Quando cita-se um dos melhores volantes brasileiros que está atuando pelo futebol europeu neste momento, o nome de Casemiro que atualmente joga pelo Real Madrid da Espanha e também atua pela Seleção Brasileira deve ser levado em conta.

Carlos Henrique Casimiro, mais conhecido como Casemiro nasceu em 23/02/1992 em São José dos Campos, interior de São Paulo, Brasil. Antes de jogar pelo Real Madrid, ele iniciou a sua carreira nas categorias de base do São Paulo Futebol Clube. Porém, o que mais se sabe sobre ele? Por quais clubes ele jogou? Quais feitos ele atingiu até aqui?

Juvenil

Aos 3 anos de idade, Casemiro viu o pai sair de casa para nunca mais voltar e ele e a família passaram por muitos perrengues. Aos 11 anos de idade, Casemiro viu a esperança de chegar a algum lugar quando ele começou a dar os seus primeiros passos no futebol na escola de futebol Moreira em São José dos Campos, interior do estado de São Paulo. Algum tempo depois, Carlos Henrique – Casemiro – foi fazer testes no São Paulo Futebol Clube e ele obteve êxito na peneira e passou a treinar nas categorias de base do tricolor paulista, São Paulo.

 

A Carreira e os Números de Casemiro nos clubes em que jogou

 

São Paulo

sao-paulo-logo

Categorias de Base

Aos 14 anos, em 2006, Casemiro saiu da cidade de São José dos Campos e se mudou para São Paulo e para chegar até a capital paulista, ele viajava na Dutra de carona com um motoboy só para treinar, porém mesmo quando as coisas pareciam estar dando certo para Casemiro, ele contraiu uma hepatite e devido a isso, Carlos Henrique ficou fora dos treinos por 3 meses. Sozinho na capital paulista, ele viveu a angústia de estar longe da família e o medo de ser dispensado pelo clube em sua primeira chance.[1]

Em São José dos Campos, a mãe Magda quase morreu de preocupação ao saber do que estava ocorrendo. Mas a “turbulência” passou e depois de todo este ocorrido, Casemiro voltou a ser o menino saudável de antes e o São Paulo Futebol Clube cumpriu a promessa de esperar. A Hepatite fez ele criar ainda mais forças para seguir o sonho. Tanto que assim que se recuperou, ele passou a ser convocado para as seleções de base do Brasil.

Da esquerda para a direita: Casemiro e o ex-treinador das categorias de base do São Paulo, Bruno Petri

Casemiro chamou a atenção do São Paulo e da mídia após reprovar o pedido do seu empresário Giuliano Bertolucci para entrar em litígio com o tricolor paulista e assim, conseguir sua liberação do clube. Como curiosidade, o volante iniciou a carreira conhecido como “Carlão”, o seu nome no aumentativo, e, com este apelido, inclusive, ele seria convocado para a Copa do Mundo FIFA Sub-17 de 2009.

No ano seguinte (2010), Casemiro disputou a Copa São Paulo de Futebol Juniores de 2010 e nesta edição do torneio, o São Paulo foi campeão em cima do Santos no estádio do Pacaembu ao bater o adversário por 3-0 na disputa por pênaltis após o empate em 1-1 no tempo regulamentar e na prorrogação. Este foi o 3º título da história do São Paulo na Copa São Paulo de Futebol Júnior.

2010

Após ter boas atuações em três jogos-treino da equipe profissional durante a Copa do Mundo, além de ser um dos destaques na conquista do título da Copa São Paulo de Futebol Júnior 2010, o então técnico do tricolor paulista naquela época, Ricardo Gomes, promoveu Casemiro para a equipe principal do São Paulo.

Em 25 de julho de 2010, em jogo da 11ª rodada do Brasileirão – Campeonato Brasileiro -, o técnico Ricardo Gomes escalou Casemiro entre os titulares e assim sendo, ele fez a sua estreia pelo profissional do São Paulo, no entanto, o tricolor paulista foi derrotado pelo Santos pelo placar de 1-0 na Vila Belmiro – estádio do Santos – com um time recheado de reservas, pois o treinador optou por poupar o time visando a semifinal da Copa Libertadores contra o Internacional de Porto Alegre.

Posteriormente, a equipe gaúcha levou a melhor sobre o São Paulo com o critério do gol fora de casa – venceu o São Paulo por 1-0 no estádio do Beira-rio em Porto Alegre e perdeu por 2-1 no Morumbi – e se classificou para a final da Copa Libertadores da América de 2010.

Em 15/08/2010, em jogo da 14ª rodada do Brasileirão, Casemiro marcou o seu primeiro gol pelo profissional do São Paulo no empate em 2-2 com o Cruzeiro no estádio Cícero Pompeu de Toledo, mais conhecido como Morumbi.

Em 05/09/2010, em partida válida pela 19ª rodada do Brasileirão, Carlos Henrique marcou o seu segundo e último tento na sua primeira temporada como jogador profissional do São Paulo no triunfo por 3-2 sobre o Atlético-MG no Ipatingão.

Em suma, Casemiro disputou 18 partidas, fez 2 gols e proveu uma assistência. Quanto ao São Paulo, terminou em 9º lugar no Campeonato Brasileiro, foi eliminado na semifinal do Campeonato Paulista pelo Santos e chegou até as semifinais da Copa Libertadores da América sendo eliminado pelo Internacional.

