e 1967 e que também atuou pela Seleção Brasileira.

Depois disso, chegou as categorias de base do Santos quando tinha apenas 8 anos de idade e pouco a pouco, foi queimando etapas até estrear como profissional no ano de 2013.

 

A Carreira de Gabriel Barbosa em Números

 

Santos

santos-logo

Categorias de Base

Como foi dito anteriormente, Gabriel chegou às categorias de base do Santos quando tinha apenas 8 anos de idade e virou grande promessa das categorias de base do clube, sendo muito conhecido desde pequeno como joia, marcou mais de 600 gols nas divisões de base e desde os 14 anos, acumulou convocações às seleções de base do Brasil e vendo o potencial do garoto, o Santos elevou a multa dele à 50 milhões de euros (cerca de

2013

Gabriel foi promovido para a equipe principal do Santos em 2013 com apenas 16 anos de idade. Apesar de treinar com o time principal do clube desde o início deste ano, somente em 26 de maio deste ano, na estreia do alvinegro praiano – Santos – nessa edição do Brasileirão (Campeonato Brasileiro), Muricy Ramalho promoveu a estreia da joia quando o colocou no lugar de Henrique Dourado aos 24 minutos do primeiro tempo, mas mesmo com esta e mais duas alterações, o Santos só empatou em 0-0 com o Flamengo na Vila Belmiro (estádio do Santos). Vale ressaltar que esta foi a última partida de Neymar pelo clube, pois o jogador já havia acertado a sua transferência para o Barcelona da Espanha.

Em 29/05/2013, em jogo da 2ª rodada do Brasileirão, Gabriel jogou os últimos 24 minutos do revés por 2-1 ante o Botafogo fora de casa. Dois dias após essa derrota, o Santos anunciou a demissão de Muricy Ramalho e com a saída deste técnico, Claudinei Oliveira, até então técnico das categorias de base do alvinegro praiano, assume o comando do time principal.

Em 21/08/2013, primeiro confronto das oitavas de final da Copa do Brasil contra o Grêmio, Gabriel entrou em campo aos 23 minutos da segunda etapa no lugar de Neílton e 14 minutos depois, fez o único gol da vitória do Santos nessa partida que ocorreu na Vila Belmiro. Três dias depois, em jogo válido pela 16ª rodada do Brasileirão, Gabigol – apelido pelo qual é conhecido desde as categorias de base – atuou como titular pela primeira vez pelo clube e na sua estreia entre os titulares, marcou seu 2º e último tento nessa temporada no triunfo por 2-0 sobre o Vitória na Vila Belmiro. Posteriormente, o Santos perdeu o segundo confronto para o Grêmio por 2-0 na Copa do Brasil e sendo assim, deu adeus às chances de conquistar o título desse torneio.

Em suma, na sua 1ª temporada como profissional, Gabriel Barbosa disputou 15 partidas, fez 2 gols e proveu duas assistências. Quanto ao Santos, foi vice-campeão do Campeonato Paulista, terminou em 7º lugar no Brasileirão e chegou às oitavas de final da Copa do Brasil.

  • Números de Gabriel Barbosa na sua 1ª Temporada no Santos
Pd Gm A CA CV Mj no ano de 2013
 15 *2  2  2 512

Pd – Partidas disputadas; Gm – Gols marcados; A – Assistências; CA – Cartões amarelos; CV – Cartões vermelhos e Mj – Minutos jogados

* 2 gols dos quais 1 foi pelo Brasileirão e o outro pela Copa do Brasil

2014

Logo no início do ano de 2014, o Santos demitiu Claudinei Oliveira e anunciou que Oswaldo de Oliveira seria o treinador do clube nesse ano.

No primeiro jogo do time nessa temporada em 18 de janeiro de 2014 – estreia do time nessa edição do Paulistão -, Gabriel atuou como titular e marcou o único gol da vitória sobre o XV de Piracicaba na Vila Belmiro.

Em 29/01/2014, em jogo da 4ª rodada do Estadual, Gabigol marcou seu 2º tento nessa temporada na goleada por 5-1 sobre o Corinthians. Na rodada seguinte do Estadual, em 01/02/2014, Gabriel marcou seu primeiro doblete – ocorre quando um jogador faz 2 gols numa mesma partida – da carreira na goleada por 5-1 sobre o Botafogo de Ribeirão Preto. Nesse jogo contra o Botafogo, Gabriel  entrou para a história do Santos marcando o gol número 12 mil da história do clube.

Posteriormente, Gabigol perdeu a titularidade com a chegada do atacante Leandro Damião, a contratação mais cara envolvendo clubes brasileiros e a segunda mais cara do futebol brasileiro. Em 27/02/2014, em partida válida pela 10ª rodada do Campeonato Paulista, Gabriel recebeu uma oportunidade de atuar entre os titulares e marcou o 2º gol da goleada por 5-0 sobre o Bragantino na Vila Belmiro. Vale ressaltar que Gabigol foi um dos destaques do time durante a disputa do Paulistão e ajudou o time a chegar à final do campeonato, quando foi vencido pelo Ituano na disputa por pênaltis.

Em 16/04/2014, em confronto válido pela 1ª fase da Copa do Brasil, Gabigol atuou como titular e marcou seu 2º doblete nessa temporada na vitória por 3-0 sobre o Mixto-MT. Quatro dias depois, na estreia do Santos nessa edição do Brasileirão, o camisa 7 do clube – Gabriel Barbosa – marcou o único tento do time no empate em 1-1 com o Sport na Vila Belmiro.

Após uma sequência de maus resultados, em 02/09/2014 o Santos anunciou a demissão de Oswaldo de Oliveira e com a saída dele, Enderson Moreira assume o comando do alvinegro praiano.

Em 19/10/2014, em jogo da 29ª rodada do Brasileirão, Gabigol foi um dos destaques do “Clássico da Saudade” – nome dado ao clássico entre Palmeiras e Santos – e marcou seu 3º e último doblete nessa temporada no triunfo santista por 3-1 no estádio do Pacaembu.

Em 02/11/2014, em partida válida pela 32ª rodada do Campeonato Brasileiro, o camisa 7 do Santos marcou seu 20º tento nessa temporada no revés por 3-2 ante o Internacional fora de casa. Três dias depois, no segundo confronto da semifinal da Copa do Brasil contra o Cruzeiro, Gabigol marcou seu último tento nessa temporada no empate em 3-3 com a equipe mineira. Como o Cruzeiro havia vencido o primeiro jogo por 1-0 na Vila Belmiro, ficou com a vaga para a final dessa edição da Copa do Brasil. Com esse gol marcado, Gabriel Barbosa foi o artilheiro da Copa do Brasil 2014 ao lado de Bill do Ceará e de Léo Gamalho do Santa Cruz, cada um dos 3 marcou 6 gols.

