Quando cita-se um dos melhores meias sul-americanos que atua na Europa neste momento, o nome de Federico Valverde que atualmente joga pelo Real Madrid da Espanha e que defende a Seleção Uruguaia, deve ser levado em conta.

Federico Santiago Valverde Dipetta nasceu em 22/07/1998 em Montevidéu, capital do Uruguai. Antes de atuar pelo Real Madrid, Fede Valverde atuou em mais duas equipes, sendo uma destas do seu país natal. Porém, o que mais se sabe sobre Federico Valverde? Por quais clubes atuou até aqui? Quais feitos atingiu na sua carreira até este instante?

Juvenil

Fede, como costuma ser chamado, é o segundo filho de Julio Valverde e Doris Valverde, uma família de classe média e por religião, foi criado por pais católicos. Inicialmente, a família Valverde não sabia nada sobre futebol, mas aos poucos, Federico começou a se apaixonar por este esporte. Naquela época, Fede nunca pedia brinquedos ou carrinhos, mas apenas uma bola de futebol e quando ganhou este presente, passava dias chutando a bola e obviamente, isso era um sinal do que o destino lhe reservava.

Aos 3 anos de idade, Fede começou a dar os seus primeiros passos para se tornar um jogador de futebol quando passou a atuar pela categoria “baby” do Unión Estudiantes, uma pequena academia em Montevidéu. Embora ainda não tivesse permissão para jogar partidas oficiais porque ele ainda tinha apenas 3 anos de idade e a idade mínima permitida para isso é a partir dos 6 anos. Vendo que o desejo do filho era mesmo ser um jogador de futebol, os pais de Federico fizeram todo o possível para apoiar as aspirações do garoto.

Em 2003, quando Federico Valverde tinha apenas 5 anos de idade, conquistou o seu primeiro título pelo pequeno Unión. Observação: jogou contra garotos mais velhos do que ele.

Em 2008, Federico Valverde foi chamado para fazer testes em um dos clubes mais tradicionais do futebol uruguaio, o Peñarol. Ele estava acompanhado de Doris Valverde, sua mãe, e enquanto via o treino, ela ouviu Néstor Gonçalves – coordenador de recrutamento do clube – dizendo que Fede era um garoto raro e definitivamente passaria na peneira e com isso, Federico Valverde ingressou nas categorias de base do Peñarol.

 

A Carreira de Federico Valverde em Números

 

Peñarol

Categorias de Base

Em 2012, quando estava atuando em outra categoria do Peñarol, Federico Valverde marcou 8 gols. Por seu bom desempenho, o coordenador do recrutamento em Peñarol, o recomendou para a equipe Sub-15 no Uruguai. No ano seguinte (2013), Fede conquistou seu primeiro título ao vencer o campeonato uruguaio sub-15, onde contribuiu com 3 gols. Com o time sub-16, venceu o Torneio Clausura de 2014 e posteriormente, os “Aurinegros” – Peñarol – venceram o River Plate-URU, campeão do Apertura, e com isso, sagraram-se campeões nacionais sub-16.

Em 4 de janeiro de 2015, Valverde viajou para Londres, Inglaterra, para visitar as instalações do Arsenal Football Club e depois de alguns testes, nos quais obteve êxito e com isso, o Arsenal ofereceu 3,4 milhões de euros (cerca de 20,5 milhões de reais). Após a oferta do clube londrino, outros clubes europeus também demonstraram interesse em contratar o jovem uruguaio, tais como o Chelsea da Inglaterra e o Barcelona da Espanha.

Em abril de 2015, Fede Valverde foi finalmente convidado a treinar com a equipe principal do Peñarol, pela primeira vez, junto com seus companheiros de equipe do sub-17, Santiago Bueno e Diego Rossi. Apesar disso, havia um clube que já tinha intenções mais sérias de contratar o jovem meio-campista e sendo assim, formalizou uma proposta. Nesse mesmo mês, soube-se que o Real Madrid da Espanha ofereceu 5 milhões de euros (cerca de 30,1 milhões de reais). Seguindo em frente e pegando o resto dos clubes europeus de surpresa, ele viajou para a Espanha em 12/05/2015 para realizar um check-up médico supervisionado pelo Real Madrid. O próximo passo era assinar um novo contrato profissional com Peñarol que permitiu que o clube uruguaio obtivesse renda para regularizar sua transferência para o time espanhol.