  • Números de Casemiro na sua 1ª Temporada no São Paulo
Pd Gm A CA CV Mj no ano de 2010
18 *2 1 7 1235

Pd – Partidas disputadas; Gm – Gols marcados; A – Assistências; CA – Cartões amarelos; CV – Cartões vermelhos e Mj – Minutos jogados

* Gols válidos pelo Brasileirão

2011

Com a saída de Ricardo Gomes pouco tempo depois da eliminação na Libertadores 2010, quem assumiu o comando do São Paulo foi o técnico Paulo César Carpegiani e com ele, Casemiro passou a ser escalado entre os titulares do time.

Em 13 de março de 2011, em partida válida pela 13ª rodada do Campeonato Paulista, Casemiro marcou o seu primeiro gol neste ano na vitória por 3-0 sobre o Santo André.

Em 12/05/2011, no segundo confronto das quartas de final da Copa do Brasil contra o Avaí no estádio da Ressacada em Florianópolis, Carlos Henrique marcou o gol que inaugurou o placar da partida, porém a equipe catarinense virou a partida e venceu o tricolor paulista por 3-1 e com um placar agregado de 3-2, o Avaí se classificou para a fase seguinte desta competição.

Em 08/06/2011, em jogo da 3ª rodada do Brasileirão, o novo camisa 8 – Casemiro – do São Paulo marcou o gol único gol da vitória sobre o Atlético-MG fora de casa. Três dias depois, em mais uma partida válida pelo Brasileirão, Casemiro marcou um dos gols da vitória por 3-1 sobre o Grêmio no Morumbi.

Em 17/09/2011, em confronto válido pela 24ª rodada do Campeonato Brasileiro, Casemiro marcou um dos gols na goleada por 4-0 sobre o Ceará e além de ter feito 1 gol nesta partida, ele também deu o passe para o lateral paraguaio Iván Piris marcar o gol dele no jogo.

Em suma, na sua 2ª temporada como jogador profissional do São Paulo, Carlos Henrique disputou 40 partidas, fez 6 gols e proveu 6 assistências. Quanto ao tricolor paulista, terminou em 6º lugar no Campeonato Brasileiro, foi eliminado na semifinal do Campeonato Paulista pelo Santos pelo segundo ano seguido, chegou até as quartas-de-finais da Copa do Brasil e também chegou até as oitavas-de-finais da Copa Sul-Americana.

  • Números de Casemiro na sua 2ª Temporada no São Paulo
Pd Gm A CA CV Mj no ano de 2011
40 *6 6 10 2711

* 6 gols dos quais 4 foram pelo Brasileirão, 1 pela Copa do Brasil e 1 pelo Paulistão

2012

Casemiro celebrando o gol que marcou na vitória do São Paulo por 2-0 sobre o Mogi Mirim

Em 18 de março de 2012, em jogo da 14ª rodada do Paulistão, Casemiro marcou o seu primeiro tento nesta temporada na vitória por 3-2 sobre o Santos no estádio do Morumbi. Três semanas depois, em mais uma partida válida pelo Campeonato Paulista, o camisa 8 marcou um dos gols do triunfo por 2-0 sobre o Mogi Mirim.

Em 10/05/2012, no segundo confronto das oitavas de final da Copa do Brasil contra a Ponte Preta de Campinas, Casemiro marcou o seu último tento com a camisa do São Paulo na vitória por 3-1 sobre o time de Campinas e com um placar agregado de 3-2, o tricolor paulista avançou para as quartas de final desta competição. Posteriormente, o São Paulo passou pelo Goiás nas quartas-de-finais, porém foi eliminado pelo Coritiba na semifinal da Copa do Brasil de 2012.

Apesar do bom início na equipe principal do São Paulo, Casemiro alternou bons e maus momentos. Quem conviveu com ele naquela época reconhece que o universo que se abriu para ele mexeu com a cabeça. Casemiro se deslumbrou. É ao menos o que pensa o diretor executivo de futebol do São Paulo, Marco Aurélio Cunha.

Um dos piores momentos da carreira dele, também ocorreu neste ano, pois ele teve de lidar com rótulos – um deles era de Casemarra -, a torcida que pegava no pé, a desconfiança por parte da diretoria do clube, para resumir, tudo isso abalou o jovem de apenas 20 anos naquele instante. Hoje, o próprio clube – o São Paulo – reconhece que não soube lidar com o jovem atleta que estava em um processo natural de amadurecimento. Mesmo com a saída de Emerson Leão e a chegada do técnico Ney Franco, com o qual ele e o Lucas Moura (companheiro de clube) foram campeões do Sul-Americano Sub-20, ele já não tinha muito espaço na equipe.

Em suma, na sua 3ª temporada no São Paulo, Casemiro disputou 50 jogos, fez 3 gols e proveu uma assistência. Quanto ao São Paulo, diferentemente dos anos anteriores, desta vez o clube conquistou um título, a Copa Sul-Americana 2012. Pelo Campeonato Brasileiro, o tricolor paulista terminou em 4º lugar, no Campeonato Paulista eliminado nas semifinais pelo Santos novamente e chegou até as semifinais da Copa do Brasil 2012.

  • Números de Casemiro na sua 3ª Temporada no São Paulo
Pd Gm A CA CV Mj no ano de 2012
50 *3 1 12 1 2702

* 3 gols dos quais 2 foram pelo Paulistão e 1 pela Copa do Brasil

2013

Antes de ser emprestado para o Real Madrid da Espanha, Casemiro jogou 3 partidas com a camisa do São Paulo, a sua última partida pelo tricolor paulista foi no dia 30 de janeiro de 2013, em um jogo válido pela Pré-Libertadores, ao qual o São Paulo perdeu para o Bolívar da Bolívia por 4-3, mas mesmo com este revés, por ter vencido o primeiro jogo por 5-0 no Morumbi, o tricolor paulista conseguiu se classificar para a fase de grupos da Copa Libertadores da América de 2013.