Em suma, na sua 2ª temporada com a camisa do clube da Baixada Santista, Gabriel Barbosa disputou 56 partidas, fez 21 gols e proveu 10 assistências. Quanto ao Santos, além de ter sido vice-campeão do Campeonato Paulista e de ter chegado à semifinal da Copa do Brasil, o clube terminou em 9º lugar no Brasileirão 2014.

  • Números de Gabriel Barbosa na sua 2ª Temporada no Santos
Pd Gm A CA CV Mj no ano de 2014
 56 *21  10  7 3846

* 21 gols dos quais 8 foram pelo Brasileirão, 7 pelo Campeonato Paulista e 6 pela Copa do Brasil

2015

Gabriel Barbosa teve pouco espaço no time titular do Santos no início dessa ano e somente após a demissão de Enderson Moreira em 5 de março, é que Gabigol passou a ter mais espaço entre os titulares, desta vez sob o comando de Marcelo Fernandes.

Em 14/03/2015, em jogo do Campeonato Paulista, o novo camisa 10 do “Peixe” – Santos – marcou seu primeiro tento nessa temporada na goleada por 4-1 sobre o Marília no Bento de Abreu (estádio do Marília).

Em 26/03/2015, em mais uma partida válida pelo Paulistão, Gabigol atuou como titular e fez o único tento do time no revés por 3-1 ante a Ponte Preta. Na rodada seguinte do Estadual, em 29/03/2015, Gabriel marcou o segundo gol do Santos no empate em 2-2 com o São Bento na Vila Belmiro. Posteriormente, Gabigol viu do banco o Santos vencer o Palmeiras nos pênaltis na final do Paulistão em 03/05/2015.

Após o gol marcado contra o São Bento em 29 de março, Gabigol passou por um jejum de gols, ao qual pôs um fim em 10/06/2015 em jogo da 7ª rodada do Brasileirão, quando o Santos empatou em 2-2 com o Atlético-MG na Arena Independência.

Após o revés por 4-1 ante o Goiás na 12ª rodada do Campeonato Brasileiro – em 08/07/2015 -, Marcelo Fernandes foi rebaixado novamente para o cargo de treinador auxiliar e com isso, Dorival Júnior assume o comando do time.

Na estreia do novo técnico em 11/07/2015, confronto válido pela 13ª rodada do Brasileirão, Gabigol atuou como titular e fez o gol que selou o resultado do jogo; vitória do Santos por 3-0 sobre o Figueirense na Vila Belmiro. Além do gol marcado, o camisa 10 do Peixe também contribuiu com assistência para o gol de David Braz.

Em 22/07/2015, no segundo confronto da 3ª fase da Copa do Brasil, Gabriel marcou seu primeiro doblete nessa temporada na vitória por 3-1 sobre o Sport. Com uma vantagem de 4-3 no placar agregado – o Santos perdeu o primeiro confronto por 2-1 -, o Peixe seguiu adiante nesse torneio. Quatro dias depois, em jogo da 15ª rodada do Brasileirão, Gabigol repetiu o desempenho da partida anterior e marcou outro doblete e com isso, o Santos venceu o Joinville por 2-0.

Em 19/08/2015, no primeiro confronto das oitavas de final da Copa do Brasil, o camisa 10 do alvinegro praiano marcou seu 10º tento nessa temporada no triunfo por 2-0 sobre o Corinthians na Vila Belmiro. No segundo confronto entre as duas equipes em 26/08/2015, Gabigol marcou novamente em nova vitória sobre o rival fora de casa; vitória do Santos na Arena Corinthians por 2-1.

Em 16/09/2015, em partida válida pela 26ª rodada do Campeonato Brasileiro, Gabriel marcou seu 3º doblete nessa temporada na goleada por 4-0 sobre o Atlético-MG.

Em 25/11/2015, no primeiro confronto da final da Copa do Brasil contra o Palmeiras, Gabigol marcou o único gol da vitória do Santos na Vila Belmiro. No segundo confronto contra o arquirrival no Allianz Parque, o Santos perdeu por 2-1, mas vale ressaltar que na final não há o critério do gol fora de casa e como consequência, o campeão foi definido nos pênaltis onde o rival levou a melhor e venceu por 4-3.

Em 06/12/2015, na última rodada dessa edição do Brasileirão – 38ª rodada do campeonato -, Gabigol encerrou essa temporada marcando 2 gols na goleada por 5-1 sobre o Athletico-PR na Vila Belmiro. Além de ter feito 2 gols, proveu assistência para 1 dos 2 gols de Geuvânio e para o gol de Vitor Bueno. Também é importante mencionar que Gabriel encerrou este ano considerado o jogador mais valorizado do futebol brasileiro, segundo site especializado.

Veja Também!  Assistir AO VIVO Internacional x Grêmio Futebol Online na TV SBT e Conmebol TV - Libertadores Futemax

Em suma, na sua 3ª temporada com a camisa do Peixe, Gabriel Barbosa disputou 56 partidas, fez 21 gols – sendo 8 tentos marcados na Copa do Brasil, o que fez dele o artilheiro isolado – e proveu 11 assistências. Quanto ao Santos, além de ter sido campeão estadual e vice-campeão da Copa do Brasil, terminou em 7º lugar no Brasileirão 2015.

  • Números de Gabriel Barbosa na sua 3ª Temporada no Santos
Pd Gm A CA CV Mj no ano de 2015
 56 *21  11  9 1 3358

* 21 gols dos quais 10 foram pelo Brasileirão, 8 pela Copa do Brasil e 3 pelo Campeonato Paulista

2016

Na estreia do Santos nessa edição do Paulistão, em 30 de janeiro, Gabigol marcou o gol do time no empate em 1-1 com o São Bernardo na Vila Belmiro. Na rodada seguinte, em 03/02/2016, o camisa 10 do Santos fez um dos gols da vitória por 2-0 sobre a Ponte Preta em pleno Moisés Lucarelli, em Campinas.

Em 13/02/2016, em partida válida pela 4ª rodada do Campeonato Paulista, Gabriel marcou seu 3º tento nessa temporada no empate em 3-3 com o Novorizontino fora de casa.