Em 23/05/2015, foi anunciado que o pré-acordo com o Real Madrid estava fechado e sendo assim, Federico Valverde ficaria no Peñarol até completar 18 anos, de acordo com os regulamentos da FIFA sobre transferências entre confederações. Ele encerrou sua etapa formativa com a conquista do Torneio Apertura de 2015, onde marcou 8 gols e foi o artilheiro da equipe.

2015-16

Depois de ingressar no time principal do Peñarol, em 16 de agosto de 2015, Pablo Bengoechea promoveu a estreia de Fede Valverde entre os titulares na estreia do time no Apertura 2015 – 1º turno do Campeonato Uruguaio – e no primeiro jogo dele como titular, vitória por 3-0 sobre o Cerro. Na rodada seguinte do Clausura, em 22/08/2015, atuou como titular novamente no empate em 2-2 com o Tanque Sisley. Vale ressaltar que Valverde não jogou os 90 minutos dos 2 jogos e depois disso, viu do banco o revés por 3-1 ante o Defensor Sporting e sequer foi relacionado para as partidas seguintes.

Após o fim do Apertura 2015, onde o Peñarol foi o campeão deste campeonato, Pablo Bengoeche deixou o comando do time uruguaio para comandar o Alianza Lima do Peru e com a saída dele, Jorge da Silva assume o comando do Peñarol.

Na estreia do novo treinador em 7 de fevereiro de 2016, estreia dos “aurinegros” no Clausura – 2º turno do Campeonato Uruguaio -, Jorge da Silva colocou Valverde em campo aos 29 minutos do segundo tempo no lugar do atacante Diego Ifrán e no primeiro jogo do meio-campista de 17 anos neste ano, triunfo do Peñarol por 2-1 sobre o Cerro.

Em 20/04/2016, em partida válida pela última rodada da fase de grupos da Copa Libertadores da América, Jorge da Silva escalou Valverde como titular pela primeira vez e no primeiro jogo do jovem meio-campista de 17 anos numa competição internacional, deu o passe para o gol de Luis Aguiar na vitória por 4-3 sobre o Sporting Cristal do Peru no estadio Campeón del Siglo, em Montevidéu. Apesar do bom resultado diante do time peruano, o Peñarol terminou em 3º lugar no grupo 4 e com isso, ficou de fora da fase de mata-mata do torneio.

Em 25/04/2016, em jogo da 9ª rodada do Clausura, Valverde foi escalado entre os titulares e no seu primeiro jogo como titular no campeonato nacional nesse ano, o Peñarol venceu o Rentistas por 3-1.

Em 08/05/2016, em partida válida pela 11ª rodada do 2º turno do Campeonato Uruguaio, Fede Valverde proveu sua segunda assistência nessa temporada – para 1 dos 2 gols de Miguel Murillo – na vitória por 3-0 sobre o Villa Teresa. Na semana seguinte, em 15/05/2016, na rodada seguinte dessa edição do Clausura, jogou seu primeiro clássico, da carreira, contra o National que acabou em um empate em 2-2 no Estadio Centenario.

Em 12/06/2016, o Peñarol decidiu o título desta edição do Campeonato Uruguaio contra o Plaza Colonia – campeão do Clausura – e após um empate em 1-1 no tempo regulamentar, os “Aurinegros” aproveitaram a expulsão de um jogador da equipe rival para vencer na prorrogação por 3-1 e conquistar o título geral do campeonato. Federico Valverde terminou sua primeira temporada como profissional com 12 partidas disputadas na primeira divisão, conquistou o título do Apertura 2015 e o campeonato uruguaio de 2015-16, além de estrear internacionalmente na Copa Libertadores.

Veja Também!  Como assistir CSA x CRB Futebol AO VIVO - Campeonato Alagoano 2020

Sua tenra idade não restringiu o interesse de outros clubes e, finalmente, ele concordou em se juntar ao Real Madrid para a próxima temporada, inicialmente jogando pelo Castilla, o afiliado do clube. Enquanto esperava para se apresentar ao novo clube, Valverde esperou atingir a maioridade para fazer parte da pré-temporada do novo clube, posteriormente viajou para a Espanha para assinar o contrato e continuar sua carreira no futebol europeu como uma das promessas do futebol sul-americano.