  • Números de Casemiro na sua 4ª e última Temporada no São Paulo
Veja Também!  Como assistir Brasil x Paraguai AO VIVO – Campeonato Sul-Americano SUB-17 2019
Pd Gm A CA CV Mj no ano de 2013
3 124

 

Títulos que conquistou no São Paulo

  • Copa São Paulo de Futebol Juniores 2010
  • Copa Sul-Americana 2012
  • O vídeo abaixo mostra todos os gols que Casemiro marcou com a camisa do São Paulo
  • Este vídeo foi publicado no YouTube em 16 de junho de 2017 por SPFC 1930

 

Real Madrid

Real Madrid

2012-13

Em 31 de janeiro de 2013, Casemiro foi emprestado pelo São Paulo para a equipe B do Real Madrid – Real Madrid Castilla -, até o fim da temporada com opção de compra.

Em 05/02/2013, o jovem volante foi promovido para a equipe principal dos “Los Blancos ” – Real Madrid -, porém, mesmo inscrito na segunda fase da Liga dos Campeões continuou atuando pelo time B do clube espanhol.

Em 16/02/2013, em jogo da 26ª rodada da La Liga2 – 2ª divisão do futebol espanhol -, Casemiro fez a sua estreia pelo Real Madrid B contra o Sabadell, onde o Real Madrid Castilla perdeu por 3-1. Casemiro fez a sua estreia como titular, sendo substituído aos 12  minutos da segunda etapa e mesmo com a derrota, o jovem volante brasileiro foi elogiado pelo técnico Alberto Toril.

Inicialmente, Casemiro havia sido contratado para atuar apenas pelo Real Madrid Castilla, mas o técnico que comandava a equipe principal dos merengues nesta temporada – o português José Mourinho – o promoveu para o time principal e assim sendo, além de Casemiro ter sido relacionado para o jogo diante do Real Bétis em 20/04/2013 – partida válida pela 32ª rodada da La Liga (Campeonato Espanhol) -, ele jogou os 90 minutos deste jogo, ao qual o Real Madrid venceu por 3-1. Ao fazer a sua estreia pela equipe principal dos “Los Blancos”, Casemiro se tornou o 22º jogador brasileiro a atuar pelo Real Madrid.

Após o jogo contra o Bétis, o volante brasileiro voltou a atuar pelo time B dos Merengues e em 02/06/2013, em jogo da penúltima rodada (41ª) da La Liga2, ele marcou o seu único gol pelo Real Madrid Castilla na goleada por 4-0 sobre o Alcorcón. Uma semana depois – em 10/06/2013 -, o Real Madrid confirmou a compra do jovem volante brasileiro. Casemiro assinou um vínculo de 4 temporada com os “Los Blancos”. Estima-se que o Real Madrid tenha desembolsado 6 milhões de euros (o equivalente a 25,5 milhões de reais) para ficar com ele em definitivo.

  • Números de Casemiro na sua 1ª Temporada no Real Madrid
Pd Gm A CA CV Mj na temporada 2012-13
16 *1 7 1296

* Gol válido pela La Liga2

2013-14

Após comandar o Real Madrid na temporada anterior, José Mourinho não era mais o técnico dos “Merengues” e com a saída dele, quem assume o comando da equipe madrilenha é o italiano Carlo Ancelotti.

Em 18 de agosto de 2013, na estreia do Real Madrid na La Liga, Casemiro entrou na partida aos 11 minutos do segundo tempo no lugar de Sami Khedira. Quanto ao jogo, o Real Madrid venceu por 2-1. Nos 2 jogos seguintes do Campeonato Espanhol, contra o Granada e contra o Athletic Bilbao respectivamente, mas vale ressaltar que ele ainda não era um dos titulares do time, portanto ele sempre entrava no decorrer das partidas.

Em 27/11/2013, em partida válida pela 5ª rodada da fase de grupos da UEFA Champions League – Liga dos Campeões -, pela primeira vez desde que Ancelotti assumiu o comando dos Merengues, Casemiro iniciou um jogo entre os titulares; um jogo no qual o Real Madrid venceu o Galatasaray da Turquia por 4-1 no Santiago Bernabéu, estádio dos “Los Blancos”.

Em 07/12/2013, em confronto válido pela 4ª fase da Copa do Rei, o volante brasileiro iniciou mais uma partida entre os titulares diante do Olímpic Xàtiva, ao qual as duas equipes ficaram no empate em 0-0. No segundo confronto entre as duas equipes em 18/12/2013, ele foi escalado entre os titulares novamente e os Merengues venceram por 2-0.

Além destes jogos citados, Casemiro também jogou algumas partidas da fase de mata-mata da UEFA Champions League 2013-14, mas não era um dos titulares.

Em 11 de maio de 2014, em jogo da penúltima (37ª) rodada da La Liga, o brasileiro foi escalado pela última vez entre os titulares antes de ser emprestado para o Porto de Portugal. Quanto ao jogo, os “Los Blancos” foram derrotados por 2-0 pelo Celta de Vigo.

Em suma, na sua 1ª temporada na equipe principal do Real Madrid, o brasileiro disputou 25 partidas e proveu uma assistência. Quanto ao Real Madrid, terminou o Campeonato Espanhol em 3º lugar, mas em compensação, os Merengues foram os campeões da Copa do Rei 2013-14 e também foram campeões da UEFA Champions League 2013-14.