Após o gol marcado contra o Novorizontino, Gabigol só voltou a balançar as redes em 31/03/2016, em confronto válido pela 12ª rodada do Paulistão, ao qual o Santos venceu a Ferroviária por 4-1 na Vila Belmiro. Na rodada seguinte do estadual, em 03/04/2016, o camisa 10 do Peixe marcou seu 5º tento nessa temporada no triunfo por 5-3 sobre o Capivariano fora de casa.

Em 24/04/2016, em partida válida pela semifinal do Campeonato Paulista, Gabriel marcou os gols do Santos no empate em 2-2 com o Palmeiras. Com este resultado, as duas equipes definiriam o classificado para a fase seguinte nos pênaltis onde o Santos levou a melhor e venceu por 3-2. Posteriormente, o Santos empatou em 1-1 com o Osasco Audax no primeiro confronto e depois venceu o segundo jogo por 1-0 e com isso, o alvinegro praiana se sagrou campeão do Paulistão pelo 2º ano consecutivo.

Em 22/06/2016, em jogo da 10ª rodada do Brasileirão, Gabigol marcou seu último doblete com a camisa do Santos na vitória por 4-2 sobre o Fluminense fora de casa.

Em 16/07/2016, em partida válida pela 15ª rodada do Campeonato Brasileiro, Gabriel marcou seu último tento com a camisa do Santos no triunfo por 3-1 sobre a Ponte Preta na Vila Belmiro.

Em 28/08/2016, em jogo da 22ª rodada do Brasileirão, Gabriel entrou em campo logo após o intervalo no lugar de Jonathan Copete e jogou o segundo tempo do revés por 1-0 ante o Figueirense em plena Vila Belmiro. Após o jogo, Gabigol foi oficializado como novo reforço da Internazionale da Itália.

Gabriel Barbosa marcou 13 gols e proveu 5 assistências em 30 partidas disputadas e inclusive, foi o 4º maior goleador do Paulistão 2016 ao lado de Wellington Paulista da Ponte Preta e de William Pottker do Linense e ficando atrás apenas de Roger do Red Bull Brasil (11 gols) e de Alecsandro do Palmeiras e de Rodrigo Andrade do Osasco Audax, cada um dos 2 últimos marcou 8 tentos.

  • Números de Gabriel Barbosa na sua 4ª Temporada no Santos
Pd Gm A CA CV Mj no ano de 2016
 30 *12  5  8 2310

* 12 gols dos quais 7 foram pelo Campeonato Paulista e 5 pelo Brasileirão

Títulos que conquistou pelo Santos

  • Paulistão 2015 e 2016
  • O vídeo abaixo mostra todos os gols marcados por Gabigol na sua 1ª passagem pelo Santos
  • Este vídeo foi publicado no YouTube em 29 de agosto de 2016 por Football Nation BR

 

Internazionale

2016-17

Gabriel Barbosa sendo apresentado como novo reforço da Internazionale

Em 26 de agosto de 2016, Gabriel viajou para a Itália para assinar contrato com a Internazionale. O atacante voltou ao Brasil após fazer exames médicos e assinar contrato com o clube italiano para jogar sua última partida pelo Santos, contra o Figueirense na Vila Belmiro dois dias depois de viajar para o país europeu.

Em 30/08/2016, no seu 20º aniversário, Gabriel foi anunciado como o novo reforço da Internazionale, contratado por 27,5 milhões de euros (cerca de 172,5 milhões de reais).

Em 25/09/2016, em jogo da 6ª rodada da Serie A (Campeonato Italiano), Frank de Boer – técnico da Internazionale nessa época – promoveu a estreia de Gabriel quando o colocou em campo aos 29 minutos da segunda etapa no lugar de Antonio Candreva no empate em 1-1 com o Bologna no Giuseppe Meazza (estádio da Inter de Milão).

Após vários jogos no banco de reservas e com a demissão de Frank de Boer, Stefano Pioli assume o comando da equipe nerazzurri – Internazionale – e em 18/12/2016, em jogo da 17ª rodada da Serie A, Gabriel jogou os últimos minutos da vitória por 1-0 sobre o Sassuolo fora de casa.

Em 17 de janeiro de 2017, em confronto válido pelas oitavas de final da Copa da Itália, Gabigol teve sua primeira chance de iniciar entre os titulares no triunfo por 3-2 sobre o Bologna na prorrogação. Apesar de ter começado essa partida como titular, não jogou os 120 minutos, pois acabou sendo substituído aos 27 minutos do segundo tempo por Antonio Candreva.

Em 19/02/2017, em partida válida pela 25ª rodada do Campeonato Italiano, o camisa 96 da Inter – Gabriel Barbosa – entrou em campo aos 29 minutos do segundo tempo no lugar de Candreva e 7 minutos depois, marcou o gol da vitória do time sobre o Bologna.

Mesmo com o gol marcado diante do Bologna na 25ª rodada da Serie A, Gabriel ainda não era visto como opção por Pioli e sendo assim, só jogou mais 3 partidas pela Internazionale antes de ser emprestado.

Em suma, na sua única temporada com a camisa da equipe nerazzurri, Gabriel Barbosa disputou 10 partidas e fez 1 gol. Quanto a Internazionale, terminou em 7º lugar no Campeonato Italiano, chegou às quartas de final da Copa da Itália e caiu na fase de grupos da UEFA Europa League.

  • Números de Gabriel Barbosa na sua 1ª e única Temporada na Internazionale
Pd Gm A CA CV Mj na temporada 2016-17
 10 *1  0  3 183

* Gol marcado na Serie A

  • O vídeo abaixo mostra os melhores momentos de Gabriel Barbosa com a camisa da Internazionale na temporada 2016-17
  • Este vídeo foi publicado no YouTube há 3 anos atrás por Force Production

 

Benfica

2017-18

Em 31 de agosto de 2017, a Internazionale anunciou o empréstimo de Gabriel Barbosa ao Benfica de Portugal.

Em 12/09/2017, na estreia do Benfica na fase de grupos da Champions League (Liga dos Campeões), Rui Vitória – técnico do Benfica nessa época – promoveu a estreia de Gabigol pelo novo time quando o colocou em campo aos 32 minutos do segundo tempo no lugar de Alejandro Grimaldo, mas mesmo com a entrada dele, o panorama do jogo não mudou e a equipe lisboeta – Benfica – perdeu para o CSKA Moscou da Rússia por 2-1.

Em 20/09/2017, na estreia do clube lisboeta na fase de grupos da Taça CTT, Rui Vitória escalou Gabriel como titular pela primeira vez e ele ficou em campo até os 18 minutos da segunda etapa, quando foi substituído por Andrija Živković. Quanto ao resultado do jogo, empate em 1-1 com o Braga no Estádio da Luz (estádio do Benfica).