  • Números de Valverde na sua 1ª e única Temporada no Peñarol
Pd Gm A CA CV Mj na temporada 2015-16
13 2 1 806

Pd – Partidas disputadas; Gm – Gols marcados; A – Assistências; CA – Cartões amarelos; CV – Cartões vermelhos e Mj – Minutos jogados

Títulos que conquistou no Peñarol

  • Torneio Apertura: 2015
  • Copa Bandes 2016
  • Campeonato Uruguaio: 2015–16
  • O vídeo abaixo mostra o compacto do jogo entre Peñarol e Sporting Cristal na Libertadores 2016, ao qual Valverde proveu assistência para o primeiro gol do time uruguaio
  • Este vídeo foi publicado no YouTube em 19 de abril de 2016 por xpertowinner

 

Real Madrid Castilla

Real Madrid

2016-17

Em 28 de julho de 2016, pouco mais de uma semana depois de atingir a maioridade, seguindo o acordo com os regulamentos da FIFA em transferências internacionais, com um contrato com a equipe filial, o Real Madrid Castilla.

Em 27/08/2016, em jogo da 2ª rodada do grupo 2 da 2ª B (3ª divisão do Campeonato Espanhol), Santiago Solari – técnico do Castilla naquela época – promoveu a estreia do uruguaio ao colocá-lo em campo aos 28 minutos da segunda etapa no lugar de Jaime Seoane, porém esta foi uma estreia para se esquecer, pois o time B do Real Madrid perdeu para o Real Unión por 1-0. Na rodada seguinte da fase de grupos da 2ªB em 03/09/2016, Solari escalou Valverde entre os titulares e nesse jogo, marcou seu primeiro tento pelo novo clube na vitória por 3-2 sobre a Amorebieta no estádio Alfredo Di Stéfano (estádio do Real Madrid Castilla).

Não demorou muito para o jovem meio-campista uruguaio de 18 anos se firmar entre os titulares do Real Madrid Castilla, mas paralelamente aos jogos do time b do time merengue – Real Madrid -, também atuava nos jogos do time sub-19 na UEFA Youth League 2016-17 (Liga dos Campeões Juvenil) e por falar em time sub-19, em 14/09/2016, na estreia do Real Madrid na fase de grupos da UEFA Youth League, Fede Valverde foi um dos destaques do time no empate em 1-1 com o Sporting de Portugal ao prover assistência para o gol de Sergio Díaz. Posteriormente, o Real Madrid terminou em 1º lugar no grupo F e na fase de mata-mata, chegou até a semifinal, onde foi eliminado pelo Benfica de Portugal.

Em 17/12/2016, em jogo da 19ª rodada do grupo 2 da 2ªB, Federico marcou seu 2º tento nessa temporada no triunfo por 3-1 sobre o Albacete no Alfredo Di Stéfano.

Em 19 de fevereiro de 2017, em partida válida pela 26ª rodada da fase de grupos da 3ª divisão do Campeonato Espanhol, Valverde entrou em campo aos 2 minutos do segundo tempo no lugar de Jaime Seoane e 31 minutos depois, fez o único gol da vitória do Real Madrid Castilla sobre o Rayo Majadahonda fora de casa.

Em suma, na sua 1ª temporada na Espanha, Federico Valverde disputou 30 partidas, fez 3 gols e proveu uma assistência. Quanto ao Real Madrid Castilla, terminou em 11º lugar no grupo 2 da 2ªB e com isso, teve de ficar por mais uma temporada nessa divisão do Campeonato Espanhol.

  • Números de Valverde na sua 1ª e única Temporada no Real Madrid Castilla
Pd Gm A CA CV Mj na temporada 2016-17
36 *3 2 7 2870

* Gols marcados na 2ª B

  • O vídeo abaixo mostra os gols e assistências de Valverde com a camisa do Real Madrid Castilla
  • Este vídeo foi publicado no YouTube em 17 de maio de 2017 por Jubii

 

Deportivo La Coruña

2017-18

Apontado pela administração do Real Madrid como uma das maiores promessas do clube, decidiu-se que o melhor para o desenvolvimento de Federico Valverde era disputar partidas do mais alto nível, motivo pelo qual o jovem meio-campista uruguaio foi emprestado para outro time que disputava a La Liga – 1ª divisão do futebol espanhol – naquela época, o Deportivo La Coruña.