Por falar em título da UEFA Champions League, o Real Madrid fez o seguinte trajeto até o título> somou 16 pontos – 5 vitórias e 1 empate – em um grupo que contava com o Copenhague da Dinamarca, a Juventus da Itália e o Galatasaray da Turquia, depois eliminou o Schalke 04 da Alemanha nas oitavas-de-finais, em seguida eliminou o Borussia Dortmund da Alemanha nas quartas-de-finais, depois de eliminar duas equipes alemãs ainda havia uma última equipe alemã, o Bayern de Munique, e novamente os Merengues levaram a melhor e por último, o Real Madrid venceu o rival Atlético de Madrid na final da UEFA Champions League 2013-14 por 4-1 na prorrogação.

  • Números de Casemiro na sua 2ª Temporada no Real Madrid
Pd Gm A CA CV Mj na temporada 2013-14
25 1 3 657

 

Porto

2014-15

Em 19 de julho de 2014, Casemiro foi emprestado pelo Real Madrid para o Porto de Portugal, mas convém lembrar que era um empréstimo de uma temporada e além disso, no caso do Porto decidir comprar o brasileiro, os Merengues teriam a opção de recompra.

Em 27/07/2014, o volante brasileiro fez a sua estreia com a camisa do Porto em um amistoso contra o Saint-Étienne da França.

Em 15/08/2014, na estreia dos Dragões – Porto – na Primeira Liga – Campeonato Português – contra o Marítimo, Casemiro fez a sua estreia oficial pelo seu novo clube quando o técnico Julen Lopetegui colocou ele no lugar de Héctor Herrera aos 12 minutos da segunda etapa. Quanto ao jogo, o Porto levou a melhor e venceu por 2-0. Cinco dias depois, no primeiro confronto da fase de play-off da Liga dos Campeões, Lopetegui o escalou entre os titulares e os Dragões venceram o Lille por 1-0 em solo francês. No segundo confronto entre a equipe portuguesa e a francesa no Estádio do Dragão em Portugal, o volante brasileiro foi mais uma vez escalado entre os titulares e o Porto venceu o Lille novamente, desta vez por 2-0.

Em 25/10/2014, em jogo da 8ª rodada da Primeira Liga, Casemiro marcou o seu primeiro tento com a camisa do seu novo clube na goleada por 5-0 sobre o Arouca em pleno Estádio Municipal de Arouca.

Em 3 de janeiro de 2015, em partida válida pela 15ª rodada da Primeira Liga, o brasileiro marcou o seu segundo gol com a camisa do Porto na goleada por 5-1 sobre o Gil Vicente.

Em 07/02/2015, em jogo da 20ª rodada do Campeonato Português, Casemiro marcou o seu último tento neste campeonato na vitória por 2-0 sobre o Moreirense como visitante.

Em 10/03/2015, no segundo confronto das oitavas de final da UEFA Champions League, o volante brasileiro marcou o seu último tento com a camisa do Porto na goleada por 4-0 sobre o Basel da Suíça no estádio do Dragão e com um placar agregado de 5-1, a equipe portuguesa se classificou para a fase seguinte do torneio, onde foi eliminada pelo Bayern de Munique da Alemanha por um placar agregado de 7-4; o Porto venceu o primeiro confronto por 3-1 em Portugal e perdeu o segundo confronto na Alemanha por 6-1.

Em suma, enquanto esteve emprestado para o Porto, Casemiro jogou 41 partidas, fez 4 gols e proveu 3 assistências. Quanto aos Dragões, foram eliminados nas quartas de final da UEFA Champions League, eliminados na 3ª fase da Taça de Portugal e também foram eliminados nas semifinais da Taça da Liga e por fim, terminaram o Campeonato Português em 2º lugar, atrás apenas do Benfica.

  • Números de Casemiro na sua 1ª e única Temporada no Porto
Pd Gm A CA CV Mj na temporada 2014-15
41 *4 3 16 3255

* 4 gols dos quais 3 foram pela Primeira Liga e 1 pela UEFA Champions League

  • O vídeo abaixo mostra todos os gols de Casemiro com a camisa do Porto na temporada 2014-15
  • Este vídeo foi publicado no YouTube em 30 de maio de 2016 por Golos PT

 

Real Madrid

Real Madrid

2015-16

Em 5 de junho de 2015, o Real Madrid comunicou uma nota no seu site oficial anunciando que exerceu a opção do resgate dos direitos federativos de Casemiro assim que o Porto decidira pagar os 15 milhões de euros para ficar com ele em definitivo, conforme o contrato, porém o Real Madrid pagou 7,5 milhões de euros exercendo assim a sua opção de recompra, mantendo o volante brasileiro na capital espanhola, Madrid.

Com a saída de Ancelotti do comando dos “Merengues”, quem assumiu o comando da equipe foi o técnico Rafa Benítez. Logo no seu primeiro jogo – em 29 de agosto de 2015 -, após defender o Porto por uma temporada, Casemiro entrou aos 20 minutos do segundo tempo no lugar de Toni Kroos e deu o passe para Gareth Bale marcar o quinto gol do Real Madrid na partida, a qual “Los Blancos” golearam o Bétis por 5-0 em jogo válido pela 2ª rodada da La Liga.

Veja Também!  Como assistir Brasil x Paraguai AO VIVO – Campeonato Sul-Americano SUB-17 2019

Desde a volta de Casemiro ao Real Madrid, ele tornou-se uma das peças fundamentais no esquema tático dos “Blancos”. Com a saída de Benítez e a chegada de Zidane que antes de assumir a equipe principal do Real Madrid, comandou o time B dos Merengues, isso ficou ainda mais evidente, sendo considerado o equilíbrio da equipe e um jogador insubstituível.