Em 14/10/2017, em confronto válido pela 3ª fase da Taça de Portugal, Rui Vitória escalou Gabriel como titular pela última vez e ele não decepcionou e fez o único gol da vitória sobre o Olhanense. Apesar de ter feito seu primeiro gol pelo novo clube, Gabigol seguiu sem espaço nos “Encarnados” – Benfica – e como consequência, a Internazionale o emprestou ao Santos até o fim de 2018.

  • Números de Gabriel Barbosa na sua 1ª e única Temporada no Benfica
Pd Gm A CA CV Mj na temporada 2017-18
 5 *1  0  0 164

* Gol marcado na Taça de Portugal

  • O vídeo abaixo mostra o único tento marcado por Gabriel Barbosa com a camisa do Benfica
  • Este vídeo foi publicado no YouTube em 16 de outubro de 2017 por Afasta a Zaga

 

Santos

santos-logo

2018

Em 25 de janeiro de 2018, o Santos anunciou o retorno de Gabriel por empréstimo até o fim deste ano.

Em 10/02/2018, em jogo válido pelo Campeonato Paulista, Jair Ventura – técnico do Peixe naquela época – promoveu a reestreia de Gabigol que marcou 1 dos gols do empate em 2-2 com a Ferroviária na Arena da Fonte Luminosa. Posteriormente, nos 3 jogos seguintes marcou 3 tentos; na vitória por 2-0 sobre o São Caetano na Vila Belmiro, no triunfo por 1-0 sobre o São Paulo no Morumbi e na vitória por 2-0 sobre o Santo André na Vila Belmiro respectivamente.

Em 01/03/2018, Gabriel fez a sua estreia na Copa Libertadores da América, porém foi uma estreia para se esquecer, pois o Santos perdeu para o Real Garcilaso do Peru por 2-0.

Em 15/03/2018, em partida válida pela 2ª rodada da fase de grupos da Libertadores contra o Nacional do Uruguai, Gabigol recebeu um cartão vermelho após falta em Diego Arismendi.

Após o gol marcado contra o Santo André em 25/02/2018, o camisa 10 do Peixe passou por uma “seca de gols”, a qual pôs um fim em 24/04/2018 em partida válida pela 3ª rodada da fase de grupos da Libertadores, a qual o Santos venceu o Estudiantes da Argentina por 2-0.

No primeiro confronto das oitavas de final da Copa do Brasil, em 10/05/2018, Gabigol marcou seu primeiro hat-trick da carreira – ocorre quando um jogador faz 3 ou mais gols numa mesma partida – na goleada por 5-1 sobre o Luverdense na Vila Belmiro. No segundo confronto entre as duas equipes, o Luverdense venceu por 2-1, mas não conseguiu reverter a desvantagem do primeiro confronto. Três dias depois de golear o Luverdense, em jogo da 5ª rodada do Brasileirão, o camisa 10 do Santos marcou seu primeiro doblete nessa temporada no triunfo por 3-1 sobre o Paraná.

Em 03/06/2018, em jogo da 9ª rodada do Brasileirão, Gabriel marcou o gol que fechou a goleada por 5-1 sobre o Vitória. Além do tento marcado, também contribuiu com assistência para 1 dos 3 gols marcados por Rodrygo.

Após o revés por 1-0 ante o América-MG em plena Vila Belmiro em 29/07/2018, no dia seguinte a essa derrota, Jair Ventura foi demitido e com a saída dele, o clube resolveu apostar suas fichas em Cuca.

No segundo confronto das quartas de final da Copa do Brasil contra o Cruzeiro, em 15/08/2018, Gabigol marcou 1 dos gols do triunfo por 2-1 sobre a equipe mineira, contudo com este resultado, a decisão foi para os pênaltis – o Cruzeiro venceu o primeiro jogo por 1-0 e devido à mudança nas regras do torneio, não há mais a vantagem do gol fora de casa – e o Cruzeiro levou a melhor e venceu por 3-0. Posteriormente, a equipe mineira viria a se sagrar campeã dessa edição do torneio.

Em 01/09/2018, em jogo da 22ª rodada do Brasileirão, Gabriel marcou seu 2º hat-trick da carreira e sendo assim, o Santos venceu o Vasco por 3-0 em pleno São Januário. Duas rodadas depois, em 09/09/2018, o camisa 10 do alvinegro praiano marcou seu 2º e último doblete nessa temporada e sendo assim, vitória por 2-0 sobre o Paraná na Vila Capanema. Com estes 2 tentos marcados contra o Paraná Clube, Gabigol chegou a artilharia isolada do campeonato nacional naquele momento.

Veja Também!  Como assistir Ponte Preta x Avaí/Kindermann Futebol AO VIVO – Campeonato Brasileiro Feminino A1 2020

Em 24/11/2018, em partida válida pela penúltima rodada (37ª) dessa edição do Brasileirão, Gabriel marcou o gol que fechou a vitória do Santos por 3-2 sobre o Atlético-MG e logo após, saiu para a entrada de Renato, que faria seu último jogo como atleta profissional.

Na sua 2ª e última passagem pelo Santos até aqui, Gabriel Barbosa atuou em 53 partidas, marcando 27 gols e provendo duas assistências. Terminou o ano como artilheiro da Copa do Brasil e do Campeonato Brasileiro, feito inédito na história do futebol brasileiro. Com a artilharia do Campeonato Brasileiro, igualou-se a Kléber Pereira, Borges e Ricardo Oliveira, como artilheiros do Santos FC no Século 21. Quanto ao Santos, terminou em 10º lugar no Campeonato Brasileiro, chegou à semifinal do Paulistão, caiu nas quartas de final da Copa do Brasil e foi eliminado nas oitavas de final da Copa Libertadores da América.