Depois de ver do banco o empate em 2-2 com o Levante na 2ª rodada da La Liga, em 10 de setembro de 2017, em jogo da 3ª rodada do campeonato nacional, Pepe Mel – técnico do La Coruña nessa época – promoveu a estreia de Valverde pelo novo clube quando o colocou em campo aos 19 minutos do segundo tempo no lugar de Fede Cartabia, porém esta foi uma estreia para se esquecer, pois o La Coruña foi derrotado pela Real Sociedad no seu estádio, Riazor, por 4-2.

Em 20/09/2017, em partida válida pela 5ª rodada do Campeonato Espanhol, Pepe Mel o escalou como titular pela primeira vez e na estreia do uruguaio entre os titulares, os “Branquiazuis” – Deportivo La Coruña – venceram o Deportivo Alavés por 1-0 no Riazor.

Após o revés por 2-1 diante do Girona na 9ª rodada da La Liga em 23/10/2017, Pepe Mel colocou o cargo a disposição e no dia seguinte, sua demissão foi anunciada e com a saída dele, o clube efetivou Cristóbal Parralo, até então técnico interino, como o novo treinador do Deportivo La Coruña e na estreia do novo técnico em 30/10/2017 em jogo da 10ª rodada do campeonato nacional, com Valverde atuando como titular, os “Branquiazuis” venceram o Las Palmas fora de casa por 3-1.

Após a derrota por 2-0 ante o Sevilla em 02/12/2017, em jogo da 14ª rodada da La Liga, Parralo fez algumas mudanças na tentativa de melhorar o desempenho do time e com isso, barrou Valverde da equipe titular.

Em 21 de janeiro de 2018, em partida válida pela 20ª rodada do Campeonato Espanhol, Fede Valverde sequer foi relacionado para a partida por força de contrato e depois do La Coruña levar uma “senhora goleada” do Real Madrid, perdeu por 7-1, no Santiago Bernabéu – estádio do time merengue -, a diretoria do clube optou por demitir Cristóbal Parralo e com a saída dele, no mês de fevereiro, anunciou Clarence Seedorf como novo técnico do time.

Sob o comando do novo técnico, Fede Valverde foi titular em apenas uma ocasião, na partida contra o Villarreal em 12/05/2018, em jogo da penúltima rodada (37ª) da La Liga, ao qual o time adversário venceu os “Branquiazuis” por 4-2 em pleno Riazor.

Veja Também!  Como assistir Tombense x Caldense Futebol AO VIVO - Campeonato Mineiro 2020

Em suma, na sua única temporada com a camisa dos “Branquiazuis”, Federico Valverde disputou 25 partidas. Quanto ao Deportivo La Coruña, foi eliminado na 1ª fase da Copa do Rei e terminou em 18º lugar no Campeonato Espanhol e por ter ficado entre os 3 últimos colocados do campeonato nacional, foi rebaixado para a 2ª divisão.

  • Números de Valverde na sua 1ª e única Temporada no Deportivo La Coruña
Pd Gm A CA CV Mj na temporada 2017-18
25 1316

 

  • O vídeo abaixo mostra os melhores momentos de Valverde com a camisa do Deportivo La Coruña
  • Este vídeo foi publicado no YouTube em 17 de janeiro de 2018 por LaLiga Santander

 

Real Madrid

Real Madrid

2018-19

Depois de disputar 25 partidas pelo Deportivo La Coruña na temporada anterior, Federico Valverde retornou ao Real Madrid, mas desta vez para treinar com o time principal do clube e não com o Castilla que é a equipe b do time merengue. No entanto, o meio-campista uruguaio sabia que teria de “suar” muito para ter uma vaga neste time, pois o setor no qual ele atua conta com um ótimo trio de meio-campistas: Casemiro, Luka Modrić e Toni Kroos. Além destes três, Marcos Llorente também estava disputando uma vaga nesse setor do time.

No início dessa temporada, Julen Lopetegui era o treinador do Real Madrid e apesar de ter integrado Valverde no time principal, porém só foi utilizado por este técnico em uma oportunidade, em 23 de outubro de 2018 em partida válida pela 3ª rodada da fase de grupos da Champions League (Liga dos Campeões), a qual o uruguaio entrou em campo aos 9 minutos da segunda etapa no lugar de Isco. Quanto ao resultado da partida, vitória do Real Madrid por 2-1 sobre o Viktoria Plzeň da República Checa no Santiago Bernabéu.