Em 13 de março de 2016, em jogo da 29ª rodada do Campeonato Espanhol, Casemiro marcou o seu único tento nesta temporada na vitória dos Merengues por 2-1 sobre o Las Palmas no Estádio de Gran Canaria, estádio da equipe adversária.

Além disso tudo, Casemiro também jogou quase todas as partidas do Real Madrid na UEFA Champions League 2015-16, torneio no qual o Real Madrid se sagrou campeão e a trajetória dos Merengues até o título foi a seguinte> os “Blancos” somaram 16 pontos – 5 vitórias e 1 empate – em um grupo que contava com o Malmö da Suécia, o Paris Saint-Germain da França e o Shakhtar Donetsk da Ucrânia. Por ter conquistado 16 pontos em 6 rodadas, o Real Madrid terminou em 1º lugar neste grupo.

Nas oitavas de final, os Merengues enfrentaram a Roma da Itália e com um placar agregado de 4-0 – o Real Madrid venceu a equipe italiana por 2-0 nos 2 confrontos -, os “Blancos” se classificaram para a fase seguinte da UEFA Champions League.

Nas quartas de final, o Real Madrid enfrentou o Wolfsburg da Alemanha e depois de perder o primeiro confronto por 2-0, os Merengues reverteram essa desvantagem no Santiago Bernabéu vencendo a equipe alemã por 3-0 e com um placar agregado de 3-2, os “Blancos” se classificaram para as semifinais da UEFA Champions League 2015-16.

Na semifinal, o Real Madrid enfrentou o Manchester City da Inglaterra e após o empate em 0-0 no Etihad Stadium na Inglaterra, os Merengues venceram o segundo confronto por 1-0 e com isso, se classificaram para a final desta edição da Liga dos Campeões.

O adversário do Real Madrid na final da UEFA Champions League 2015-16 era um “velho conhecido”, o Atlético de Madrid. A disputa do título desta edição da Liga dos Campeões teve como palco o Estádio Giuseppe Meazza em Milão, na Itália. Após um empate em 1-1 no tempo regulamentar, este mesmo placar se repetiu na prorrogação e assim sendo, as duas equipes tiveram de decidir o título na disputa por pênaltis e os Merengues levaram a melhor e venceram por 5-3.

Casemiro segurando o troféu da UEFA Champions League 2015-16

Em suma, no seu retorno ao Real Madrid, Casemiro disputou 35 partidas, fez 1 gol e proveu 4 assistências. Quanto ao Real Madrid, além de ter sido o campeão da UEFA Champions League 2015-16, os Merengues terminaram em 2º lugar no Campeonato Espanhol.

  • Números de Casemiro na sua 3ª Temporada no Real Madrid
Pd Gm A CA CV Mj na temporada 2015-16
35 *1 4 10 2538

* Gol válido pela La Liga

2016-17

No primeiro jogo do Real Madrid na temporada 2016-17 em 9 de agosto de 2016, Casemiro e os companheiros iniciaram esta temporada celebrando a conquista do título da Supercopa da UEFA de 2016 depois de vencer o Sevilla por 3-2 na prorrogação.

Em 7 de janeiro de 2017, em jogo da 17ª rodada da La Liga, o camisa 14 do Real Madrid – Casemiro – marcou o seu primeiro tento nesta temporada na goleada por 5-0 sobre o Granada.

Em 15/02/2017, no primeiro confronto das oitavas de final da UEFA Champions League contra o Napoli da Itália, o volante brasileiro marcou um dos gols na vitória por 3-1 sobre a equipe italiana.

Em 23/04/2017, em jogo da 33ª rodada da La Liga, Casemiro marcou um dos gols dos “Blancos” no “El Clásico” – clássico entre Real Madrid e Barcelona -, porém mesmo com o camisa 14 marcando um gol neste jogo, o Real Madrid foi surpreendido e derrotado por 3-2 em pleno Santiago Bernabéu. Três dias depois, em mais uma partida válida pela La Liga, Casemiro marcou um dos gols na goelada dos Merengues por 6-2 sobre o Deportivo La Coruña fora de casa.

Em 03/06/2017, na final da UEFA Champions League 2016-17 no Millennium Stadium em Cardiff, no País de Gales, “Casemito” marcou um dos gols da vitória do Real Madrid por 4-1 sobre a Juventus da Itália e com isso, pela segunda temporada consecutiva, os Merengues eram os campeões de uma edição de Liga dos Campeões. A trajetória do Real Madrid até o seu 12º título desta competição foi a seguinte> o Real Madrid somou 12 pontos – 3 vitórias e 3 empates – em um grupo que contava com o Borussia Dortmund da Alemanha, o Legia Varsóvia da Polônia e o Sporting de Portugal. Apesar de ter somado o mesmo número de pontos que o Borussia Dortmund, pelo critério do saldo de gols, a equipe alemã ficou com o 1º lugar do grupo e desta vez, os “Blancos” se classificaram, mas terminaram em 2º lugar no grupo.

Nas oitavas de final, o Real Madrid enfrentou o Napoli da Itália e com um placar agregado de 6-2 – venceu os 2 confrontos por 3-1 -, os “Blancos” se classificaram para a fase seguinte da competição.

Nas quartas de final, os Merengues enfrentaram o Bayern de Munique e com um placar agregado de 6-3 – o Real Madrid venceu o primeiro confronto por 2-1 na Alemanha e venceu o segundo por 4-2 no Santiago Bernabéu na prorrogação -, o time espanhol se classificou para a fase seguinte.