  • Números de Gabriel Barbosa na sua 5ª e última Temporada no Santos
Pd Gm A CA CV Mj no ano de 2015
 52 *27  2  18 1 4501

* 27 gols dos quais 18 foram pelo Brasileirão, 4 pela Copa do Brasil, 4 pelo Campeonato Paulista e 1 pela Copa Libertadores da América

  • O vídeo abaixo mostra todos os gols marcados por Gabigol pelo Santos na sua 2ª passagem pelo clube
  • Este vídeo foi publicado no YouTube em 3 de setembro de 2018 por Santos Futebol Clube

 

Flamengo

2019

Gabriel Barbosa sendo apresentado como o mais novo reforço do Clube de Regatas do Flamengo

No dia 8 de janeiro de 2019, a Internazionale anunciou o empréstimo de Gabriel Barbosa ao Flamengo até o fim deste ano.  O empréstimo foi sem custo, mas o rubro-negro carioca ficou responsável pelo pagamento integral dos salários do atacante: 3,5 milhões de euros livres por ano – cerca de 15 milhões de reais (R$ 1,25 milhão por mês). No dia 11/01/2019, o Flamengo confirmou a contratação de forma oficial; ele foi apresentado com a camisa 12 em homenagem a torcida, mas ficou estabelecido que seria o camisa 9.

Em 23/01/2019, na estreia do Flamengo no Campeonato Carioca, Abel Braga – técnico do rubro-negro carioca naquele momento – promoveu a estreia de Gabigol como titular e sendo assim, ele jogou os 90 minutos do empate em 1-1 com o Resende.

Em 24/02/2019, em jogo válido pelo Estadual, o novo camisa 9 do clube rubro-negro marcou seu primeiro tento na goleada por 4-1 sobre o Americano no Maracanã. Na rodada seguinte do Campeonato Carioca, em 28/02/2019, Gabigol marcou seu primeiro doblete pelo novo clube no triunfo por 3-1 sobre a Portuguesa.

Na estreia do Flamengo na fase de grupos da Libertadores, em 05/03/2019, Gabriel marcou o único gol da vitória sobre o San José, da Bolívia, fora de casa. Na rodada seguinte da fase de grupos, em 13/03/2019, o camisa 9 do Flamengo marcou o segundo gol do time na vitória por 3-1 sobre a LDU do Equador no Maracanã.

Em 19/03/2019, em partida válida pelo Campeonato Carioca, Gabigol marcou seu 2º doblete nesse ano e com isso, o Flamengo venceu o Madureira por 2-0.

Na estreia do Flamengo nessa edição do Brasileirão, em 27/04/2019, Gabriel foi o responsável por fechar o placar na vitória por 3-1 sobre o Cruzeiro no Maracanã.

Após uma sequência de resultados inconstantes nessa temporada, em 29/05/2019 o técnico Abel Braga pediu demissão e apesar do clube já ter um acerto com o português Jorge Jesus, Marcelo Salles comandou a equipe até que o treinador europeu assumisse o comando da equipe. Em 01/06/2019, em jogo da 7ª rodada do Brasileirão, Gabriel marcou seu 3º doblete nessa temporada e com isso, vitória por 2-0 sobre o Fortaleza.

Em 14/07/2019, em jogo da 10ª rodada do Brasileirão, o camisa 9 do rubro-negro carioca marcou seu 4º doblete nessa temporada na goleada por 6-1 sobre o Goiás no Maracanã.

Em 28/07/2019, em partida válida pela 12ª rodada do Campeonato Brasileiro, Gabriel marcou seu 20º tento nessa temporada no triunfo por 3-2 sobre o arquirrival Botafogo. Três dias depois, pelo segundo confronto das oitavas de final da Copa Libertadores contra o Emelec do Equador, Gabibol marcou os gols do time no triunfo por 2-0 sobre a equipe equatoriana e como o Flamengo havia perdido o primeiro confronto por este placar, o classificado para as quartas de final saiu nos pênaltis onde o Flamengo levou a venceu por 4-2.

Em 17/08/2019, em jogo da 15ª rodada do Brasileirão, Gabigol marcou seu 6º doblete nesse ano na goleada por 4-1 sobre o Vasco da Gama.

Pelo segundo confronto das quartas de final da Libertadores contra o Internacional em 28/08/2019, o camisa 9 do rubro-negro carioca marcou o gol do empate em 1-1 com a equipe gaúcha e como o time havia vencido o primeiro confronto no Maracanã por 2-0, seguiu adiante na competição. Quatro dias depois de despachar o Inter, desta vez em jogo da 17ª rodada do Brasileirão, Gabigol marcou seu 7º doblete no ano na vitória por 3-0 sobre o Palmeiras no Maracanã.

Em 14/09/2019, em jogo da 19ª rodada do Brasileirão, Gabriel se fez valer da “lei do ex” e marcou seu 30º tento nessa temporada e marcou o único gol da vitória do Flamengo sobre o Santos.

Pela 26ª rodada do Campeonato Brasileiro em 16/10/2019, Gabigol marcou seu 19º tento no campeonato no triunfo por 2-1 sobre o Fortaleza fora de casa e com isso, Gabriel igualou-se a marca de Adriano Imperador pelo Brasileirão 2009. Uma semana depois, pelo segundo confronto da semifinal da Copa Libertadores contra o Grêmio, Gabigol marcou seu 8º doblete no ano na goleada por 5-0 sobre a equipe gaúcha no Maracanã e além de ajudar o time a chegar a final desse torneio depois de 38 anos. Também se isolou na artilharia do torneio com 7 gols.

Após marcar no empate de 2-2 entre Goiás e Flamengo em 31/10/2019, pela 29° rodada do Campeonato Brasileiro, Gabigol chegou a marca de 36 gols na temporada, número que o igualou a Hernane Brocador como maior artilheiro do Flamengo em uma só temporada no Século 21.

Contra o Bahia, pela 32° rodada do Campeonato Brasileiro em 10/11/2019 , Gabriel marcaria um dos gols na vitória por 3 a 1, tornando-se assim o maior artilheiro do Flamengo no século XXI em uma temporada, como também igualou-se a Zico como o maior artilheiro do Flamengo em uma edição do Campeonato Brasileiro com 21 gols.

Frente ao Grêmio, pela 33° rodada do Campeonato Brasileiro em 17/11/2019, Gabriel voltaria a marcar tornando-se assim o maior artilheiro da história do Flamengo em uma edição de Campeonato Brasileiro, com 22 gols. Após este jogo, os jogadores do Flamengo viajaram para Lima no Peru para jogar a final da Copa Libertadores.

Por falar em Copa Libertadores da América, o Flamengo se sagrou campeão dessa competição depois de 38 anos e a trajetória do rubro-negro carioca rumo a conquista deste título foi assim> após o sorteio dos grupos, definiu-se que o Flamengo seria um dos integrantes do grupo D juntamente com o Peñarol do Uruguai, San José da Bolívia e a LDU do Equador e ao final desta fase, o rubro-negro carioca somou 10 pontos em 6 rodadas – 3 vitórias, 1 empate e duas derrotas – e ainda assim, terminou na liderança do grupo e com isso, se classificou para a fase de mata-mata dessa competição.