Após o revés por 5-1 ante o Barcelona, maior rival do time merengue, na 10ª rodada do Campeonato Espanhol em 28/10/2018, Lopetegui não resistiu a este e a outros maus resultados e em decorrência disso, acabou sendo demitido e com isso, Santiago Solari, até então técnico do Real Madrid Castilla, assume o comando do time principal do Real Madrid.

Na estreia do novo treinador em 31/10/2018, no primeiro confronto da 1ª fase da Copa do Rei, Fede Valverde entrou no lugar de Karim Benzema logo após o intervalo e sendo assim, jogou o segundo tempo da goleada por 4-0 sobre o UD Melilla fora de casa.

Em 06/12/2018, no segundo confronto contra o UD Melilla, o uruguaio jogou os 90 minutos de um jogo no qual o Real Madrid sobrou e venceu por 6-0 no Santiago Bernabéu. Esta foi a primeira vez que atuou como titular e jogou por 90 minutos pelo time principal dos “Blancos” (Real Madrid).

Uma temporada irregular do time merengue permitiu que Federico Valverde e o resto de seus colegas do meio-campo ganhassem mais minutos em campo, onde o uruguaio conseguiu ter presenças significativas que lhe permitiram se estabelecer no clube. Novamente, Federico Valverde disputou 25 partidas numa temporada, dentre as partidas que jogou, destacam-se as 4 da Liga dos Campeões antes de serem eliminados nas oitavas de final pelo Ajax da Holanda, uma competição que os “Blancos” conquistaram 3 títulos consecutivos (2015-16, 2016-17 e 2017-18), algo que não acontecia na Europa desde os anos 1970.

Ainda convém lembrar que após a eliminação nas oitavas de final, Solari foi demitido do cargo de treinador do Real Madrid e com a saída dele, o clube resolveu apostar as suas fichas em um técnico que tem uma história de grandes conquistas pelo clube tanto como jogador como técnico, trata-se de Zinedine Zidane. Apesar de não ter se saído muito bem sob o comando de Solari, ainda assim o time merengue conquistou o título do Mundial Interclubes FIFA de 2018 na época em que ele comandava o time.

  • Números de Valverde na sua 1ª Temporada no Real Madrid
Pd Gm A CA CV Mj na temporada 2018-19
25 6 1118

2019-20

Para esta temporada, agora sob o comando de Zidane, o Real Madrid fez uma pré-temporada ruim, inclusive foi goleado pelo Atlético de Madrid e depois disso, a imprensa espanhola não perdoou e fez duras críticas, mas apesar da tendência negativa que se instalou no clube após a pré-temporada, no primeiro jogo do time merengue nessa temporada, 1ª rodada da La Liga, obteve vitória por 3-1 sobre o Celta de Vigo no Balaídos (estádio do Celta).

Em 25/09/2019, em jogo da 6ª rodada da La Liga, Valverde ganhou a primeira oportunidade de iniciar entre os titulares sob o comando de Zidane nessa temporada e no seu primeiro jogo como titular, os “Blancos” venceram o Osasuna por 2-0 no Santiago Bernabéu.

Em 09/11/2019, em partida válida pela 13ª rodada do Campeonato Espanhol, o meio-campista uruguaio marcou o seu primeiro tento pelo time principal do Real Madrid na goleada por 4-0 sobre o Eibar em pleno Ipurua (estádio do Eibar). Na rodada seguinte do campeonato nacional em 23/11/2019, marcou o seu 2º e último tento até aqui no triunfo por 3-1 sobre a Real Sociedad no Santiago Bernabéu.

Apesar dos maus presságios que rondavam o clube antes do início dessa temporada, a equipe foi revitalizada com base em uma grande solidez defensiva – também criticada no início da temporada -, com o papel principal de Casemiro e Valverde e apoiada por um ataque bem-sucedido liderado por Karim Benzema que levou a equipe à classificação para a fase de mata-mata da UEFA Champions League 2019-20 e se tornar vice-líder no Campeonato Espanhol.