Nas semifinais, o Real Madrid se deparou novamente com o mesmo time com o qual enfrentou nas finais da Liga dos Campeões 2013-14 e 2015-16, o Atlético de Madrid. No primeiro confronto do “dérbi madrileño”, o Real levou a melhor e venceu por 3-0. Porém, o Atleti levou a melhor no segundo confronto e venceu por 2-1, mas no agregado, o Real Madrid levou a melhor – 4-2 – e com isso, se classificou para a final da UEFA Champions League 2016-17.

Como já foi dito acima, o Real Madrid venceu a Juventus da Itália na final por 4-1 e pela segunda temporada seguida, os Merengues eram os campeões da UEFA Champions League.

Em suma, na sua 4ª temporada defendendo o Real Madrid, o brasileiro disputou 42 jogos, fez 6 gols, sendo um destes gols marcados em uma final de Liga dos Campeões e proveu 4 assistências. Além de ter sido o campeão da UEFA Champions League 2016-17, o Real Madrid conquistou mais 3 títulos nesta temporada; a Supercopa da UEFA de 2016, Mundial Interclubes da FIFA 2016 e também a La Liga 2016-17.

  • Números de Casemiro na sua 4ª Temporada no Real Madrid
Pd Gm A CA CV Mj na temporada 2016-17
42 *6 4 15 3313

* 6 gols dos quais 4 foram pela La Liga e 2 pela UEFA Champions League

2017-18

No primeiro jogo do Real Madrid na temporada 2017-18 em 8 de agosto de 2017, Casemiro marcou um dos gols no triunfo por 2-1 sobre o Manchester United da Inglaterra e com esta vitória, os Merengues iniciaram esta temporada celebrando o título da Supercopa da UEFA 2017.

Em 20/08/2017, na estreia do Real Madrid na La Liga 2017-18, o camisa 14 marcou um dos gols do triunfo dos “Blancos” por 3-0 sobre o Deportivo La Coruña como visitante.

Em 05/11/2017, em jogo da 11ª rodada da La Liga, o volante brasileiro marcou o seu terceiro tento na temporada na vitória por 3-0 sobre o Las Palmas no Santiago Bernabéu.

Em 6 de março de 2018, no segundo confronto das oitavas de final da UEFA Champions League, Casemiro marcou um dos gols do triunfo por 2-1 sobre o Paris Saint-Germain em pleno Parc des Princes em Paris, na França.

Em 15/04/2018, em partida válida pela 32ª rodada da La Liga, o camisa 14 marcou o seu último tento nesta temporada na vitória por 2-1 sobre o Málaga.

Nesta mesma temporada, pela 3ª vez consecutiva, o Real Madrid chegou em uma final de Liga dos Campeões e mais uma vez, os “Blancos” conquistaram o título do torneio. A trajetória do Real Madrid até o título foi a seguinte> na fase de grupos, o Real Madrid somou 13 pontos – 4 vitórias, 1 empate e uma derrota – em um grupo que contava com o Tottenham da Inglaterra, o Borussia Dortmund da Alemanha e o APOEL Nicosia do Chipre, porém mesmo somando 13 pontos, os Merengues terminaram em 2º lugar no grupo, pois quem ficou com o 1º lugar do grupo foi o Tottenham.

Nas oitavas de final, o Real Madrid enfrentou o Paris Saint-Germain da França e com um placar agregado de 5-2 – vitórias por 3-1 no Santiago Bernabéu e por 2-1 no Parc des Princes -, os “Blancos” se classificaram para a fase seguinte do torneio.

Nas quartas de final, o Real Madrid e a Juventus se reencontraram após a final da UEFA Champions League 2016-17 e quando pensava-se que os Merengues já estavam classificados após vencer a equipe italiana por 3-0 em Turim, os Merengues jogaram sem o zagueiro Sergio Ramos que estava suspenso devido ao terceiro cartão amarelo e com isso, Zidane colocou o Casemiro para fazer a função dele no segundo jogo em Madrid e os Merengues foram surpreendidos no Santiago Bernabéu e perderam por 3-1, mas mesmo assim, obtiveram a classificação para a semifinal da UEFA Champions League.

Nas semifinais, os “Blancos” enfrentaram o Bayern de Munique e com um placar agregado de 4-3 – vitória por 2-1 em Munique e um empate em 2-2 no Santiago Bernabéu -, o time espanhol se classificou para a final da UEFA Champions League 2017-18.

Em 26/05/2018, o Real Madrid e o Liverpool se enfrentaram na final da UEFA Champions League 2017-18 em Kiev na Ucrânia e os Merengues levaram a melhor e venceram por 3-1.

Casemiro segurando o troféu da UEFA Champions League 2017-18

Em suma, na sua 5ª temporada defendendo o Real Madrid, Casemiro disputou 48 partidas, fez 7 gols e proveu 3 assistências. Quanto aos Merengues, além do título da Liga dos Campeões, também foram campeões da Supercopa da UEFA 2017, campeões do Mundial Interclubes da FIFA de 2017, campeões da Supercopa da Espanha de 2017 e terminaram a La Liga 2017-18 em 3º lugar.