Nas oitavas de final, o Flamengo enfrentou o Emelec do Equador e com um revés por 2-0 em solo equatoriano, o time devolveu esse placar no Maracanã e nos pênaltis levou a melhor e avançou para a fase seguinte.

Nas quartas de final, o Flamengo jogou contra o Internacional e depois de uma vitória no Maracanã por 2-0, o time carioca jogou para o gasto no Beira-rio e empatou em 1-1 com a equipe gaúcha e sendo assim, avançou para a fase seguinte.

Na semifinal, o Flamengo enfrentou o Grêmio e após um empate em 1-1 com a equipe gaúcha fora de casa, o time carioca venceu por 5-0 no Maracanã e se classificou para a final deste torneio.

Em 23/11/2019, o Monumental de Lima no Peru foi o palco da final entre River Plate da Argentina e o Flamengo e apesar de sair atrás do placar e passar a maior parte do jogo atrás do placar, aos 45 minutos da segunda etapa, Gabriel empatou e em menos de 5 minutos, virou e com isso, o Flamengo sagrava-se campeão continental depois de 38 anos. Além disso, Gabigol chegou a marca de 40 gols numa única temporada.

Gabigol segurando o troféu da Copa Libertadores da América 2019

Em 01/12/2019, em jogo da 36ª rodada do Brasileirão, Gabriel marcou seu 10º e último doblete nesse ano no triunfo por 3-1 sobre o Palmeiras no Allianz Parque. Com os gols marcados contra o Palmeiras, Gabigol chegou a marca de 24 gols nessa edição do Brasileirão e com isso, se tornou assim o maior artilheiro dos pontos corridos do Campeonato Brasileiro desde que o torneio passou a ter 20 equipes, em 2006. Na rodada seguinte do campeonato nacional, em 05/12/2019, o camisa 9 do Flamengo marcou seu último tento nesse ano na goleada por 6-1 sobre o Avaí no Maracanã.

Ao final do Campeonato Brasileiro, Gabigol apareceu também entre os 10 maiores goleadores de uma edição de Brasileirão em todos os tempos, empatando na 8ª posição com Careca, que em 1986, pelo São Paulo, também marcou 25 vezes no campeonato. Gabriel encerrou esse ano com chave de ouro sendo eleito o Bola de Ouro pela revista Placar e o Rei da América de 2019 pelo jornal El País.

Em suma, em sua 1ª temporada com a camisa do rubro-negro carioca, Gabriel Barbosa disputou 59 partidas, fez 43 gols e proveu 11 assistências. Quanto ao Flamengo, foi campeão de todas as competições que disputou (Campeonato Carioca, Campeonato Brasileiro e Libertadores), salvo a Copa do Brasil, onde foi eliminado nas quartas de final.

  • Números de Gabriel Barbosa na sua 1ª Temporada no Flamengo
Pd Gm A CA CV Mj no ano de 2019
 59 *43  11  25 3 4972

* 43 gols dos quais 25 foram pelo Brasileirão, 9 pela Copa Libertadores da América, 7 pelo Campeonato Carioca e 2 pela Copa do Brasil

2020

Em 27 de janeiro de 2020, Gabriel foi adquirido em definitivo pelo Flamengo, tendo 90% dos seus direitos econômicos comprados por 18 milhões de euros (cerca de 83,5 milhões de reais). Gabigol assinou com o rubro-negro carioca por 5 temporadas, sendo assim estendeu o seu vínculo até dezembro de 2024. Com a aquisição, tornou-se a compra mais cara da história do futebol brasileiro, ultrapassando o uruguaio Giorgian de Arrascaeta, seu companheiro de equipe. Gabigol anunciou a permanência com a frase “Se é para o bem da Nação, eu fico!”.

Em 03/02/2020, no primeiro jogo do Flamengo nesse ano, válido pelo Campeonato Carioca, o camisa 9 marcou um dos gols da vitória por 3-1 sobre o Resende. Posteriormente, nos 4 jogos seguintes do clube no ano, 4 tentos marcados por Gabigol; na vitória por 2-0 sobre o Madureira, no triunfo por 3-2 sobre o Fluminense, na vitória por 3-0 sobre o Athletico-PR na decisão da Supercopa do Brasil e no triunfo por 2-1 sobre o Boavista-RJ na final da Taça Guanabara respectivamente. Com os gols marcados nesses jogos, Gabriel atingiu vários feitos, tais como igualar a marca de Hernane e se tornar o maior artilheiro do Mengão na década (2011–2020) e além disso, também chegou ao 47° pelo Flamengo. Com o tento, Gabigol igualou-se à Vágner Love, Léo Moura e Obina, como o 2° maior artilheiro do Flamengo no Século 21, atrás apenas de Renato Abreu, com 73 gols.

Em 26/02/2020, no segundo confronto da decisão da Recopa Sul-Americana contra o Independiente del Valle do Equador, Gabriel marcou o primeiro gol da vitória por 3-0 sobre a equipe equatoriana. Como as duas equipe haviam empatado em 2-2 no primeiro confronto no Equador, o Flamengo levou a vantagem no placar agregado (5 a 2) e com isso, obteve mais um título.

Veja Também!  Acompanhe Bayern de Munique x Sevilla Futebol Ao Vivo Online Esporte Interativo - Supercopa da Europa

Em 29/02/2020, na estreia do Mengão na Taça Rio do Campeonato Carioca, Gabigol marcou um hat-trick na goleada por 4-1 sobre a Cabofriense.

Em 11/03/2020, em partida válida pela 2ª rodada da fase de grupos da Copa Libertadores, o camisa 9 do Flamengo marcou de pênalti o segundo gol da vitória por 3-0 sobre o Barcelona de Guayaquil do Equador no Maracanã. Após este jogo, o estadual, a Libertadores e diversos campeonatos do mundo inteiro foram paralisados em decorrência da pandemia do COVID-19 (Novo Coronavírus) e sendo assim, o Flamengo ficou sem jogar por 3 meses.

Com o retorno do Campeonato Carioca em 18/06/2020, após a longa parada causada pelo Novo Coronavírus, Gabigol emplacou uma sequência de 5 assistências em 4 partidas do Estadual, contra Bangu, Volta Redonda e nas finais (Taça Rio e Carioca) contra o Fluminense. Em contrapartida, não marcou gol em nenhum dos 4 jogos, a sua maior seca pelo Flamengo com Jorge Jesus. Por falar no técnico português, logo após a conquista do título dessa edição do Campeonato Carioca, Jorge Jesus aceitou a oferta do Benfica e com isso, deixou o comando do Flamengo.