Em 8 de janeiro de 2020, a “renovada” Supercopa da Espanha teve início e com Valverde de titular, o time merengue venceu o Valencia por 3-1 na semifinal e sendo assim, se classificou para a final do torneio. Quatro dias depois – 12/01/2020 -, o Real Madrid enfrentou o Atlético de Madrid na final, esta foi a 17ª vez que um dérbi madrileño decidiu um título. Antes da disputa de pênaltis em que os “Blancos” venceram por 4-1 e conquistaram o título, Valverde foi o principal protagonista da partida após uma grande atuação e, principalmente, evitando uma clara oportunidade de gol que lhe custou a expulsão depois de abater Álvaro Morata quando ele estava para ficar cara a cara com Thibaut Courtois nos minutos finais do jogo. Sua atuação fez com que ele fosse eleito o “homem do jogo”, confirmando os bons passos em sua progressão no clube.

Após a primeira quinzena do mês de março, La Liga e as demais competições do futebol europeu foram paralisadas devido à pandemia do COVID-19 (Novo Coronavírus) e após um hiato de 3 meses, no primeiro jogo do Real Madrid no retorno aos gramados, em 14/06/2020 em jogo da 28ª rodada da La Liga, o Real Madrid venceu o Eibar por 2-1 no Alfredo Di Stéfano, pois o Santiago Bernabéu está passando por reformas. Vale ressaltar que Valverde jogou os minutos finais deste jogo.

Veja Também!  Como assistir Internazionale x Getafe Futebol AO VIVO - Liga Europa 2020

Em 21/06/2020, em partida válida pela 30ª rodada do Campeonato Espanhol, Fede Valverde atuou como titular e foi um dos destaques do triunfo por 2-1 sobre a Real Sociedad ao dar o passe para o gol de Benzema.

Até aqui, na sua 2ª temporada com a camisa dos “Blancos”, Federico Valverde disputou 43 partidas, fez 2 gols e proveu 5 assistências. Quanto ao Real Madrid, além de ter sido o campeão da Supercopa da Espanha, também se sagrou campeão do Campeonato Espanhol, chegou até as quartas de final da Copa do Rei e ainda tem chances de reverter a desvantagem imposta pelo Manchester City da Inglaterra nas oitavas de final da UEFA Champions League 2019-20.

  • Números de Valverde na sua 2ª e atual Temporada no Real Madrid
Pd Gm A CA CV Mj na temporada 2019-20
43 *2 5 4 1 **2707

* Gols marcados na La Liga

** a temporada 2019-20 está em andamento

Títulos que conquistou no Real Madrid

  • Mundial Interclubes da FIFA de 2018
  • La Liga 2019-20
  • Supercopa da Espanha 2019-20
  • O vídeo abaixo mostra o primeiro gol marcado por Valverde com a camisa do Real Madrid
  • Este vídeo foi publicado no YouTube em 9 de novembro de 2019 por Aurinegro World

 

Números de Federico Valverde na Seleção Uruguaia

 

Uruguai

Seleções de Base

Assim como muitos outros grandes jogadores, Federico Valverde também teve passagem pelas seleções de base do seu país e sendo assim, antes de jogar pela seleção principal do Uruguai, atuou pelas seleções sub-15, sub-17, sub-18 e sub-20 respectivamente. Inclusive, foi indicado por Néstor Gonçalves para ter chances na seleção sub-15.

Depois de marcar 11 gols em 24 partidas pela seleção sub-17, foi convocado para os jogos da seleção sub-20 pela qual disputou a Copa do Mundo FIFA Sub-20 de 2017, torneio realizado na Coreia do Sul. No mundial sub-20, o Uruguai terminou em 4º lugar e Valverde recebeu a Bola de Prata do torneio.

Seleção Principal

Em 11 de agosto de 2017, Federico Valverde foi incluído por Óscar Tabárez – técnico da seleção principal do Uruguai – na lista de suplentes. Após duas semanas, quando Tabárez anunciou a lista dos jogadores convocados para os jogos contra a Argentina e Paraguai nas Eliminatórias da Copa do Mundo FIFA de 2018, o nome de Valverde estava presente nessa lista.

Questionado por um jornalista sobre a possibilidade de jogar contra Lionel Messi, Fede deu a seguinte resposta: “Não sonho em jogar contra Leo Messi, sonho em entrar em campo ao lado de Suárez e Cavani.”

No jogo contra a Argentina em 01/09/2017, Valverde viu do banco as duas seleções empatarem em 0-0 no Estadio Centenario, em Montevidéu. Cinco dias depois, Tabárez promoveu a estreia do meia de 19 anos como titular e ele não decepcionou e logo na estreia pela seleção principal do seu país, marcou o primeiro gol da vitória por 2-1 sobre o Paraguai em Assunção, capital paraguaia. Valverde jogou seu primeiro jogo com a equipe nacional aos 19 anos e 45 dias de idade, ele usou a camisa de número 4.