  • Números de Casemiro na sua 5ª Temporada no Real Madrid
Pd Gm A CA CV Mj na temporada 2017-18
48 *7 3 13 3945
Veja Também!  Como assistir Brasil x Paraguai AO VIVO – Campeonato Sul-Americano SUB-17 2019

* 7 gols dos quais 5 foram pela La Liga, 1 pela Supercopa da UEFA e 1 pela UEFA Champions League

  • O vídeo abaixo mostra 14 dos 18 gols que Casemiro marcou com a camisa do Real Madrid
  • Este vídeo foi publicado no YouTube em 14 de agosto de 2018 por Shawccer TV

2018-19

Com a saída de Zinedine Zidane do comando do Real Madrid após a conquista da “tridecima” – 13º título da UEFA Champions League -, quem assumiu o comando dos “Blancos” foi um técnico que já havia trabalho com o Casemiro no Porto na temporada 2014-15, Julen Lopetegui.

Diferentemente das temporada anteriores, as quais o Real Madrid iniciou as temporadas de 2016-17 e 2017-18 conquistando o título da Supercopa da UEFA, desta vez os Merengues perderam o título para o Atlético de Madrid em um jogo no qual foram derrotados pelo placar de 4-2 na prorrogação.

Em 7 de novembro de 2018, em partida válida pela 4ª rodada da fase de grupos da UEFA Champions League, com o novo treinador – Santiago Solari -, pois Lopetegui não resistiu aos maus resultados no início da temporada, Casemiro marcou o seu primeiro tento nesta temporada na goleada por 5-0 sobre o Viktoria Plzeň da República Tcheca.

Em 19 de janeiro de 2019, em jogo da 20ª rodada da La Liga, o brasileiro marcou o seu primeiro gol neste campeonato na vitória por 2-0 sobre o Sevilla.

Em 09/02/2019, em jogo da 23ª rodada do Campeonato Espanhol, o camisa 14 marcou o seu terceiro tento nesta temporada na vitória por 3-1 dos “Blancos” no “dérbi madrileño”. Uma semana depois, em mais uma partida válida pela La Liga, Casemiro marcou o único gol do Real Madrid na derrota por 2-1 para o Girona em pleno Santiago Bernabéu.

Até aqui, Casemiro disputou 32 jogos e fez 4 gols.

  • Números de Casemiro na sua 6ª e atual Temporada no Real Madrid
Pd Gm A CA CV Mj na temporada 2018-19
32 *4 5 **2315

* 4 gols dos quais 3 foram pela La Liga e 1 pela UEFA Champions League

** esta temporada ainda está em andamento

Títulos que conquistou no Real Madrid

  • La Liga 2016-17
  • Copa do Rei 2013-14
  • Supercopa da Espanha 2017
  • UEFA Champions League 2013-14, 2015-16, 2016-17 e 2017-18
  • Supercopa da UEFA 2016 e 2017
  • Mundial Interclubes da FIFA 2016, 2017 e 2018
Os Números de Casemiro na Seleção Brasileira

 

Brasil

Seleções de Base

Assim como muitos outros grandes jogadores, Casemiro também teve passagem pelas seleções de base do Brasil. Em 2009, o volante das categorias de base do São Paulo Futebol Clube jogou pela seleção sub-17 o Campeonato Sul-Americano Sub-17 2009 no Chile e em 09/05/2009, após um empate em 2-2 no tempo regulamentar e também na prorrogação, o Brasil venceu a Argentina na disputa por pênaltis 6-5.

Em 2011, no Campeonato Sul-Americano Sub-20, competição na qual o Brasil foi o campeão e o até então jogador do São Paulo marcou 3 gols no campeonato e assim sendo, ao lado de Willian José, ele foi o terceiro jogador que mais marcou gols pela Seleção Brasileira nesta campeonato, ficando atrás apenas de Neymar que marcou 9 gols e do seu companheiro de clube, Lucas Moura que marcou 4 gols. Por ser o campeão do Campeonato Sul-Americano Sub-20 de 2011 sob o comando do seu futuro treinador no São Paulo – Ney Franco -, o Brasil se classificou para a Copa do Mundo FIFA Sub-20 de 2011 que realizar-se-ia na Colômbia.

Em 29/07/2011, o Brasil fez a sua estreia na fase de grupos da Copa do Mundo Sub-20 vencendo o Egito por 1-0. Posteriormente, o Brasil venceu a Áustria por 3-0 e por último, venceu o Panamá por 4-0.

Na fase de mata-mata da Copa do Mundo FIFA Sub-20 de 2011, o Brasil eliminou a Arábia Saudita nas oitavas-de-finais, depois eliminou a Espanha nas quartas-de-finais, venceu o México nas semifinais e por último, conquistou o título deste torneio derrotando Portugal pelo placar de 3-2.

Seleção Principal

Em 15/09/2011, no primeiro confronto contra a Argentina no Superclássico das Américas, ao qual as duas seleções ficaram no empate em 0-0, Casemiro jogou os últimos minutos da partida – substituiu Paulinho aos 43 minutos da segunda etapa – e assim sendo, mesmo que tenha ficado por pouco tempo em campo, ele fez a sua estreia pela Seleção Principal do Brasil. Posteriormente, no segundo confronto contra a Argentina, ele viu do banco a Seleção Brasileira vencer a seleção argentina por 2-0 no Estádio do Mangueirão em Belém, capital do Pará. Posteriormente, ele voltou a ser convocado por Mano Menezes para alguns amistosos em 2012, entretanto, ele ainda não era o titular da seleção, sempre entrava no decorrer dos jogos.

Copa América 2015

Após o amistoso contra a Argentina em 9 de junho de 2012, Casemiro ficou ausente por 2 anos da Seleção Brasileira e em 12 de novembro de 2014, em um amistoso contra a Turquia, ele voltou a jogar com a camisa da “seleção canarinho” (Brasil) em um jogo no qual o Brasil venceu a Turquia por 4-0.