Com a saída de Jorge Jesus, o Flamengo foi atrás de outro técnico estrangeiro e sendo assim, em 28/07/2020 anunciou o espanhol Domènec Torrent como novo treinador do time.

Após o gol marcado contra o Barcelona de Guayaquil em 11/03/2020, Gabigol passou por uma “seca de gols”, a qual pôs um fim em 19/08/2020 no empate em 1-1 com o Grêmio no Maracanã. Posteriormente, Gabriel fez gols nos 3 jogos seguintes que disputou.

Até aqui, Gabriel Barbosa marcou 15 gols e proveu 9 assistências em 21 jogos disputados.

  • Números de Gabriel Barbosa na sua 2ª e atual Temporada no Flamengo
Pd Gm A CA CV Mj no ano de 2020
 21 *15  9  9 1 1814

* 15 gols dos quais 8 foram pelo Campeonato Carioca, 4 pelo Brasileirão, 1 pela Copa Libertadores da América, 1 pela Recopa Sul-Americana e 1 pela Supercopa do Brasil

Títulos que conquistou pelo Flamengo

  • Copa Libertadores da América 2019
  • Recopa Sul-Americana 2020
  • Campeonato Brasileiro 2019
  • Supercopa do Brasil 2020
  • Campeonato Carioca 2019 e 2020
  • Taça Guanabara 2020
  • Taça Rio 2019
  • O vídeo abaixo mostra todos os gols de Gabigol pelo Flamengo no ano de 2019
  • Este vídeo foi publicado no YouTube em 8 de dezembro de 2019 por Mundo Do Futebol

 

Números de Gabriel Barbosa na Seleção Brasileira

 

Brasil

Seleções de Base

Antes de atuar pela seleção principal de seu país, assim como muitos outros grandes jogadores, Gabriel Barbosa teve passagem pelas seleções de base do Brasil, como a Copa do Mundo Sub-17 de 2013 e o Sul-Americano Sub-20 de 2015, mas o único título que conquistou pela seleção de base do Brasil, foi o Torneio Continental de COTIF, em 2014.

Seleção Principal

Em 26 de março de 2016, Carlos Caetanto Bledorn Verri, popularmente conhecido como Dunga, convocou Gabigol para substituir Neymar, após suspensão ao receber o terceiro cartão amarelo – isso gera suspensão automática – no jogo contra o Uruguai nas Eliminatórias da Copa do Mundo de 2018, ao qual as duas seleções empataram em 2-2 na Arena Pernambuco. Na rodada seguinte das Eliminatórias, em 30/03/2016, Gabriel viu do banco o empate em 2-2 com o Paraguai.

Em 05/05/2016, sem ainda sequer estrear pela Seleção, Gabriel foi convocado para a disputa da Copa América Centenário 2016 que realizar-se-ia nos Estados Unidos.

Estreou com a “Amarelinha” – Seleção Brasileira – em uma amistoso preparatório para à Copa América Centenário, no dia 30/05/2016 contra o Panamá. Entrou em campo no segundo tempo no lugar de Jonas e marcou o gol que fechou o placar dessa partida; vitória do Brasil por 2-0 sobre o Panamá.

Copa América Centenário 2016

Na estreia do Brasil na fase de grupos dessa edição da Copa América, em 05/06/2016, Gabigol entrou em campo aos 17 minutos do segundo tempo no lugar de Jonas, mas esta e as outras alterações não surtiram efeito, pois a Seleção Brasileira ficou no empate em 0-0 com o Equador. Quatro dias depois, na rodada seguinte da fase de grupos, Gabriel entrou em campo logo após o intervalo no lugar de Jonas novamente e depois marcou o 4º gol do Brasil na goleada por 7-1 sobre o Haiti.

Na última rodada da fase de grupos, em 13/06/2016, a joia santista foi escalado como titular pela primeira vez na seleção principal do Brasil, mas na sua estreia como titular, derrota para o Peru por 1-0 e com apenas 4 pontos somados em 3 rodadas, o Brasil foi eliminado dessa edição da Copa América.

  • Desempenho de Gabriel Barbosa na Copa América Centenário
Pd Gm A CA CV Mj
3 1 145

Olimpíadas do Rio de Janeiro 2016

Passado a eliminação precoce na Copa América Centenário, Rogério Micale – técnico das Seleções de Base do Brasil – convocou Gabigol para a disputa das Olimpíadas e na estreia do Brasil na fase de grupos dos Jogos Olímpicos em 04/08/2016, atuou como titular no empate em 0-0 com a África do Sul. Na rodada seguinte, contra o Egito, mais um empate em 0-0. Na última rodada da fase de grupos, 11/08/2016, o Brasil iniciou uma reação e Gabigol despertou e fez 2 gols na goleada por 4-0 sobre a Dinamarca. Com um total de 5 pontos somados em 3 rodadas, terminou na liderança do grupo A e sendo assim, se classificou para a fase de mata-mata dessa edição dos Jogos Olímpicos.

Nas quartas de final, vitória por 2-0 sobre a Colômbia. Na semifinal, o Brasil passou por cima da Honduras com uma goleada de 6-0 e com isso, se classificou para a final.

Em 20/08/2016, o estádio do Maracanã foi o palco da final entre Brasil e Alemanha, ao qual as duas seleções empataram em 1-1 no tempo regulamentar e esse mesmo placar persistiu na prorrogação e como consequência, o campeão teve de ser definido nos pênaltis onde a Seleção Brasileira venceu por 5-4 e conquistou a inédita medalha de ouro.

Gabriel Barbosa exibindo a medalha de Ouro
  • Desempenho de Gabriel Barbosa nas Olimpíadas do Rio de Janeiro 2016
Pd Gm A CA CV Mj
6 2 1 497

Pós-olimpíadas 2016

Após a disputa das Olimpíadas no Brasil, Gabriel esteve presente na convocação do novo treinador da Seleção principal do Brasil – Tite – no dia 22/08/2016 para as partidas das Eliminatórias da Copa do Mundo de 2018 contra o Equador e Colômbia respectivamente. Depois de ver do banco o Brasil vencer Equador e Colômbia por 3-0 e 2-1 respectivamente, perdeu espaço na seleção.

Após uma ausência de 3 anos, voltou a ser convocado por Tite para a Seleção Brasileira no dia 20 de setembro de 2019, para os amistosos contra Senegal e Nigéria. Entrou ao decorrer da partida contra a Seleção Nigeriana no lugar de Roberto Firmino aos 17 minutos do segundo tempo. Quanto ao resultado do jogo contra a Nigéria, empate em 1-1.