Após o jogo contra o Paraguai, Federico foi convocado para os 2 últimos jogos da Seleção Uruguaia nas Eliminatórias, contra Venezuela e Bolívia respectivamente, e foi o titular nesses 2 jogos, porém em 1º de junho de 2018, quando divulgou a lista dos jogadores convocados para a disputa da Copa do Mundo de 2018 na Rússia, Tabárez não incluiu o nome do meio-campista na lista e sendo assim, Valverde ficou de fora da disputa desse mundial.

Copa América 2019

Após a eliminação nas quartas de final da Copa do Mundo, Valverde voltou a ser convocado por Tabárez para uma série de amistosos visando a preparação da Seleção Uruguaia para a disputa da Copa América 2019 no Brasil e no último amistoso disputado antes do início deste torneio, disputado em 08/06/2019, Valverde entrou no lugar de Matías Vecino logo após o intervalo e marcou o 3º gol do Uruguai na vitória por 3-0 sobre o Panamá.

Na estreia da Seleção Uruguaia nessa edição da Copa América em 17/06/2019, Fede só jogou os últimos 10 minutos da vitória por 3-0 sobre o Equador no estádio do Mineirão, em Belo Horizonte. Na rodada seguinte da fase de grupos, Valverde jogou os últimos 17 minutos do empate em 2-2 com o Japão na Arena Grêmio, em Porto Alegre. Na última rodada da fase de grupos em 25/06/2019, atuou como titular e jogou os 90 minutos da vitória por 1-0 sobre o Chile no estádio do Maracanã no Rio de Janeiro. Com um total de 7 pontos somados em 3 rodadas no grupo C, o Uruguai terminou em 1º lugar e com isso, se classificou para a fase de mata-mata desta edição da Copa América.

Nas quartas de final, o Uruguai enfrentou o Peru na Arena Fonte Nova, em Salvador, e assim como ocorreu no jogo anterior, Valverde foi o titular. Contudo, após 90 minutos sem gols, a definição da seleção classificada para a semifinal saiu nos pênaltis, onde a Seleção Peruana levou a melhor e venceu a Seleção Uruguaia por 5-4 e com isso, o Uruguai estava fora da Copa América 2019.

  • Desempenho de Valverde na Copa América 2019
Pd Gm A CA CV Mj
4 1 206

Pós-copa América

Após a eliminação ante o Peru nas quartas de final da Copa América 2019, o Uruguai disputou 6 amistosos visando sua preparação para a disputa da Copa América 2020* e aqui fica claro o destaque que Valverde vem ganhando entre os titulares, pois dos 6 amistosos disputados só não foi titular em 1 amistoso. No amistoso contra os Estados Unidos em 11/09/2019, deu o passe para o gol de Brian Rodríguez. Quanto ao resultado do jogo, empate em 1-1 com a Seleção Estadunidense.

Títulos que conquistou pela Seleção Uruguaia

  • Torneio Limoges Sub-18 2014
  • O vídeo abaixo mostra o gol marcado por Valverde na vitória por 3-0 do Uruguai no amistoso contra o Panamá
  • Este vídeo foi publicado no YouTube em 7 de junho de 2019 por The Soccerian

TOTAL

Pd Gm A CA CV Mj
20 2 1 2 1192

Prêmios individuais

  • Bola de Prata da Copa do Mundo FIFA Sub-20: 2017
  • 50 jovens promessas do futebol mundial de 2015 (The Guardian)
  • 52º melhor jovem do ano de 2017 (FourFourTwo)

Considerações Finais

Com tudo o que foi abordado nessa matéria pode-se concluir que Federico Valverde é um volante que deu mais solidez ao meio de campo do Real Madrid nessa temporada e também ao meio de campo da Seleção Uruguaia e com isso, espera-se que ele evolua ainda mais.

E para vocês? Federico Valverde é o futuro do Real Madrid e da Seleção Uruguaia? Ele será um meio-campista que num curto prazo de tempo irá colocar um dos atuais consagrados meio-campistas do Real Madrid no banco?

 
Siga o Futebol Stats também no Google Notícias, CLIQUE AQUI e em seguida aperte em "Seguir"  
 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Por favor, digite seu nome aqui