Ao anunciar os nomes dos jogadores convocados para a disputa da Copa América de 2015 no Chile, Dunga incluiu o nome de Casemiro nesta lista e apesar de ter convocado o volante do Real Madrid que estava emprestado para o Porto, ele só “esquentou o banco” nesta edição da Copa América na qual o Brasil somou 6 pontos na fase de grupos e acabou sendo eliminado pelo Paraguai na disputa por pênaltis.

  • Desempenho de Casemiro na Copa América 2015
Pd Gm A CA CV Mj nesta Copa América
 00  0  0 00

Copa América Centenário 2016

Com a confiança de Zinedine Zidane no Real Madrid, Casemiro também ganhou a confiança de Dunga na Seleção Brasileira e na estreia na Copa América Centenário nos Estados Unidos, ele iniciou a partida contra o Equador entre os titulares e as duas seleção ficaram no empate em 0-0. Na partida seguinte da fase de grupos desta edição da Copa América, Casemiro jogou entre os titulares novamente e o Brasil goleou o Haiti por 7-1. Devido aos cartões amarelos nos 2 primeiros jogos, Casemiro não pôde jogar a partida da última rodada desta fase de grupos e o Brasil perdeu para o Peru por 1-0 e assim sendo, além da eliminação neste torneio, também houve uma troca no comando técnico da Seleção Brasileira; sai Dunga e entra Adenor Leonardo Bacchi, o Tite.

  • Desempenho de Casemiro na Copa América Centenário
Pd Gm A CA CV Mj nesta Copa América
 2  0  2 152

Copa do Mundo FIFA de 2018

Depois da saída de Dunga, a Seleção Brasileira retomou a confiança e terminou as Eliminatórias para a Copa do Mundo FIFA de 2018 em 1º lugar.

Em 14 de maio de 2018, Tite anunciou os nomes dos 23 jogadores convocados para a disputa da Copa do Mundo FIFA de 2018 na Rússia e o nome de Carlos Henrique estava nesta lista.

Em 17/06/2018, o Brasil fez a sua estreia nesta edição da Copa do Mundo contra a Suíça e além do empate em 1-1, uma estreia da qual se esperava mais, Casemiro recebeu o seu primeiro cartão amarelo na competição. Cinco dias depois, o Brasil enfrentou a Costa Rica e a desta vez, a Seleção Brasileira venceu a seleção costarriquenha por 2-0. No último jogo da fase de grupos desta Copa, o Brasil enfrentou a Sérvia e repetiu o placar da partida anterior, vitória por 2-0 e com a soma dos 7 pontos e um saldo de gols melhor do que o da seleção suíça, a Seleção Brasileira terminou a fase de grupos em 1º lugar.

Nas oitavas de final, o Brasil enfrentou o México e depois de um primeiro tempo “truncado”, a Seleção Brasileira se sobressaiu no segundo tempo e venceu por 2-0, porém neste mesmo jogo, Casemiro recebeu o seu segundo cartão amarelo e devido a isso, ele foi suspenso para o jogo da fase seguinte, ao qual a sua ausência foi sentida e o Brasil perdeu para a Bélgica pelo placar de 2-1 e assim sendo, o sonho da conquista do hexacampeonato teve de ser adiado para a Copa do Mundo de 2022.

  • Desempenho de Casemiro na Copa do Mundo FIFA de 2018
Pd Gm A CA CV Mj nesta Copa
 4  0  2 330

Pós-Copa do Mundo

Após a eliminação nas quartas-de-finais da Copa do Mundo FIFA de 2018 diante da Bélgica, a Seleção Brasileira jogou 4 partidas e em uma delas, contra a Argentina, o Brasil venceu por 1-0 e com isso se sagrou campeão do Superclássico das Américas 2018.

Títulos que conquistou na Seleção Brasileira

  • Campeonato Sul-Americano Sub-17 2009
  • Campeonato Sul-Americano Sub-20 2011
  • Copa do Mundo FIFA Sub-20 de 2011
  • Superclássico das Américas 2011 e 2018
  • O vídeo abaixo mostra os melhores lances de Casemiro em um dos jogos da Copa do Mundo FIFA de 2018
  • Este vídeo foi publicado no YouTube em 1 de julho de 2018 por ALL SOCCER BR

Total

Pd Gm A CA CV Mj
32 1 6 2076
Prêmios individuais
  • Melhor volante do Campeonato Brasileiro de Futebol em 2011 – Troféu Armando Nogueira
  • 53º melhor jogador do ano de 2016 (The Guardian)
  • Seleção da Liga dos Campeões da UEFA 2016-17 e 2017-18

Considerações Finais

Com base em todos os dados e números analisados até aqui, pode-se concluir que Casemiro iniciou a sua carreira no São Paulo jogando como segundo volante e com o passar do tempo, ele estava perdendo espaço no clube paulista e quando o São Paulo o emprestou para o Real Madrid, não imaginava que ele se tornaria o jogador que ele se tornou, mas convém lembrar que ele “floresceu no Porto” quando ele foi recuado e passou a jogar como primeiro volante e depois de ganhar a confiança de Lopetegui nos Dragões, ele ganhou a confiança de Zidane nos “Blancos” e além deles, ele também ganhou a confiança de Tite na Seleção Brasileira e muito se imagina que se ele estivesse em campo contra a Bélgica, o Brasil não teria sido eliminado da Copa naquele jogo.

E para vocês? Casemiro é um dos melhores volantes do Mundo na atualidade?



Siga o Futebol Stats também no Google Notícias, CLIQUE AQUI e em seguida aperte em "Seguir"   

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Por favor, digite seu nome aqui