Títulos que conquistou pela Seleção Brasileira

  • Torneio Internacional de COTIF de 2014
  • Medalha de Ouro nos Jogos Olímpicos 2016
  • O vídeo abaixo mostra o primeiro gol marcado por Gabriel Barbosa pela seleção principal do Brasil
  • Este vídeo foi publicado no YouTube há cerca de 4 anos atrás por Canal ADR

TOTAL

Pd Gm A CA CV Mj
5 2 198

Prêmios Individuais

  • Prêmio Bola de Prata (3): 2015 (Revelação do Ano), 2018 (Melhor Centro-Avante), 2019 (“Melhor Centro-Avante”)
  • Prêmio Bola de Ouro: 2019
  • Troféu Mesa Redonda (3): – 2014 (Jogador Revelação do Brasileirão), 2018 (Melhor Centro-Avante), 2019 (Melhor Centro-Avante)
  • Prêmio Craque do Brasileirão (2): 2018 (Melhor Centro-Avante), 2019[122] (Melhor Centro-Avante)
  • Seleção do Campeonato Paulista (2): 2016, 2018
  • 50 Jovens Promessas do Futebol Mundial: 2016 (La Gazzetta dello Sport)
  • Seleção do Campeonato Carioca: 2019, 2020
  • Melhor Jogador da Final da Copa Libertadores da América de 2019
  • Seleção Cartola FC do Campeonato Brasileiro de 2019 – Melhor Centro-Avante
  • 52º melhor jogador do ano de 2019 (The Guardian)
  • 49º melhor jogador do ano de 2019 (Marca)
  • Seleção da Copa Libertadores da América: 2019
  • Melhor Jogador da América (Rei da América) – El País: 2019
  • Craque do Campeonato Carioca de 2020

Artilharias

Base
  • Artilheiro do Torneio Internacional de COTIF Sub-20: 2014 – (3 gols)
Profissional
  • Artilheiro da Copa do Brasil: 2014 – (6 gols)
  • Artilheiro da Copa do Brasil: 2015 – (8 gols)
  • Artilheiro da Copa do Brasil: 2018 – (4 gols)
  • Artilheiro do Campeonato Brasileiro: 2018 – (18 gols)
  • Artilheiro do Campeonato Brasileiro: 2019 – (25 gols)
  • Artilheiro da Copa Libertadores da América: 2019 – (9 gols)
  • Prêmio Arthur Friedenreich: 2019 – (43 gols)
  • Artilheiro da Supercopa do Brasil de 2020 – (1 gol)
  • Artilheiro do Campeonato Carioca de 2020 – (8 gols)

Recordes e Marcas

  • Único jogador da história a ser artilheiro da Copa do Brasil (4 gols) e do Campeonato Brasileiro (18 gols) no mesmo ano – 2018
  • Segundo jogador (ao lado de Luís Fabiano) a ser artilheiro da Copa do Brasil, Campeonato Brasileiro e Libertadores
  • Doblete mais rápido da história em uma final de Libertadores (2 gols em 3 minutos)
  • Segundo jogador (ao lado de Riquelme) a marcar em todas as fases da Libertadores (fase de grupos, oitavas de final, quartas de final, semifinal e final)
  • Gol QatarAirways da Copa Libertadores da América de 2019 – (Prêmio dado ao gol mais bonito da Libertadores) – Contra o Grêmio pela segunda partida da semifinal
  • Maior artilheiro em uma edição dos pontos corridos do Campeonato Brasileiro com 20 clubes – (25 gols)
  • Jogadores com mais gols em uma edição de Campeonato Brasileiro – 8° lugar ao lado de Careca (25 gols)
  • Maior artilheiro da década (de 2011 até o momento) em uma só temporada no futebol brasileiro – (43 gols, ao lado de Neymar em 2012)
  • Sétimo jogador a ganhar todos os prêmios (Artilheiro, Bola de Prata e Bola de Ouro) do Prêmio Bola de Prata ESPN em um só ano – ao lado de Zico (1982), Careca (1986), Amoroso (1994), Edmundo (1997), Romário (2000) e Adriano (2009)
  • Terceiro maior premiado da história do Prêmio Bola de Prata ESPN (6 troféus) – atrás apenas de Zico (9 troféus) e Rogério Ceni (7 troféus)
  • Quarto jogador a ser artilheiro do Campeonato Brasileiro por dois anos seguidos – ao lado de Bita, do Náutico (1965 e 1966), Dadá Maravilha, do Atlético Mineiro (1971 e 1972) e Túlio Maravilha, do Botafogo (1994 e 1995)
  • Primeiro jogador a ser artilheiro isolado de dois Brasileirões consecutivos[132] (Bita dividiu a artilharia com Toninho Guerreiro em 1966, Dadá dividiu a artilharia com Pedro Rocha em 1971 e Túlio dividiu com Amoroso em 1994)
  • Décimo segundo jogador brasileiro a ganhar o prêmio Rei da América – ao lado de Tostão, Pelé, Zico, Sócrates, Bebeto, Raí, Cafu, Romário, Neymar, Ronaldinho Gaúcho e Luan
  • Segundo jogador do Flamengo a ganhar o prêmio Rei da América – ao lado de Zico (1977, 1981 e 1982)
  • Maior artilheiro do Flamengo na década (2011–2020) – (54 gols)
  • Segundo maior artilheiro do Flamengo no Século XXI (54 gols) – atrás de Renato Abreu (73 gols)
  • Maior artilheiro do “Novo Maracanã” (35 gols)

Considerações Finais

Com base em tudo o que foi apresentado nesta matéria pode-se concluir que Gabriel é um jogador que é conhecido por suas habilidades técnicas, criatividade e uso de truques na bola; devido ao seu talento e estilo de jogo extravagante, ele foi apelidado de “próximo Neymar” pela mídia em 2016.

O papel de Gabriel em campo evoluiu muito: originalmente um segundo atacante ou um ponta, ele também pode jogar como centroavante, com a principal tarefa de finalizar dentro da grande área ou fazer o papel do pivô e dar assistências para seus companheiros.

E para vocês? Gabriel Barbosa merece mais chances na Seleção Brasileira? Ainda não? Ele pode e irá evoluir ainda mais?

 
Siga o Futebol Stats também no Google Notícias, CLIQUE AQUI e em seguida aperte em "Seguir"  
 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Por favor, digite seu nome aqui